GENEALOGIA BRASILEIRA
Estado do Rio de Janeiro - Povoadores da Região Serrana

Família DIAS LADEIRA

                                       Lênio Luiz Richa (lenioricha@yahoo.com.br)

 

 

          Domingos Dias Ladeira, f. 1699, cc. Domingas Fernandes, com pelo menos (Vânia, GM):

1.1 Manuel Dias Ladeira, português, cc. Maria Fernandes.

1.2 André Dias Ladeira, b. 1656, São Miguel de Fermelã, conselho de Estarreja, diocese de Aveiro, Portugal, sendo padrinhos: Antônio Gonçalves Cartaxo e Maria Fernandes, mulher de Manuel Dias, todos de Fermelainha (Assinou: Domingos Fonseca, coadjutor, livro de assentos da Freguesia de São Miguel de Fermelã, no microfilme 1332292, item 4, do acervo da Sociedade Genealógica de Utah). Falecido com testamento em 1727, referido como “da Rua do Vale”. Assinou: Dom Augusto Manuel da Silva (ou Dom Augusto de Sobral Amaral). (Livro de óbitos de São Miguel de Fermelã, no  microfilme nº 1332293, item 7, da Sociedade Genealógica de Utah).
          C. 1684, com Domingas Fernandes, n. Portugal, f. 1730, São Miguel de Fermelã (Assinou: Dom Augusto Manuel da Silva ou Dom Augusto de Sobral Amaral, foram testemunhas: Manuel Dias, João Fernandes e Mateus Rodrigues, padre Pantaleão Afonso Alfena, livro de casamentos da freguesia de Fermelã, Concelho de Estarreja, diocese de Aveiro, que antes foi do bispado de Coimbra, conforme microfilme nº 1332293, item 3, do Centro de História da Família e livro de óbitos de São Miguel de Fermelã, no microfilme 1332293, item 7, da Sociedade Genealógica de Utah), f. de Antônio Fernandes Raposo.

2.1 Domingos Dias, padrinho de batismo do irmão.

2.2 Sargento-mor Manuel Dias Ladeira (vide Nota nº 1, no rodapé), n. São Miguel Arcanjo de Fermelã, conselho de Estarreja, diocese de Aveiro, bispado de Coimbra, b. 1687 (pelo padre coadjutor Manuel de Resende, sendo padrinhos Domingos Dias, seu irmão, e Maria Rodrigues, f. de Mateus Rodrigues, todos da Vila de Fermelã), fct. 1750.
          Cc. Maria de Souza Caldas, n. São Gonçalo de Macacu, RJ, f. 1794, proprietária do sítio Boa Vista, em Prados, MG, f. do Cap. Mor Batista Veloso (ou Batista de Caldas e Castro), n. de Santa Marinha de Verdoejo, Couto de Sanfim (ou da Santíssima Trindade), Valença do Minho, arcebispado de Braga, e Luísa de Souza Cordeiro (depois Luísa de Souza Caldas), b. 1673 ou 1683, São Gonçalo (padrinhos: Baltasar de Matos e Faustina Rodrigues, mulher de Francisco João), np. de Álvaro Veloso de Caldas, mestre cirurgião, e Beatriz Gomes, moradores no Quinteiro, nm. de  Miguel Rodrigues Galhardo, n. da Sé, da cidade do Porto (este f. de Miguel Fernandes e Luísa Rodrigues), e Teresa Cordeiro, com pelo menos 8 filhos, que sobreviveram à mãe. (VT.1.272 e 3.68):

3.1 Maria das Neves Dias, de Itaverava, MG, cc. o Sarg. Mor Amaro de Souza Godinho, n. Santa Maria de Bouro, Portugal, f. de João de Almeida e Tereza de Souza, com pelo menos (HB, VT.1.272, 3.179/80 e ZC.92):

4.1 Josefa Maria Ladeira de Souza Caldas, b. 1750, Prados, MG, c. na Fazenda da Cachoeira do Chopotó, São Caetano, Guarapiranga, MG, em 1767, com o Alf. Manuel Vieira de Souza, n. 1722, São Martinho de Lagares, Penafiel, Porto, f. 1798, na mesma Fazenda, f. de Manuel Vieira e Maria de Souza, com geração na família Vieira de Souza (VT.1.272, 3.179/80, ZC.92 e 120 e TC.II.108 e 358/9).

4.2 Ana Francisca de Souza e Castro, n. Itaverava, “neta de Maria de Souza Caldas", cc. o alferes Antônio Vieira de Souza, n. São Martinho de Lagares, f. Piranga, MG, irmão do Alf. Manuel Vieira de Souza, do item anterior, com geração na família Vieira de Souza (HB, TC, VT.1.272, 2.377, 3.179/80 e ZC.92).

4.3 Maria de Souza Godinho (hipótese), de Santo Antônio de Itaverava, MG, em cuja casa foi exposto o menino (Cr e HB):

5.1 Luís de Souza Godinho, testemunha em testamento aberto em 1825 e de casamento em em 1826, em Cantagalo (onde teve terras no Córrego dos Tanques, Euclidelândia, que vendeu a José Teixeira de Carvalho, cuja viúva registrou em 1855), c. 1835, nessa cidade, com Maria da Glória Rodrigues Godinho, b. Santa Rita, Rio, que residiu na Bahia, dona da situação Paraíso do Córrego dos Índios, São Sebastião do Alto, RJ, f. de (...) e Benta Maria do Espírito Santo, com pelo menos (Cr e HB):

6.1 Luísa de Souza Godinho, n. Euclidelândia, c. 1861, Itaocara, com José Emiliano Eccard, n. Nova Friburgo, f. de Bernardo Adolfo Eccard e Maria Clemência Eccard. Testemunhas do casamento: Luís Tani e Manuel José Pinto (MP).

6.2 Maria de Souza Godinho, n. Euclidelândia, c. 1862, Itaocara, com Fernando Eduardo Henriques Frauches, n. Cantagalo, f. de João Abrahão Frauches e Ana Maria Lugon. Testemunhas do casamento: José Vieira Rodrigues (ou José Ferreira Rodrigues) e José Emílio (...) (Márcio Seixas e MP).

6.3 Jesuína de Souza Godinho, n. Euclidelândia, c. 1862, Itaocara, com Estevão Eugênio Lugon, n. Cantagalo, f. de Jeremias Lugon Mulet e Maria Isabel. Testemunhas do casamento: Pedro Esteves Poubel Sobrinho e Francisco Xavier Poubel (...).

6.4 Alda de Souza Godinho, n. Cantagalo, c. 1864, Itaocara, com Francisco da Cunha Pereira, n. Porto, f. de Francisco da Cunha e Quitéria Pereira. Testemunhas do casamento: José Emílio Eccard e Luís Antônio Alves Viana.

3.2 João Dias Ladeira, cc. Maria Josefa de Santa Eufrásia, f. de José da Costa e Oliveira e Leonor Pereira de Jesus, np. de André de Oliveira Raio e Antônia da Costa Azevedo, naturais de São Victor, Braga, nm. do Sarg. Mor Alexandre Pereira de Araújo, n. São Salvador de Barbeita, Braga, e Maria Josefa de Jesus, da Sé de Pernambuco, com pelo menos (JR.6.1 e VT.1.272):

4.1 Padre Fabiano Dias Ladeira, n. Prados, b. 1785, ordenado em Mariana, em 1812, vigário encomendado de Santo Antônio do Amparo.

3.3 Sargento-Mor Manuel Dias Ladeira, n. Prados (padrinhos: Ten. Antônio Gonçalves Poça e Ana Joaquina, mulher do Alf. Domingos Rodrigues Dantas, todos moradores em Prados), cc. Maria Vitória Vieira de Almeida, de Santo Antônio de Itabira, f. de Antônio de Freitas Soares, n. São Romão de Arroes, Guimarães, e Maria Vieira Veiga (ou Maria Vieira da Veiga), n. da Sé, Rio, com pelo menos (HB, VT.1.272 e 3.68): 

4.1 Sarg. Mor Manuel Dias Ladeira de Castro, n. 1762, Nossa Senhora da Conceição dos Prados, f. 1816, Cantagalo, com “52” anos, onde foi padrinho em 1807, cc. Maria Inês da Câmara (em Arrudas Câmaras), de Guarapiranga, e com Ana Joaquina de Souza e, com esta, foi padrinho em Cantagalo em 1812, com pelo menos (HB, MP e VT.1.272):
          De Maria Inês da Câmara:

5.1 Francisca Rosa da Câmara, f. 1816, com 24 anos, sepultada no cemitério da Fazenda Bom Jardim, cc. seu parente, Manuel Vieira do Espírito Santo, de Chopotó, MG, que em 1812 foi nomeado guarda-mor do Rio Imbé, onde hoje existe o Município de Trajano de Morais, RJ, proprietário da Fazenda Nossa Senhora da Conceição do Rio Negro, f. de Antônio Vieira de Souza e Ana Francisca de Souza e Castro, acima, com geração na família Espírito Santo. (AP, HB, TC.1.25, 32 e 2.111).

          De Ana Joaquina de Souza:

5.2 Fortunata Sabina do Sacramento, de Guarapiranga, MG, c. 1834, Cantagalo, com João Crisóstomo Filgueiras, de São José do Rio das Mortes, MG, viúvo de Maria da Cunha. Testemunhas do casamento: Francisco Vieira de Souza e Laurindo José da Costa (HB).

6.1 Manuel Crisóstomo Filgueiras (hipótese), fazendeiro em Duas Barras (em 1856 era vizinho da posse São Gonçalo, de José Vieira de Carvalho e da Sesmaria de São João da Pedra, herdada dos pais por José, Francisco, Paulo e Luís Vieira de Carvalho), cc. Durvalina Barbosa Filgueiras (AL, AP e Ig):
          Manuel, assinou, em 1855, a rogo de Fortunata Sabina do Sacramento, o registro das terras dela e da irmã Firmiana Rosa de Jesus (vizinhas de José Gonçalves de Souza e da posse São Gonçalo, do sobrinho delas, José Vieira de Carvalho), por herança da mãe Ana Joaquina de Souza, na Fazenda Três Barras (AP).
          O casal teve, pelo menos:

7.1 João Crisóstomo Filgueiras, n. RJ, fazendeiro em Duas Barras, cc. Emília Porcina Filgueiras, n. RJ, f. de Joaquim Vieira de Carvalho e Maria Cristina Vieira, com pelo menos: (AL e Ig):

8.1 Maria do Carmo Filgueiras, n. 1891, Carmo, onde c. 1913, com  Manuel Ferreira Marcelino Júnior (2ª esposa), lavrador, n. cerca de 1889, RJ, residente no 1º distrito, f. de Manuel Ferreira Marcelino e Cristina Ferreira de Souza, residentes na Fazenda Santa Fé, no Carmo (Ig).

8.2 João, n. 1896, Carmo. 

6.2 Firmiana Rosa de Jesus, mencionada no registro do item 4.1, anterior (AP).

          O documento não diz de qual das esposas:  

5.3 Francisca Clara de Jesus (madrinha de batismo em Cantagalo em 1809, juntamente com o Alferes Francisco Gonçalves Gato). Talvez a do mesmo nome, n. de Guarapiranga, exposta, c. 1811, Cantagalo, com Pedro Francisco Martins, f. de João Homem Martins e Maria Francisca (em Arrudas Câmaras).(Cr e HB).
          Pedro Francisco tinha uma posse na Sesmaria da Boa Esperança, no termo de Cantagalo, em 1855 (vizinha de José Veríssimo da Silva, de Manuel José de Sá e/ou seus herdeiros e, da Fazenda Boa Esperança, de José Alves de Souza), comprada em 1810, do Alf. Francisco Vieira e uma chácara no Arraial de Nossa Senhora da Conceição do Rio Negro, comprada de Francisco José da Silveira, vizinha de José Vieira de Souza (AP).
          O casal teve, pelo menos:

6.1 Maria, b. 1812, no oratório da Fazenda Bom Jardim, Cantagalo. Padrinhos: Manuel Dias Ladeira e sua mulher Ana Joaquina de Souza (HB).

6.2 Francisco, b. 1815, na Fazenda Bom Jardim (padrinhos: Alf. Antônio da Silveira Azevedo e sua mulher Ana Clemência Gomes), f. no mesmo ano.

6.3 Ana Clara de Jesus, b. 1817, Cantagalo (padrinhos: Alf. Manuel Vieira de Souza, por procuração ao seu filho Manuel Vieira de Souza Almada), c. 1835, Cantagalo, com Venâncio do Nascimento Ribeiro, de Santo Antônio do Rio das Velhas, bispado de Mariana, f. de Venâncio de Assis Ferreira (ou Venâncio de Assis do Nascimento Ribeiro) e Teresa Francisca de Jesus.

6.4 Eugênia, f. 1819, Cantagalo, com 3 mêses.

6.5 Francisca Clara da Conceição, n. Cantagalo, c. 1840, Duas Barras, com Manuel José Veloso, também de Cantagalo, f. de Bento José Veloso, que tinha terras no Rozendo, perto da Tapera, em Duas Barras, e Mariana Joaquina do Amor Divino, c.ger. em Almeidas Nunes. (DBB e HB).

6.6 Luís Gonzaga Martins, de Cantagalo, fazendeiro em Duas Barras, c. 1843, Cantagalo, com Ana Maria da Conceição, da mesma cidade, f. de Bento José Veloso e Maria Joaquina do Amor Divino (em Almeidas Nunes). (AL e HB).

6.7 Eugênia Clara de Jesus, n. Cantagalo, onde c. 1844, com Joaquim José Veloso, da mesma cidade, fazendeiro em Duas Barras,  f. de Bento José Veloso e Maria Joaquina do Amor Divino, c.ger. em Almeidas Nunes. (AL, DBB, HB e MJ).

6.8 José Antônio Martins, n. Cantagalo, onde foi fazendeiro (em 1855 assinou um registro de posse na Sesmaria da Boa Esperança, pelo seu pai), c. 1848, Cantagalo, com Joana Rosa de Jesus, da mesma cidade, f. de Bento José Veloso e Mariana Joaquina do Amor Divino (em Almeidas Nunes). (AL, AP e  HB).  

5.4 Emerenciana de Jesus (hipótese, vide Nota nº 2), cc. (...), com pelo menos (HB):

6.1 Manuel Quintino Dias Ladeira, testemunha de casamento em Cantagalo em 1845, onde c. 1832, na igreja matriz da cidade, com Constância Maria de Jesus, de Itaverava, MG, f. de (...) e Constância Maria de Jesus,  com pelo menos (DBB e HB):

7.1 Antônia Maria de Jesus, n. Cantagalo, onde c. 1848, com José Luís Batista, de Ouro Branco, MG, f. de (...) e Maria Luísa, já f. 1848 (HB).

7.2 Delfina, n. e b. 1856, no Frade, Macaé (DBB). 

5.5 Manuel Quintino Dias Ladeira (hipótese, muito provavelmente o mesmo acima), cc. Francisca Maria de Jesus, n. Cantagalo, com pelo menos (DBB):

6.1 Rita Maria de Jesus Dias Ladeira, c. 1867, Cantagalo, com Felipe José Diniz Júnior, n. de Nova Friburgo, f. de Felipe José Diniz e Maria da Conceição, com pelo menos (DBB e Ig):

7.1 Augusto José Diniz, lavrador, n. Duas Barras, onde cc. Maria Luísa Pinheiro Diniz, n. da mesma cidade, f. de Francisco Luís Pinheiro e Ana Maria Pinheiro, com geração na família Pinheiro (Ig). 

5.6 João Dias Ladeira (hipótese), lavrador em Cantagalo, já f. 1899, em Estrada Nova, Itaocara, cc. Ana Dias de Moura Ladeira, brasileiros, lavradores em Estrada Nova, residentes na Floresta, Cantagalo, com pelo menos (Ig):

6.1 Júlio Dias Ladeira, n. cerca de 1864, lavrador em Duas Barras, c. 1897, Cantagalo, com Alzira Lopes Honorato, n. por volta de 1878, f. de Joaquim Lopes Honorato, brasileiro, e Ludovina Ana Honorato, portuguesa. Testemunha do casamento: Maria Coimbra Vieira (Ig).

6.2 Brasilina Maria Dias Ladeira, (depois Brasilina Maria Gomes de Carvalho), n. cerca de 1868, RJ, brasileira, c. São Sebastião do Alto, com Solvelino Teixeira de Carvalho, n. por volta de 1866, RJ, lavrador em Cantagalo, f. de Silvino Teixeira de Carvalho e Luíza Maria Clara de Jesus Teixeira de Carvalho, com geração na família Teixeira de Carvalho.

4.2 Antônio Dias Ladeira de Castro, n. 1785, cursou cânones de 1757 a 1761, c. em (Casa?) Branca, com Josefa Rosa de Souza Menezes, f. do Cap. Manuel Nunes Pinto e Joana Maria de Almeida (VT.1.273).

4.3 José Dias Ladeira, c. 1801, com sua tia Francisca Clara Teixeira, irmã germana da sua mãe Maria Vitória (VT.1.273).

4.4 Maria Francisca de Jesus, f. 1814, com 33 anos, sepultada na Fazenda Bom Jardim, em Cantagalo, cc. Salvador Teixeira da Silveira, n. cerca de 1767, Nossa Senhora da Conceição, Guarapiranga, f. 1833, com 66 anos, em Nova Friburgo, que em 1808 ainda estava em Minas, f. de Antônio Teixeira e Maria Correia da Silveira, com geração na família Teixeira da Silveira (HB).  

4.5 Ana Joaquina de Souza, f. 1809, Cantagalo, cc. José Gonçalves de Souza, n. MG, f. 1811, Cantagalo, com cerca de 70 anos, f. de José Martins de Souza e Antônia de Brito Camargo (vide ascendência, até ao início da colonização do Brasil, em Lopes Silvas), com pelo menos (HB):

5.1 Antônio Gonçalves de Souza, b. 1808, Cantagalo (padrinhos: João Luís Ribeiro e Francisca de Arruda Câmara), onde c. 1836, com Francisca Rosa da Silva, da mesma cidade, f. de João Inácio da Silva, n. São Pedro, Ilha Terceira, e Ana Rodrigues da Costa Brito, n. Chopotó, Guarapiranga, MG.  

4.6 Albino Dias Ladeira de Castro (hipótese), consta de um documento de 1867, como se pode ver no Arquivo da Torre do Tombo, on-line.

3.4 Ana Joaquina de Souza, c. 1758, com o Alf. Domingos Rodrigues Dantas (vide Nota nº 3), n. Santa Maria de Sá, Ponte de Lima, Viana do Castelo, residentes em Prados, MG, f. do capitão Bernardo Rodrigues Dantas, n. 1694, Santa Maria de Sá, f. 1773, Prados, e Catarina de Assunção Xavier, n. 1719, Tiradentes, MG (tia do herói da Inconfidência Mineira, que deu nome à cidade), np. de Pascoal Rodrigues e Paula Rodrigues, nm. de Domingos Xavier Fernandes e Maria de Oliveira Colaço ou Maria de Oliveira Sá (Vital Brasil, Mineiro da Campanha, de Lael Vital Brasil, fls. 85, TC, VT.1.273 e 3.182).    

3.5 Padre doutor Antônio Dias Ladeira, n. 1737.

3.6 Úrsula das Onze Mil Virgens, cc. José Machado Luís.

3.7 Joaquim Dias Ladeira, cc. Vicência Rita das Neves.

3.8 José Dias de Castro Ladeira, b. 1749, Prados (padrinho: padre Manuel Gomes da Costa; celebrante: vigário Antônio Lima Soares), f. 1805, na mesma cidade (Assinou: Vigário José Gonçalves Torres), onde cc. Catarina Gonçalves de Moura, b. 1759 (padrinhos: José Rodrigues Medina, solteiro, de Congonhas do Campo, e Teresa de Souza Caldas, viúva de José Viçoso; vigário Manuel Martins de Carvalho), f. 1811, Prados (vigário: José Gonçalves Torres),  f. do Cap. João Gonçalves de Moura, n. e b. no arcebispado de Braga, e de Maria Genebra, n. e b. Prados, np. de Manuel Gonçalves e Maria Pam, nm. de Luís Gonçalves Gaia, n. e b. no bispado do Porto, e Ana da Cunha, de São Paulo (cuja ascendência, até ao início do povoamento do Brasil, está no Título Oliveiras Leitões, neste site), com pelo menos (8º livro de óbitos da paróquia de Prados, MG):

4.1  Manuel Dias Ladeira (VL).

4.2 Antônio Dias Ladeira, b. 1785, Prados, onde c. 1815, com Maria Clara Rodrigues, b. 1796, na mesma cidade, f. de Francisco Rodrigues Vale e Maria Teixeira de Jesus (ou Maria Teixeira de Carvalho), b. Prados, nm. do Ten. Antônio Teixeira de Carvalho e Josefa de Jesus Monte, com pelo menos (DCV):

5.1 José Rodrigues Ladeira (ou João Rodrigues Ladeira), b. 1821, Prados, f. Prata, MG, c. 1843, Prados, com Maria Luísa de Sene, b. 1828, Prados, f. 1909, Prata, para onde mudaram após 1856, onde o marido obteve um Cartório de registro Civil, f. de José Bonifácio Silva e Ana Senhorinha Malta, com entre outros (DCV e Anselmo Roberto de Castro Salles):

6.1 Ana Senhorinha de Castro Ladeira, b. 1844, Prados, onde f. 1904, c. aí, 1856, com Francisco Ferreira de Carvalho, b. 1836, na mesma cidade, onde f. 1909, f. de José Ferreira de Carvalho e Maria Salomé, com pelo menos (DCV):

7.1 Adelaide Ferreira de Carvalho, b. 1877, Prados, f. 1954, São João de El-Rei, c. 1895, Prados, com Randolfo Cardoso Vale, b. 1873, Prados, onde f. 1906, f. de José Cardoso Silva e Maria Amália Rodrigues Vale, com pelo menos (DCV): 

8.1 Francisco Cardoso Vale, b. 1897, Prados, onde f. 1973, c. 1920, na mesma cidade, com Inah Vale Assis, b. 1902, Belo Horizonte, MG, f. 1967, Prados, f. de Antônio Patrício de Assis e Maria Querubina Campos (em Portes de El-Rei), pais do Sr. Dario Cardoso Vale, n. 1922, Prados, historiador e genealogista, que gentilmente, nos enviou a sua árvore de costado, constante de 20 gerações.

6.2 Maria José de Castro, f. com 100 anos, residia na cidade do Prata, cc. Honório José de Salles, n. 1832, Uberaba, f. de Francisco José de Salles e Anna Antônia Vieira, com grande geração, entre os quais: (informação gentilmente enviada pelo seu bisneto Anselmo Roberto de Castro Salles, de Prados, MG, o que muito agradecemos).

7.1 João de Castro Salles, cc. Leovergília Chaves Salles, f. de João Augusto Chaves, n. Russas, CE, e Mercedes Martins Chaves, n. Monte Alegre, MG, nm. de João Modesto de Sá, Farmacêutico e proprietário rural, nas margens do Ribeirão Babilônia, pais de:

8.1 Aristides de Castro Salles, cc. Eunice Ferreira Salles, n. Coromandel, MG, da família dos Matias, pais de:

9.1 Anselmo Roberto de Castro Salles, c. 1ª vez com Cibele Chapadeiro e, 2ª, com Poliana Santos Barbosa, com geração de ambas as esposas.

 

Nota nº 1: Para este casal recebemos muitas informações anotadas pelo seu descendente, o renomado genealogista e historiador Dario Cardoso Vale (autor do livro Memória Histórica de Prados), bem como os nomes dos pais e avós, com suas respectivas informações, e dos filhos de 1.5 até 1.8 (até onde sabemos, tudo isto inédito nos autores brasileiros), constantes de microfilmes da Sociedade Genealógica de Utah e do Centro de História da Família, da Igreja de Nosso Senhor Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, sobre: São Miguel de Fermelã, Portugal, São Gonçalo de Macacú, Irajá e Cúria do Rio de Janeiro, RJ, e Mariana, Tiradentes e Prados, MG, gentilmente enviadas pela parenta da sua esposa, a amiga, genealogista, Vânia Lucia de Oliveira, de São Paulo, SP.

Nota nº 2: Neste item tivemos grande colaboração do amigo, genealogista, Darli Bertazzoni Barbosa, de Londrina, PR. 

Nota nº 3: No livro Velhos Troncos Mineiros, o alferes Domingos Rodrigues Dantas é mencionado como filho de Pascoal Rodrigues e Paula Rodrigues, o que pelas datas conhecidas parece engano.

Nota nº 4: Esta genealogia é a primeira publicada sobre esta família, depois da do Cônego Trindade (que fez, apenas, o início, visto que muitos membros da família mudaram-se de Minas para o Estado do Rio e o importante linhagista perdeu as suas pistas), assim, pesquisamos todos os municípios da região de Cantagalo/Nova Friburgo, RJ, e publicamos na Internet, agora, notamos que estamos sendo seguidos por outros genealogistas.

 

Ir para: Página Principal,    Índice Geral,    Imigração árabe,    Títulos Perdidos,      Tiradentes    Batch Number,     Códigos e Bibliografia