GENEALOGIA BRASILEIRA
Estado de Minas Gerais - Tiradentes e seus contemporâneos

 

                                                               Lênio Luiz Richa (lenioricha@yahoo.com.br)

 

                                        JOSÉ JOAQUIM DA MAIA E BARBALHO

 

3 - Ana Maria da Porciúncula.

2 - José da Maia Brito, f. 1791, mestre de obras e empreiteiro da construção civil, de avultados recursos, no Rio (sócio de Antonio Rodrigues de Paiva, também mestre de obras), irmão terceiro de São Francisco. Em Janeiro de 1771, os sócios adquiriam o "Engenho de Inhumuçu", em Irajá, RJ. (A.5.346 e 8.27).

               ASCENDENTES DELE

1 - José Joaquim da Maia e Barbalho (Vendek), n. 1751 ou 57, Rio, f. Coimbra, Portugal, 1788. Tido como de idéias muito liberais para a época, cursou Coimbra de 1782 até 85, quando foi contemporâneo do inconfidente José Álvares Maciel. Juntamente com Domingos Vidal de Barbosa Lage, teria se encontrado com Thomas Jefferson, segundo declarações de Francisco Antônio de Oliveira Lopes. (A.8.22, DD.101 e pesquisas da amiga, genealogista, Jussara Fernandes Carvalho, de Varginha, MG, no livro "A Inconfidência Mineira", de Márcio Jardim, fls. 272). 

               ASCENDENTES DA ESPOSA

2 - 

3 - 

 

Nota nº 1:

Tomás da Maia e Brito, irmão de seu pai, também foi pedreiro e padre eremita, "administrador das obras do adro onde ficam as capelas da Via Sacra do Santuário do Senhor do Bom Jesus de Matozinhos, de Congonhas do Campo". ("A Inconfidência Mineira", de Márcio Jardim).

 

Ir para: Página principal,    Índice Geral,     Região Serrana,    Imigração árabe,    Títulos Perdidos,    Batch Number,     Bibliografia e códigos