GENEALOGIA BRASILEIRA
Estado do Rio de Janeiro - Povoadores da Região Serrana

Família FARIA SALGADO

 

                                      Lênio Luiz Richa (lenioricha@yahoo.com.br)

 

 

          André de Faria Salgado, n. por volta de 1742, Guarapiranga, MG, f. de Antônio de Faria Salgado, n. 1698, Santa Maria do Telhado, Vila Nova de Famalicão, Braga, e Inácia Pereira Dias, b. cerca de 1715, Guarapiranga, MG, np de Bernardo da Rocha ou de Faria Salgado e Domingas de Souza, nm. do Sarg. mor Mateus Pereira Dias, n. Mártires, Lisboa, e Maria Rodrigues Montemor, n. Taubaté.
          Por sua mãe, Inácia Pereira Dias, liga-se aos primeiros povoadores de que restou memória no Brasil, citados na Genealogia Paulistana, de Silva Leme (vide toda a ascendência no título Dias Teveriçás, neste site).
          André tinha os seguintes irmãos: Antônio de Faria Salgado, Miguel de Faria Salgado, Arcângela de Faria, Ana Inácia de Faria, Joana de Faria e Rosa de Faria.
          Cc. Maria Angélica de Faria Salgado, com pelo menos: (Livro "Encontro com os Ancestrais", de Pedro Wilson Carrano Albuquerque, fls. 376). 

1.1 Alf. Teodoro de Faria Salgado, b. 1769, São Caetano do Xopotó (atual Cipotânia), MG, morador em Além Paraíba, MG, f. 1843, Euclidelândia, RJ, c. 1ª vez, 1757, Ouro Preto, MG, com Joana Rosa de Sousa, f. de João Dias de Sousa e Esméria Maria dos Prazeres e, 2ª, em 1800, nesta mesma cidade, com Francisca Maria da Silva, n. 1772, em Ouro Preto, f. São Sebastião do Alto, RJ, 1857, f. de Antônio da Costa e Silva e Rosa Ferreira de Sousa, com 8 filhos: (EA.375, 389, 391, e informações gentilmente enviadas pelo amigo genealogista Pedro Carrano).
            Da 1ª esposa, pelo menos 1 filho:

2.1 Claudiano de Faria Salgado, n. 1800, Ouro Preto.

            Da 2ª esposa, 7 filhos:

2.2 Francisco de Faria Salgado, n. por volta de 1818, Senhora dos Remédios, MG, f. com testamento em 1895, São Sebastião do Alto, onde foi Tenente Cel. da Guarda Nacional, cafeicultor, dono das Fazendas São Tomás e Córrego dos Índios de 1855 a 82 (esta confrontando com a Fazenda Feliz Descanso, do Major Joaquim Machado Botelho, com a situação Paraíso do Córrego dos Índios, de Maria da Glória Godinho, com a situação Vargem Grande, no Córrego dos Santos e outras propriedades. Talvez vizinho também da situação Meia Laranja do Córrego do Santo, em São Sebastião do Alto, em 56, de João Nunes, por herança da mulher do mesmo).
          Foi também mencionado como filho de Antônio de Faria Salgado e Antônia Maria Clara da Silva Freire, o que nos pareceu engano.
          C. cerca de 1838, com Custódia Eufrásia de Moraes, n. 1819, RJ, f. 1892, São Sebastião do Alto, RJ, que poderia ser a mesma Eufrásia de Jesus de Moraes, f. de Antônio Rodrigues de Moraes Coutinho, n. Portugal, f. por volta de 1834, Bonfim, MG, que em 1794 era proprietário da Fazenda Campo Alegre, em Queluzito, MG, e Maria Felizarda de Jesus, provavelmente mineira, c.ger. na Família Moraes (AL, AP, DBB, HB e EA.375).

3.1 Francisco de Faria Salgado Júnior, cc. sua prima em 3º grau, Maria Cândida da Silva, irmã da sua cunhada Emerenciana Cândida da Silva, adiante (EA.376).

3.2 Antônio de Faria Salgado Primo, fazendeiro em Frecheiras, São João do Paraíso, São Fidélis, RJ, em 1879 e 82 (AL e EA.376).

3.3 Custódia de Faria, depois Custódia Faria de Carvalho, cc. seu parente Custódio Teixeira de Carvalho, fazendeiro em São Sebastião do Alto de 1869 a 85, que em 1892 foi o declarante do óbito da sogra Custódia Eufrásia de Moraes, acima e, em 1916, comprou terras do inventário de Joaquim de Faria Salgado, com geração na Família Teixeira de Carvalho (AL, Ig e EA.376, 385 e 386).

3.4 Cândida Maria de Faria Salgado, cc. Francisco Gomes de Araújo, f. de Celestino Gomes de Araújo e Joaquina Henriques de Araújo Lessa (EA.376 e LR.310).

3.5 Emília de Faria (EA.376).

3.6 Maria Rita de Faria.

3.7 Hipólita Maria de Faria.

3.8 Emerenciana de Faria.

3.10 Felicíssimo de Faria Salgado Sobrinho, Inspetor de Quarteirão em Santa Maria Madalena em 1882 (AL e EA.376).

3.11 Joaquim de Faria Salgado, n. 1855, São Sebastião do Alto, RJ, onde era proprietário da Fazenda dos Órfãos, no Córrego dos Índios, f. 1912 c. 1ª vez, 1873, Angustura, MG, com sua prima em 3º grau Emerenciana Cândida Pessoa ou da Silva, b. 1856, Além Paraíba, f. 1880, Angustura, MG, f. de Manuel Rodrigues Pessoa e Maria Rosa ou Cândida da Silva Pessoa e, 2ª, 1882, também em Angustura, com Ana Angélica da Silva, com geração da 1ª esposa na Família Rodrigues Pessoa (AL e EA.376).

4.1 Maria Cândida de Faria, depois de Albuquerque, a “Pombinha”, n. 1875, Angustura, f. 1907, Astolfo Dutra, MG, c. 1891, Angustura, com Franklin Sezinando de Albuquerque, n. 1868, Angustura, f. de José Antônio de Albuquerque e Patrocínia Maria da Conceição, com geração no livro Encontro com os Ancestrais, de Pedro Wilson Carrano de Albuquerque, fls. 334 e 375.

4.2 Joaquim de Faria Salgado Júnior.

4.3 Custódia de Faria.

3.12 Israel de Faria Salgado (EA.376).

3.13 Sebastião de Faria Salgado. Um deste nome cc. Maria Emília Rodrigues Pessoa, depois  Salgado, brasileiros, residentes em Porto Velho do Cunha e, depois, em  São Sebastião do Alto, RJ, com pelo menos (EA.376 e Ig):

4.1 Antônio de Faria Salgado, n. por volta de 1890, MG, lavrador em Porto Velho do Cunha, c. 1912, Carmo, com Maria Lourenço Alves, depois Salgado, n. cerca de 1894, MG, f. de Joaquim Lourenço Alves e Angélica Rosa Pereira, portugueses, residentes em Porto Velho do Cunha. Testemunhas do casamento: Octávia da Silva Chaves, 24 anos, n. RJ, solteira, residente em Porto Velho do Cunha; Otávio de Faria Salgado e esposa Pautília Simões Salgado. Tiveram pelo menos (Ig):

5.1 Irene de Faria Salgado, n. 1930, Angustura, MG, registrada em Porto Velho do Cunha, Carmo, RJ (Ig).

4.2 Mário de Faria Salgado, lavrador, c. Cordeiro, RJ, com Irene Martins Salgado, brasileiros, residentes em Cordeiro, f. José Martins Sobrinho e Maria Justiniana Martins, portugueses, proprietários em Niterói, com pelo menos (Ig):

5.1 Orlando H.... Salgado, casado por volta de 1933, Cordeiro.

5.2 (...), natimorto, em 1931, Cordeiro.

5.3 Mário Martins Salgado, n. 1932, Cordeiro.

4.3 Otávio de Faria Salgado, n. por volta de 1885, RJ, lavrador, c. 1911, Carmo, com Pautília Simões Basílio, depois Salgado, n. cerca de 1890, Carmo, f. de João Simões Basílio, n. Portugal, boticário licenciado em 70, e Lonor Júlia Simões, n. RJ, fazendeiros. Testemunhas: Manuel Antônio Duarte Peres, 53 anos, n. Portugal, casado, fazendeiro no Córrego da Prata, Guiomar dos Santos Peres, n. RJ, 28 anos, casada, residente no Córrego da Prata, Rosa Cândida Peres e Fernando Ludolf. Tiveram entre outros (AL e Ig):

5.1 Maria de Faria Salgado, cc. Zélio Teixeira de Carvalho, n. 1931, f. de Altivo Teixeira de Carvalho e Ilca Daflon Ferreira, com geração em LR.239 (Ig).

4.4 Joaquim de Faria Salgado, f. 1961, c. 1915, com Rosa Pereira Daflon, n. 1894, f. 1985, f. de Januário Pereira Daflon e Leocádia Teixeira de Carvalho, com geração em LR.264.

4.5 Maria José de Faria Salgado, n. 1904, c. 1925, com Tiers Pereira Daflon, n. 1900, f. 1971, f. de Januário Pereira Daflon e Leocádia Teixeira de Carvalho, com geração em LR.277.

3.14 Luciana Maria de Faria, cc. Davi da Silva Queirós, negociante em São Sebastião do Alto em 1870, com pelo menos (AL, EA.386 e Int):

4.1 Luciana da Silva Queirós, depois Lopes Martins, n. por volta de 1872, cc. Modesto Lopes Martins, brasileiros, com geração na família Lopes Martins (Ig e Int):

3.15 Guido de Faria Salgado (filho de Belmira Virgínia Damasceno, esta de João Antônio Damasceno e Ana Maria de Jesus), proprietário da Fazenda dos Órfãos, em São Sebastião Alto, cc. Leopoldina de Lima Faria, com entre outros (EA.376, RL.306, 308, 231 e MB.123):

4.1 Guido de Faria Salgado Filho, n. 1904, f. 1984, cc. Carmen Daflon Lemgruber, n. 1909, f. 1955, f. de João Batista Lemgruber e Alda Lemgruber Daflon (família Guerreiro Bogado), com geração em LR.199.

2.3 Antônio de Faria Salgado, cuja fazenda que confrontava com a Feliz Descanso, no Córrego dos Índios, em São Sebastião do Alto, pertencia aos herdeiros em 1869, e pode ser o mesmo, dono da Sesmaria São Tomás, às margens do Córrego dos Índios (que depois de sua morte ficou conhecida como Fazenda dos Órfãos), c. 1ª vez, com Antônia Maria Clara Freire (depois Maria Clara Freire de Faria Salgado), n. por volta de 1800, f. 1834, com 34 anos, falecidos em Cantagalo, f. de Caetano da Silva Freire e, 2ª, com a sobrinha desta, Maria Honorata Freire, com geração de ambas na Família Silva Freire (AL, HB, Ig e LR.50).

2.4 Luciano de Faria Salgado, fazendeiro em São Sebastião do Alto em 1859 e 79 (AL).

2.5 Venâncio de Faria Salgado, avaliador em 1846 e fazendeiro nas cabeceiras do Córrego da Caixa Grande, São Sebastião do Alto em 1856 e 59 (vizinho das situações Solidade da Caixa Grande, de Geremias José da Silva, Soledade, de José Camilo de Oliveira, Bom Retiro da Caixa Grande, de Anastácio Lourenço Justiniano e Boa Fé da Caixa Grande, de João José de Lessa), talvez o do mesmo nome cc. Ana Balbina de São José, com pelo menos  (AL, AP, DBB, LR.313 e MB.114):

3.1 Augusto, b. 1843, Cantagalo (DBB).

3.2 Antônio, b. 1848, Cantagalo.

3.3 Leopoldo de Faria Salgado (hipótese), c. 1878, Cantagalo, com Maria Rosa de Jesus, brasileiros, lavradores em São Sebastião de Pádua, RJ, com pelo menos (CBG e Ig):

4.1 Antônio Mariano de Faria Salgado, n. RJ, lavrador em Cantagalo, cc. Matilde Gomes de Faria, n. da Ilha da Madeira, Portugal, f. de João Augusto Gomes e Clementina Augusta dos Passos, portugueses, lavradores em Cantagalo, com pelo menos (Ig):

5.1 Maria de Faria Salgado, n. 1903, em terras da Fazenda São José do Rio Negro, Cantagalo.

4.2 Antônio ou Antenor de Faria Salgado, já f. 1923, cc. (Florentina Luísa Pulquéria?), residente em Minas, com pelo menos (Ig):

5.1 Antenor de Faria Salgado, n. 1899, brasileiro, c. 1923, Porto Velho do Cunha, com Militina Dias, n. 1906, RJ, f. de Colandrino Dias, n. Portugal, e Joventina da Silva, n. MG.

5.2 Tancredo de Faria Salgado (hipótese), testemunha do casamento de Antenor de Faria Salgado, anterior, em 1923 (Ig).

2.6 Felicíssimo de Faria Salgado, f. por volta de 1880, Carangola, sem geração (EA.389).

2.7 Fortunato de Faria Salgado, fazendeiro em São Sebastião do Alto de 1859 a 70.

2.8 Emerenciana Maria da Silva, n. São José do Chopotó, MG, f. com testamento em 1880, na Fazenda São Joaquim, em Monte Verde (atual Cambuci, RJ), inventariada em 1881, São Fidélis, c. 1ª vez, com Antônio da Silva Freire e, 2ª, com Luís Antônio de Lemos Procópio e, enquanto viúva, teve geração do tenente cel. Antônio Cândido de Campos. Com grande geração na família Silva Freire (AL, DF, HB e TC.2.356, e gentileza do do amigo, genealogista, Douglas Fazolatto, que pesquisou os inventários antigos de Monte Verde).

2.9 Ana da Silva.

2.10 Cândida Maria da Silva, f. 1880, cc. José Manoel Machado. (Processo de interesse de Francisco de Faria Salgado, acima, arquivado no Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, encontrado pelo amigo, genealogista, Pedro Wilson Carrano de Albuquerque, descendente do casal).

                                                   PORTUGUESES?

- Obs.: Não confundir! Os abaixo não devem ser descendentes de Teodoro de Faria Salgado, acima, já que os próprios documentos os dizem portugueses, colocamos aqui apenas para lembrar a existência de outros Farias Salgados, na mesma região, que, salvo algum engano, não fazem parte do ramo acima.

2.11 Antônio de Faria Salgado, cc. Jesuína Rosa de Jesus, "portugueses", com pelo menos (Ig):

3.1 Francisco Antônio de Faria Salgado, n. 1866, Itaocara, lavrador, c. 1ª vez com Maria Albina de Souza Lima, brasileira, f. já f. 1893, Cantagalo, f. de Albino de Souza Lima, português, e Francisca Maria José, brasileira (em Souza Lima) e, 2ª, 1896, Cantagalo, com Delfina de Souza Lima, de 19 anos, n. por volta de 1877, Itaocara, f. de José Vieira Gaeto, português, e Antônia de Souza Lima (em Souza Lima), brasileira, viúva, residente em Cantagalo, com pelo menos da 1ª (Ig):

4.1 João, n. 1893.

3.2 Manuel, n. 1867, Itaocara.

3.3 Antônia Rosa de Jesus, n. 1872, Itaocara ou Euclidelândia, c. em São José do (...), São Fidélis, com Manuel Francisco de Araújo, n. Santana de Macacu, RJ, lavrador em Duas Barras, f. de Francisco Antônio Cardoso da Silva, já f. 1889, e Porcina Maria da Conceição, com pelo menos (Ig):

4.1 Maria Antônia de Jesus, n. 1889, na Fazenda Conceição, em Duas Barras.

4.2 Antônio Francisco de Araújo, n. 1892, na Fazenda Val de Palmas, Macuco.

3.4 Luísa, n. 1873, Itaocara.

3.5 Pedro de Faria Salgado, n. por volta de 1874, Euclidelândia, c. 1897, Cantagalo, com Emília Vieira de Souza Lima, n. cerca de 1872, Euclidelândia, f. de José Vieira Gaeto, português, e Antônia de Souza Lima (em Souza Lima). (Ig).  

 

Nota nº 1:

As informações sobre esta família vieram quase todas do livro "Encontro com os Ancestrais" e do trabalho sobre a Família Faria Salgado, por gentil oferecimento do seu autor, o amigo genealogista Pedro Wilson Carrano de Albuquerque, de Brasília, DF, onde podem ser vistos mais detalhes.

 

Ir para: Página Principal,    Índice Geral,    Imigração árabe,    Títulos Perdidos,      Tiradentes    Batch Number,     Códigos e Bibliografia