GENEALOGIA BRASILEIRA
Estado do Rio de Janeiro - Povoadores da Região Serrana

Família COELHO DE MAGALHÃES

 

                            Lênio Luiz Richa (lenioricha@yahoo.com.br)

 

 

           Joaquim Coelho de Magalhães, já estava no antigo arraial de Cantagalo, em 1800 (talvez vindo de Guarapiranga, MG, como outros do mesmo sobrenome, adiante, onde, por volta de 1775, já vivia um Antônio Coelho de Magalhães), cc. Micaela Pereira de Faria ou do Sacramento, parda, livre, com pelo menos (Cr, HB e Ig):
           Foi, provavelmente, o do mesmo nome que tinha, em 1856, as terras denominadas Aurora, em São Francisco de Paula, dividindo com Cândido Barreto da Silva Franco, Carlos José Chaves, José de Souza Figueiró, José Antônio de Moraes, Feliciano José Correia, Francisco José Leite, Francisco de Paula Lucas e com terras do patrimônio da Igreja (AP).

1.1 Maria Custódia Pereira, b. 1808, Cantagalo (padrinhos: Vicente Correia Rego e Antônia Joaquina Pereira, f. do Alferes Antônio Pereira), residente em Nova Friburgo, c. 1843, Cantagalo, com Joaquim Félix Gomes, de Avranches, Estado do Pará (talvez o mesmo Joaquim Félix Gomes Ceará, que era fazendeiro em São Francisco de Paula em 70), f. de Félix Gomes e Margarida Maria de Jesus (AL e HB).

2.1 Antônio Félix Gomes (hipótese), c. 1887, Trajano de Morais, com Francília Rodrigues Franco (DBB).

1.2 Florinda, b. 1810, Cantagalo. Padrinhos: Manuel Antônio Pereira e sua mulher Maria Moreira de Jesus (HB).

1.3 Laurentina, b. 1812, na Fazenda Bom Jardim, Cantagalo. Padrinhos: João Luís Ribeiro e Antônia Joaquina.

1.4 Joaquina, b. 1814, Cantagalo. Padrinhos: Guarda Mor João José Rodrigues Franco e Joaquina Maria da Conceição, f. de Joaquina Pereira Barbosa.

1.5 Luís Coelho de Farias Magalhães, n. cerca de 1839, Nova Friburgo, c. “1899”, Santa Maria Madalena, RJ, aos 60 anos, com Demetildes Rosa Cordeiro, n. Ubá, MG, f. de Inácio Luís Cordeiro e Silvânia Antônia Cordeiro. Testemunhas: José Teixeira da Mota e Manuel José Teixeira. Com pelo menos (DBB e Saraiva):

2.1 Sócrates, b. “1872”, Trajano de Morais.

2.2 Mortisa, b. “1875”, Trajano de Morais.

1.6 Micaela Luísa Pereira de Faria Magalhães (hipótese), cc. Joaquim Antônio de Medeiros, com pelo menos (DBB):

2.1 Maria, b. 1839, Cantagalo (f. de Micaela Luísa).

2.2 Joaquim, b. 1841, Cantagalo (f. de Micaela Pereira de Faria).

1.7 Belmira Micaela Pereira Faria Magalhães (hipótese), c. 1846, Trajano de Morais, com Francisco de Paula Lucas Valadão, com pelo menos (DBB):

2.1 Joaquina, b. 1847, Trajano de Morais.

2.2 Francisca, b. 1849, Trajano de Morais.

2.3 Maria, b. 1852, Trajano de Morais.

2.4 Ana, b. 1855, Trajano de Morais.

2.5 Isidora, b. 1860, Trajano de Morais.

1.8 Maria, b. 1847, Trajano de Morais (hipótese), “exposta a Joaquim Coelho de Magalhães” (DBB).

1.9 Alf. Luciano José Coelho de Magalhães (hipótese), fazendeiro em Cantagalo em 1848, cujos herdeiros tinham terras vizinhas à Fazenda São Primo, de João Guerreiro Bogado, em 1855, cc. Ana Francisca da Silva Magalhães, já f. 1841, com pelo menos (AL, Cr e HB):
- Obs.: Parece ser o do mesmo nome, n. Nova Friburgo, que enviuvando cc. Maria Amália de Souza Magalhães, depois de Souza Azevedo, inventariada em Cantagalo em 1875, que enviuvando dele, recebeu, juntamente com os demais herdeiros, a Fazenda Bemposta, em Euclidelândia (vizinha de Lino Barbosa de Castro, e do comendador Manuel Teixeira de Souza, em 1856), e a Fazenda Vargem Grande, às margens do Rio Paraíba (vizinha a outras terras de Lino Barbosa de Castro e da Fazenda Pedreira, de José Luciano Coelho de Magalhães), e c. 1857, Euclidelândia, aos 32 anos, com Acácio Américo Correia de Azevedo, n. Rio, de 26 anos. (AP, MJ, e informações sobre o 2º casamento dela, gentilmente enviadas pelo Sr. Getúlio Teixeira de Aguiar, encontradas no Livro 1, Termo 9, fls. 14v, de Euclidelândia, que muito agradecemos).

2.1 Carlota Justiniana Coelho de Magalhães, depois de Gouveia, de Guarapiranga, c. 1831, na Matriz de Cantagalo, com Antônio de Oliveira Senra, também de Guarapiranga, já f. 1864, f. de Manuel de Oliveira Senra e Jacinta Umbelina de Gouveia. Testemunhas do casamento: José Joaquim Soares e Manuel Pinto de Souza Sampaio. Tiveram pelo menos (DBB e HB):

3.1 Luciano de Oliveira Senra, n. Cantagalo, c. 1864, Itaocara, com Jacinta Angélica de Souza, n. Euclidelândia, f. de Antônio de Souza Lima Niquinho e Romana Angélica de Souza. Testemunhas: Acácio Américo Correia de Azevedo e Francisco Dias ... (Ig).

3.2 Francisco, b. 1839, Cantagalo (DBB).

3.3 Laura Justiniana de Gouveia Rodrigues (hipótese), cc. Francisco Rodrigues Franco, lavrador em São José do Ribeirão, brasileiros, com geração na família Rodrigues Franco (Ig).

2.2 Comendador Francisco Coelho de Magalhães, n. Guarapiranga, fazendeiro em Cantagalo em 1848, onde c. 1839, com Clara Maria dos Prazeres Lopes Martins, depois Magalhães, f. de João Lopes Martins e Ana Clara Teixeira (em Lopes Martins), com pelo menos (AL, DBB e HB):
           Foi, provavelmente, o do mesmo nome que fez o seguinte registro de terras em Euclidelândia, em 1856 (aparentemente todas vizinhas umas das outras, e dentro da Sesmaria Santa Rita): Tenho a Fazenda Santa Rita, em Euclidelândia, por compra a Emerenciana Maria da Silva (viúva de Antônio da Silva Freire), confrontando com José Teixeira de Carvalho, José Alves da Silva, Antônio Teixeira de Carvalho e Dionísio Ribeiro da Cunha Feijó. Outras terras compradas a José Ferreira Leal e Antônio José “Torres?”, dividindo com Dionísio Ribeiro da Cunha Feijó, com o Barão de Nova Friburgo, com José Ferreira Leal, João Procópio de São José, José Alves da Silva e Antônio Teixeira de Carvalho. E, ainda, outras terras arrematadas em praça, que pertenciam ao órfão Antônio da Silva Freire (Júnior), vizinhas a José Teixeira de Carvalho, João Burguez, Eufrásio Francisco de Oliveira e José Alves da Silva. (AP).

3.1 Francisco, b. 1841, Cantagalo (DBB).

3.2 Ana Clara de Magalhães, b. 1843, Cantagalo (o pai constou como “Carvalho de Magalhães"), c. 1861, com José Lourenço Belliene Neto, n. 1835, Cantagalo, f. 1891, com pelo menos 9 filhos: José Belliene, n. 1863, Juventina Belliene, n. 1864, Francisco André Belliene, n. 1865, Cândida Belliene, n. 1866, Júlia Belliene, n. 1868, Alice Belliene, n. 1869, Theophilo Belliene, n. 1872, f. 1887, todos em Euclidelândia, Cantagalo, e ainda: (DBB).

4.1 Geminiana Belliene, n. 1867, Euclidelândia, c. 1890, com Alfredo Solano da Fonseca, n. 1855, São Luís, Maranhão.

3.3 Ambrosina Maria de Magalhães Bogado, n. 1844, Cantagalo, onde foi b. fev/47, c. 1861, Cantagalo, com o cap. Francisco Guerreiro Bogado, n. 1836, Cantagalo, f. 1910, na Fazenda da Oliveira, cafeicultor na Fazenda Boa Esperança, em Euclidelândia e Cantagalo, f. de Tenente coronel João Guerreiro Bogado e Maria Justina da Purificação Bitencourt, com geração na família Guerreiro Bogado (AL, DBB, Ig e TC.2.132).

3.4 Luciano, b. mar/47, Cantagalo. (Ig).

3.5 Vergílio Coelho de Magalhães, n. 1855, Euclidelândia. (DBB).

2.3 Floriana Leopoldina de Magalhães Lopes Martins, n. Guarapiranga, c. 1841, Cantagalo, com o major da Guarda Nacional, Francisco Lopes Martins (que enviuvando, cc. Felizarda Lopes de Moraes Martins), f. do cap. João Lopes Martins e Ana Clara de Jesus Teixeira da Silva Frere, com geração na família Lopes Martins (HB).

2.4 José Luciano Coelho de Magalhães, n. São Miguel, Guarapiranga, dono da Fazenda Pedreira, em 1855 (vizinha de Maria Amália de Souza Magalhães, Pulquéria Maria do Livramento e da posse de Leonel de Freitas Ferreira, comprada de Manuel Pinto Marques), na beira do Paraíba, que havia sido ocupada em 1825 pelo falecido Manuel Pinto Marques. C. 1842, Cantagalo, com Fortunata Rosa de Macedo Magalhães, n. Cantagalo, f. de Manuel Joaquim de Macedo e Catarina Rosa de Jesus Macedo, com pelo menos (AP, Cr, DBB e HB):

3.1 Leogildo, b. 1845, Trajano de Morais (o pai constou como José “Laureano” Coelho de Magalhães) (DBB).

3.2 José, b. 1848, Cantagalo. Padrinhos: José Joaquim de Macedo e Bernarda Júlia de Macedo. Talvez o mesmo José Coelho de Magalhães, c. 1888, Cantagalo, com Julieta (...) (CBG e Cr).

2.5 Luciano José Coelho de Magalhães Júnior, padrinho em 1838 e testemunha em 42 e 55. Um deste nome c. 1871, Cantagalo, com Adelaide Lopes Martins (CBG, Cr, DBB e HB).

2.6 Manuel Coelho de Magalhães (hipótese), c. 1846, Trajano de Morais, com Clara Maria da Encarnação da Silva Freire, depois Magalhães, já f. 1868, quando seus 9 filhos herdaram do seu pai, f. de Francisco Luís da Silva Freire e Guilhermina Umbelina da Encarnação da Silva,  tiveram (DBB e Inventário):
           Provavelmente o mesmo que tinha a posse Maravilha, em 1855, na freguesia do Santíssimo Sacramento, Cantagalo, com vertente para o Rio Paraíba (vizinha à Fazenda São Lourenço, do comendador Francisco José dos Reis, à Sesmaria Palmeira, às posses São João, de João José Cosendey, Vertente do Paraíba, de Adão Uncler e Alto da Serra, de José Ambrósio Lugon), por compra a Manuel Joaquim de Macedo.
             Obs.: Neste ramo tivemos grande ajuda da amiga, jornalista, Leila Vilela, que gentilmente nos enviou o Inventário do Sr. Francisco Luís da Silva Freire.

3.1 Manuel, b. 1850, Trajano de Morais, que em 1868 herdou do avô, foi, provavelmente o mesmo Manuel Coelho de Magalhães, cc. Lúcia Cândida Coelho de Magalhães, brasileiros, já falecidos em 1901, com pelo menos (AP, DBB, Ig e Inventário):

4.1 Armanda Coelho de Magalhães Martins, n. 1880, Cantagalo, c. 1900, São Sebastião do Paraíba, Cantagalo, com seu parente Rogério Lopes Martins, n. "1870" e b. 1880, Trajano de Morais, lavrador, residente em Macuco, f. de Antônio Coelho de Magalhães Lopes Martins Sobrinho e Maria Cândida de Figueiredo Bogado Lopes Martins, com geração na família Lopes Martins (AL, Ig e TC.II.132).

3.2 Ana, n. cerca de 1851, tinha 16 anos em 1868, quando herdou do avô (Inventário).

3.3 Maria, b. 1852, Trajano de Morais, herdou do avô em 1868 (DBB e Inventário).

3.4 Luciano, b. 1854, Trajano de Morais, herdou do avô em 1868.

3.5 Francisco, n. cerca de 1856, tinha 12 anos em 1868, quando herdou do avô (Inventário).

3.6 Guilhermina, n. cerca de 1858, tinha 10 anos em 1868, quando herdou do avô.

3.7 Joaquim, n. cerca de 1860, tinha 8 anos em 1868, quando herdou do avô.

3.8 Elídia, n. cerca de 1861, tinha 7 anos em 1868, quando herdou do avô.

3.9 Perciliana, n. cerca 1862, tinha 6 anos em 1868, quando herdou do avô.

2.7 Silvério Coelho de Magalhães (hipótese), vigário de São Francisco de Paula em 1848 (AL).

2.8 Antônio Coelho de Magalhães (hipótese), c. 1850, Trajano de Morais, com Beralda Júlia de Macedo, com pelo menos (DBB):

3.1 Ana, b. 1856, Trajano de Morais.

2.9 Maria Joaquina Coelho de Magalhães, depois Macedo (hipótese), c. 1850, Trajano de Morais, com Jerônimo Alves de Macedo, com geração (DBB e Ig).

2.10 Freitão Coelho de Magalhães (hipótese), c. 1856, Cantagalo, com Jacinta Umbelina de Oliveira (CBG).

2.11 Maria Amália de Souza Magalhães (hipótese, parece que poderia ser filha ou uma 2ª esposa do alferes Luciano Coelho de Magalhães), tinha com seus herdeiros, em 1856, as Fazendas Bemposta (vizinha de Lino Barbosa de Castro e do comendador Manuel Teixeira de Souza), em Euclidelândia, e Vargem Grande, nas margens do Rio Paraíba (vizinha a outras terras de Lino Barbosa de Castro e da Fazenda Pedreira, de José Luciano Coelho de Magalhães) (AP).

2.12 José Joaquim Coelho de Magalhães (hipótese), “fazendeiro em São Francisco de Paula em 70, em sociedade com seus irmãos”, c. 1863, Trajano de Morais, com Maria Rosa da Silva Franco, depois Coelho de Magalhães, com pelo menos 9 filhos, todos batizados em Trajano de Morais (AL e DBB):

3.1 Cândido Coelho de Magalhães, b. 1864, c. 1889, Trajano de Morais, com a viúva Antônia de Moraes Magalhães, com pelo menos (DBB):

4.1 Bertralda, b. 1892, Trajano de Morais.

3.2 Arnaldo Coelho de Magalhães, b. 1867, cc. Eugênia de Magalhães e, foi provavelmente o mesmo, c. 2ª vez, 1893, Trajano de Morais, com Maria de Freitas Brito Magalhães, com pelo menos (DBB):
                De Eugênia de Magalhães:

4.1 Antônio, b. 1889, Trajano de Morais.

                De Maria de Freitas:

4.2 Ercília, b. 1894, Trajano de Morais.

4.3 Elzira, b. 1898, Trajano de Morais.

4.4 Olinto, b. 1900, Trajano de Morais.

3.3 Cacilda, b. 1873.

3.4 Henrique Coelho de Magalhães, b. 1874, c. 1895, Trajano de Morais, com Donária Soares de Melo Magalhães, com pelo menos (DBB):

4.1 Amanda, b. 1896, Trajano de Morais.

4.2 Alsácia, b. 1898, Trajano de Morais.

4.3 Aneris Maria, b. 1900, Trajano de Morais.

4.4 Henrique Magalhães Filho, b. 1901, Trajano de Morais, cc. Zenaide Francisca de Almeida Magalhães, com 11 filhos, entre os quais: (DBB e informações gentilmente enviadas pelo neto do casal, Sr. Maurício Magalhães Entringer, incluindo os dois filhos abaixo, o que muito agradecemos).

5.1 Augusto de Magalhães, n. 1943, f. 1991.

5.2 Maria José de Magalhães, f. 2013.

3.5 José, b. 1877, talvez o mesmo José Coelho de Magalhães, c. 1905, Trajano de Morais, com Dolores Ciríaco de Magalhães, com pelo menos (DBB):

4.1 Maria Luísa, b. 1902, Trajano de Morais.  

3.6 Maria, b. 1877, no mesmo dia em que o irmão José.

3.7 Coleto, b. 1879.

3.8 Alice, b. 1881.

3.9 Luísa, b. 1883, talvez a mesma Luísa Coelho de Magalhães, c. 1906, Trajano de Morais, com José de Souza Vieira.

3.10 Telasco Coelho de Magalhães (hipótese), c. 1890, Trajano de Morais, com Teresa Maria da Conceição (de Moraes), com pelo menos (DBB):

4.1 Alfredo, b. 1890, Trajano de Morais.

4.2 Antônio, b. 1890, Trajano de Morais, no mesmo dia em que o irmão .

 

Nota nº 1:

Nesta família recebemos grande ajuda do amigo, genealogista, Darli Bertazzoni Barbosa e da amiga, jornalista, Leila Vilela.

 

Ir para: Página Principal,    Índice Geral,    Imigração árabe,    Títulos Perdidos,      Tiradentes    Batch Number,     Códigos e Bibliografia