GENEALOGIA BRASILEIRA
Estado de São Paulo - Os Títulos Perdidos

 

                                               Lênio Luiz Richa (lenioricha@yahoo.com.br)

 

 

                                                    BOTAFOGOS 

 

     - João de Souza Pereira Botafogo, Cap. Mor Governador da Capitania de São Vicente em 1595, onde foi assassinado antes de 1616, n. por volta de  1540, Elvas, Alentejo (ou Lisboa), "onde seus pais e avós tiveram casa, com páteo, em uma rua que ainda hoje chamam páteo e Rua dos Botafogos", f. de Francisco de Souza Pereira e Inês de Brito Carvalhais, chegou ao Rio quando a cidade velha já estava principiada (em 1572 já estava em São Vicente) e lutou contra os Tamoios em Cabo Frio, como Capitão de uma das canoas de guerra, para impedir o comércio do Pau Brasil realizado pelos franceses.
         Seus ascendentes, conforme estudo do Prof. José Gonçalves Salvador, gentilmente enviados pelo genealogista, Mauro Andrade Moura, de Minas Gerais, seriam: Fernando Álvares de Caldas, pai de: Álvaro Rodrigues de Caldas, pai de: Garcia de Caldas, cc. Leonor de Sousa, pais de: Gomes Rodrigues de Caldas, cc. Brites Lobato (ou Guiomar Lobato), pais de: João Gomes de Caldas, cc. Brites de Castro do Lago, pais de: Antonio de Caldas Pereira, cc. Francisca de Cadaval Sotomaior, pais de: João de Sousa Pereira, o Botafogo, cc. Maria da Luz Escórcia Drumond.

        Casou com Maria da Luz Escórcio Drummond, n. Madeira, f. do Capitão da Fortaleza de São Vicente, Manoel da Luz Escórcio Drumond, n. Ilha Terceira, Açores, ou da Madeira (descendente de João Escórcio Drumond e Branca Afonso da Cunha, n. Covilhã), e Bárbara Rodrigues, com pelo menos: (2.231, AS.3.13, 16, BG.60.1.37, CP.164, 458, DB.77, FD.1.7, FG.283, NI.1.357, PP.177 e SL.5.508).
- Obs.: O Cap. Mor Governador da Capitania de São Vicente em 1595, e chefe da bandeira de D. Francisco de Souza, pode ter sido também João Pereira de Sousa, n. Tui, Galiza (ou Lisboa, Portugal), cidadão do Rio de Janeiro, com cerca de 85 anos em 1627, testemunha no processo do Padre Anchieta em 1620 e 1627 (onde consta também como filho dos mesmos pais acima), cc. Cecília de Oliveira. (Artigo do Pe. Hélio Abranches Viotti, na Revista da ASBRAP, fls. 13 e 44, Revista do IHGB.300.65 e colaboração do amigo, genealogista, Decio Martins de Medeiros).

                                   Andreza de Souza ................ Cap. 1º

                                   João de Souza, o moço ......... Cap. 2º

                                   Pedro de Souza Brito ............ Cap. 3º

                                   Jerônimo de Souza Brito ........ Cap. 4º

                                   Helena de Souza .................. Cap. 5º

                                   Maria de Souza Brito ............. Cap. 6º

                                   Úrsula de Brito Pereira .......... Cap. 7º

                                   Ana de Souza ...................... Cap. 8º

                                   Juliana de Souza .................. Cap. 9º 

 

                                                    CAPÍTULO 1º 

     1 - 1. Andreza de Souza, n. por volta de 1577, f. Rio, 1655, c. por volta de 1595, com Baltazar da Costa, n. por volta de 1565, Escrivão da Câmara e da Provedoria da Fazenda Real do RJ, com:(BG.60.1.38 e CP.453). 

                                                    Parágrafo 1º 

     2 - 1. Francisco da Costa Barros, n. Rio, antes de 1596, onde foi assassinado a tiros, em 1658, c. 1ª vez, por volta de 1616, com Helena Pinta, n. por volta de 1598 e f. por volta de 1619 e, 2ª, Rio, 1620, com Isabel de Mariz, n. por volta de 1600, na mesma cidade, onde f. 1673, f. de Crispim da Cunha Tenreiro e Isabel Velho de Mariz, e teve: (BG.60.1.38, CP.81, CR.1.415  e 2.522).
                Do 1º matrimônio:

     3 - 1. Baltazar da Costa, b. Rio, 1616, onde f. 1647, talvez o do mesmo nome cc. Bárbara de Brito, pais de pelo menos:

     4 - 1. Inácio Ferreira de Barros, b. 1646, muito pobre, c. Rio, 1667, com Ana Moreira (viúva de Ambrósio Ferreira), b. 1645, Rio, onde f. 1678, f. de Antonio Nunes Faial e Isabel Moreira ou Isabel de Azevedo (em Moreiras). (CR.2.90 e 3.26).

     3 - 2. Pe. Vigário Gaspar da Costa, n. por volta de 1618, Rio, f. 1673.

                Do 2º matrimônio:

     3 - 3. Helena, b. Rio, 1621. (Sé 1º,45v).

     3 - 4. Catarina de Mariz ou da Costa Barros, b. 1623 e f. 1681, Rio, onde c. 1644, com o Cap. Francisco Barreto de Faria, n. por volta de 1614 e f. 1683, mesma cidade, f. do Cap. Diogo Rodrigues de Faria e Maria Barreto, pais de 10 filhos, naturais do Rio: Isabel, b. 1645, Maria, b. 1646, Diogo, b. 1645, este f. menor, e ainda: (B.42, BG.60.1.39, CR.1.222 e 2.522).

     4 - 1. Cap. José Barreto de Faria, b. 1651, f. antes de 1731, Senhor do Engenho do Rio Grande, c. por volta de 1702, com Paula Rangel de Macedo, n. por volta de 1677, Rio ou São Gonçalo, RJ, f. do Lic. Luiz de Barcelos Machado e Catarina de Melo Coutinho, c.ger. em Regos. (BG.60.1.39 e CR.1.222).

     4 - 2. Feliciana Barreto de Faria, b. 1653 e f. antes de 1720, Rio, onde c. 1669, com o Cap. Antonio de Sampaio e Almeida, b. Rio, 1639, f. de Antonio de Sampaio e Francisca de Almeida, pais de: Francisca, Lourenço, Francisco, Antonio, Ana, Catarina, Diogo, João, Luiz, Maria, José e Miguel (todos de Sampaio). (BG.60.1.40 e CR.1.223).

     4 - 3. Ten. Cel. Diogo Rodrigues de Faria, b. 1654, c. São Gonçalo, 1680, com Paula da Cunha de Mariz, f. do Cap. Antonio de Mariz Rabelo e Grácia da Costa da Câmara, pais de: (BG.60.1.40, CR.1.223 e 2.522).

     5 - 1. Catarina, b. Rio, 1685 (Sé 5º, 44v).

     5 - 2. Isabel Maria de Mariz, n. por volta de 1690, Rio, onde c. 1ª vez, 1732, "na justiça", separando no mesmo dia, com Francisco Ferreira Travassos, n. dessa cidade, b. 1673, onde f. 1737, f. de Gregório Nazianzeno da Fonseca e Maria Pimenta de Carvalho, s.ger. e, 2ª, Rio, 1741, com Inácio Correia da Silva, n. Itaboraí, RJ, f. do Cap. João Correia da Silva e Ana Tenreiro da Cunha ou Ana Tenreiro de Azeredo (em Azeredos Coutinhos). (CR.1.223, 403/4 e 2.152).

     4 - 4. Bárbara Barreto, b. Rio, 1657, onde f. 1737, c. 1ª vez, Icaraí, Niterói, 1683, com o Cap. de Mar e Guerra Antonio de Moura (viúvo de Maria de Sarzedas), Provedor da Fazenda Real, n. por volta de 1653, Castelo de Vide, Alentejo, f. Rio, 1697, f. de Antonio de Moura e, 2ª, Rio, 1724, com 67 anos de idade, com Amaro Fernandes, n. São Tiago de Coularada, Barcelos, Braga, f. de Amaro Fernandes e Domingas Gomes, teve do 1º marido: (BG.60.1.40, CR.1.223 e 2.133).

     5 - 1. Catarina de Moura, n. por volta de 1684, Rio, onde c. 1701, com o Ten. Cel. lic. Sebastião da Fonseca Coutinho, n. por volta de 1671, Rio, onde f. 1721, f. de João da Fonseca Coutinho e Nascença de Lucena Montarroio (mais tarde Isabel Barreto ou Barreiros), c.ger. em Moreiras. (B.40, CR.1.223, 2.133 e SL.9.14).

     5 - 2. João de Moura Barreto, b. Rio, 1687, vivia em 1721.

     4 - 5. Francisco, b. 1659, talvez o mesmo Francisco Barreto de Faria, oficial dos Emboabas em MG, 1709. (CR.1.223 e DB.152).

     4 - 6. Paulo, b. 1662 (Candelária, 1º). (CR.1.223).

     4 - 7. Grácia da Costa ou Graciana da Costa, b. 1664, c. São Gonçalo, 1688, com Antonio de Mariz Rabelo, n. por volta de 1665, irmão de Paula da Cunha de Mariz, retro, com:

     5 - 1. Margarida de Mariz, n. por volta de 1689, Rio, c. São Gonçalo, 1703, com José do Amaral, n. por volta de 1673, Rio, f. de Pedro Gonçalves de Araujo e Isabel do Amaral. (CR.2.522).

     3 - 5. Luzia da Costa Barros, b. Rio, 1625, c. por volta de 1655, com o Cap. Diogo Lobo Pereira, n. por volta de 1625, pais de: (BG.60.1.41 e CR.1.416)

     4 - 1. Licenciado Francisco da Costa Barros, b. Rio, 1656, f. 1725, c. 1686, Pavuna, com Micaela de Gusmão, n. por volta de 1666, Rio, f. de João Gomes e Maria de Gusmão, com 8 filhos em CR.2.416, entre eles: (BG.60.1.41).

     5 - 1. Isabel Maria, b. Rio, 1697, onde c. 1712, com Tomé da Silva Barbosa (viúvo de Maria de Espíndola de Vasconcelos ou Maria Cabral de Vasconcelos), b. 1680, Pavuna, Rio, já f. 1728, f. do Cap. Tomé da Silva, senhor do engenho de NS dos Remédios da Pavuna e Antonia de Oliveira Barbosa. (CR.2.279).

     4 - 2. Sebastião Lobo Pereira, b. Rio, 1658 (Candelária, 1.140v).

     3 - 6. Francisco, b. Rio, 1628, f. menor. (Sé, 2.90v).

     3 - 7. Paula da Costa, b. Rio, 1632, f. antes de 1658, c. por volta de 1654, com o Cap. Inácio da Silveira Vilalobos, b. Rio, 1634, onde f. 1710, f. do Cap. Antonio da Silveira Vilalobos e Francisca de Pontes, com  pelo menos: (BG.60.1.41 e CR.1.416).

     4 - 1. Pe. Antonio, b. Rio, 1655, carmelita.

     4 - 2. Ana de Souza Pereira Botafogo, n. por volta de 1657 e f. Rio, 1706, c. antes de 1679, com João Coelho Gato, b. Rio, 1653 e f. pobre no Rio, 1720, f. de João Coelho e Bárbara de Brito, nm. de Sebastião Coelho de Brito e Inês da Cunha, pais de 7 ou 8 filhos: (BG.60.1.66 e CR.1.351).
- Obs.: Achamos que deve ter sido filha do Cap. Inácio da Silveira em virtude das datas se encaixarem e pelo nome do filho nº 5-4, abaixo.

     5 - 1. Bárbara de Brito, b. 1680 e f. Rio, 1737, onde c. 1708, com o Alf. Manoel Dias de Brito, n. por volta de 1678, bispado da Guarda e f. Rio, 1727, f. do Cap. Lucas Dias e Ana Vaz de Brito, pais de: (CR.1.351).

     6 - 1. Frei Manoel de Sta. Bárbara, b. 1713, Franciscano

     6 - 2. Bernardo, b. Rio, 1720 (Sé 6º, 180), f. menor

     5 - 2. Marcelo, b. Rio, 1682. (Irajá, 6.49).

     5 - 3. Maria de Jesus, n. por volta de 1684, que vivia solteira, em 1720.

     5 - 4. Inácio da Silveira, n. por volta de 1686, Inhaúma, Rio, onde c. 1716, com Maria de Vilhena ou do Pilar, n. Jacutinga, RJ, b. Rio, 1683, f. de Manoel Pereira Henriques e Inês Gomes de Faria, pais de: (CR.2.394).

     6 - 1. Josefa, b. Rio, 1718. (Irajá, 6.121v).

     5 - 5. Ana ou Helena de Souza Pereira, n. por volta de 1688, Rio, onde c. 1708, com João Pinto Guedes, n. por volta de 1678, S.Martinho de Mouros, Lamego, f. de Simão de Azevedo e Francisca Guedes.

     5 - 6. Catarina da Silveira do Bonsucesso, n. por volta de 1691, f. 1777, Rio, onde c. 1711, com o Alf. Agostinho de Almeida Galvão, n. por volta de 1681, Lisboa, f. de João de Almeida Galvão e Apolônia Teresa, pais de filho único: (BG.60.1.66).

     6 - 1. Frei Agostinho de Almeida Galvão, b. Rio, 1712, carmelita, f. no Convento de NS do Carmo, Rio, antes de 1777.

     5 - 7. Guiomar do Bonsucesso, n. por volta de 1694, Jacutinga, RJ, c. Rio, 1716, com Antonio Lopes de Amorim, Capitão em 1739, n. São Pedro de Rates, Braga, f. de Luiz Lopes e Maria Francisca, pais de: (BG.60.1.67 e CR.1.352).

     6 - 1. Rosaura Maria de Jesus, n. por volta de 1722, cc. Manuel de Andrade do Couto. (CR.1.352).

     6 - 2. João Coelho Gato de Amorim (depois de viúvo Pe. João Lopes ou Coelho Gato de Amorim), n. por volta de 1713, Ouro Preto, MG, f. Rio, 1790, onde c. 1739, com Inês Maria de Barros, b. Candelária, Rio, 1716, f. de Roque Coelho da Gama e Maria Inês de Barros, pais de: (CR.1.352 e 241).

     7 - 1. Bárbara Maria de Barros ou Bárbara Maria do Rosário (cujo casamento Rheingantz não descobriu), b. 1741, Rio, cc. o Sarg. Mor Miguel Duarte de Santo Antonio (ou seria Miguel Duarte, de Santo Antonio?), f. de Domingos Duarte e Bernarda Gomes, naturais de Arouca, Lamego, Portugal, com pelo menos: (JR.1.68).

     8 - 1. Ana, b. 1757, São Caetano, MG (padrinhos: Sarg. Mor Manuel Rodrigues Pereira e Maria Dias de Carvalho, mulher de Mateus Homem da Costa). (JR.1.68 e 2.143).

     6 - 3. Pe. Antonio Lopes de Amorim, n. Ouro Preto, MG, b. 1719, teve da sua parenta Ana Narcisa Rangel da Silva, b. Rio, 1733, onde f. 1785/8, f. de Antonio da Silva Rangel e Teresa de Jesus Pinheiro, adiante:

     7 - 1. Modesto Rangel Silva, b. Rio, 1755, onde f. 1832, c. 1ª vez 1784, com Maria Teresa do Monte Carmelo (2º marido), n. por volta de 1759, Rio, onde f. 1795, f. do Dr. Diogo Aires de Aguirre e Joana Maria de Távora (em Aguirres) e, 2ª, Rio, 1795, com Arcângela Angélica dos Serafins, n. Irajá, Rio, 1774, f. 1840, f. do Cap. Carlos Dantas de Vasconcelos e Josefa Maria dos Anjos, c.ger. da 1ª esposa em Aguirres, e da 2ª em CR.3.104. (CR.1.352).

     6 - 4. Ana Maria de Jesus, n. por volta de 1732, NS da Conceição dos C.., Minas, c. antes de 1762, com Rodrigo Martins Pereira, n. por volta de 1732, Évora, f. de Manuel Martins de Melo e Joana Pereira, pais de: (CR.1.29 e 352).

     7 - 1. Maria, n. São Gonçalo, RJ, b. 1763. v

     5 - 8. João de Souza Pereira, "a confirmar nos livros paroquiais" (Carlos Reinghants não relaciona este, mas diz que o 6-1, abaixo, é sobrinho de Catarina da Silveira do Bonsucesso, acima), cc. Francisca da Silveira Vilalobos, pais de: (BG.60.1.67 e CR.1.352).

     6 - 1. João Coelho Gato Botafogo, n. 1735, f. 1808, Cap. de Ordenanças, morador na Ilha do Fundão, Inhaúma, RJ, n. por volta de 1736, Nova Lima, MG, e f. depois de 1797. c. por volta de 1766, com Maria Angélica Correia de Sá, depois Botafogo, n. Rio 1742, onde f. 1797, f. do Cap. Domingos de Araujo Ribeiro e Isabel Eufrásia da Conceição Correia de Sá, pais de: (CR.1.352).

     7 - 1. Domingos de Souza Pereira Botafogo, Major de Milicias, n. por volta de 1767, f. Rio, onde c. 1797, com sua prima irmã, Maria da Graça Correia de Sá, n. por volta de 1777, S.Rita, Rio, f. do Cap. José Antonio da Fonseca e Rosa Caetana Correia de Sá, c.ger. em BG.1.67. (BG.3.263).

     7 - 2. Rosa Joaquina Correia de Sá, depois Matos, n. por volta de 1773, Rio, c. por volta de 1793, Inhaúma, com o Ten. José Rodrigues de Matos, n. por volta de 1763,f. Rio 1821, de Pilar do Iguaçu, RJ, f. de Cosme Rodrigues de Matos e Maria Joaquina de Jesus, c.ger. em BG.3.1962.263, entre os quais: (CR.1.352/3).

     8 - 1. Isabel Leonor Matos de Oliveira, n. São João de Merití, RJ, b. 1805, f. Santa Teresa, Rio, onde c. 1828, Santa Rita, com Julião José de Oliveira, n. e f. 1838, Santa Rita, Rio, f. do Cel. Julião José de Oliveira e Escolástica Rosa de Castilhos Oliveira, np. de Manuel José de Oliveira e Rosa Maria Felícia Oliveira, c.ger. em BG.3.1962.279, entre os quais:

     9 - 1. Geminiana Rosa de Oliveira, n. 1831, Pilar de Iguaçu, f. 1911, Rio, c. 1849, Pilar de Iguaçu, com o Dr. Jean Baptiste Lacaille, médico, n. 1826, Saint Paul, França, f. 1889, Rio, f. de Jean Baptiste Lacaille e Marie Françoise Toussaint, c.ger. em BG.3.1962.283, entre os quais:

    10 - 1. Teodoro Marcos Lacaille, n. 1863, São José, Rio, f. 1918, Rio, c. 1893, Candelária, Rio, com Elisa Lepelle França, n. 1866, Petrópolis, RJ, f. 1950, Rio, f. de Joaquim Maurício de Araujo França e Delfina Lepelle, c.ger. em BG.3.1962.286, entre os quais:

    11 - 1. Dulce França Lacaille, n. 1907, Rio, onde c. 1923, com Ernani de Moura Caldas, n. 1896, Nova Friburgo, RJ, f. de Leandro Antonio Pereira Caldas e Ana de Moura, c.ger. na família Moura, da Região Serrana do Estado do Rio, neste site (BG.3.1962.289).

     7 - 3. João Coelho de Souza Coutinho, n. por volta de 1775, f. por volta de 1798, solt.

     7 - 4. Bárbara Maria Benedita Correia de Sá, n. por volta de 1777, Rio, c. por volta de 1799, Inhaúma, com o Alf. José Inácio Bittencourt, c.ger. em BG.3.301. (CR.1.352).

     3 - 8. Pelônia (ou Apolônia), b. Rio, 1634 (Sé, 3.14v).

     3 - 9. Pe. Paulo da Costa, b. Rio, 1637, clérigo do hábito de São Pedro (Candelária 1.18). (CR.1.416).

     3 -10. Pe. Francisco da Costa, da Cia. de Jesus, b. Rio, 1641. 

                                                    Parágrafo 2º 

     2 - 2. Jerônimo da Costa, n. por volta de 1609, Rio, onde f. 1647, c. por volta de 1640, com Maria Pedroso, n. por volta de 1610, f. Rio, 1698, f. de Miguel Gomes Bravo e Isabel Pedrosa de Gouveia, s.ger. desta, mas teve: (BG.60.1.42, CR.1.416 e 2.256).

     3 - 1. Miguel, f. ilegítimo, com uma india, serva de Amador Ribeiro. 

                                                    Parágrafo 3º 

     2 - 3. Baltazar da Costa, o moço, n. por volta de 1601, Rio, que serviu na Bahia, c. por volta de 1631, com Inocência Ribeira, n. por volta de 1611, f. Rio, 1647, pais de: (BG.60.1.42 e CR.1.416).

     3 - 1. Francisco da Costa, n. por volta de 1634, clérigo do hábito de São Pedro.

     3 - 2. Frei Paulo da Costa, carmelita, b. Rio, 1632, f. Lisboa. 

                                                    Parágrafo 4º 

     2 - 4. Grácia da Costa, n. por volta de 1615/17, f. 1657, Rio, onde c. 1637, com o Cap. Francisco de Oliveira Vargas, n. por volta de 1607, f. Rio, 1664, pais de: (BG.60.1.42, CR.1.8, 417 e 3.41).

     3 - 1. Cel. Inácio de Oliveira Vargas, licenciado, b. Rio, 1638, onde f. 1682, c. 1669, com Maria de Abreu Rangel (ou Maria de Abreu Soutomaior), b. Rio, 1643 ou 52, onde f. 1713, f. do Dr. Francisco da Fonseca Diniz e Isabel Rangel de Macedo, pais de: (BG.60.1.42, CR.1.8, 2.150, 3.180 e GL.6.96).

     4 - 1. Grácia da Costa, b. 1669, Rio, onde f. 1716, c. 1695, com João Correia Salema, n. por volta de 1664, Itambí, RJ, f. do Cap. Gonçalo Teixeira Tibáu e Maria de Marins, np. de Diogo Teixeira (da Palma?) e Maria Tibáu (da Silveira?), n. Paço de Lumiar, pais de: (BG.60.1.42, CR.1.8, 401, 3.108 e GS.469).

     5 - 1. Pe. Inácio de Oliveira Vargas, n. por volta de 1701, Itambi, cônego da Sé, clérigo do hábito de São Pedro.

     5 - 2. Francisco de Oliveira ou Francisco da Fonseca Diniz, n. por volta de 1703.

     5 - 3. José da Fonseca Rangel, n. por volta de 1707, Itambí, c. Itaboraí, 1742, com Francisca Pereira Sodré, n. Itaboraí, f. de Bento Pereira da Silva (ou Bento Pereira Sodré) e Jerônima de Torres Quintanilha. (CR.3.110).

     5 - 4. Maria de Marins, n. por volta de 1695, Itambi, c. por volta de 1713, com Antonio Nunes, pais de: Manuel, b. 1714. (CR.3.41 e 108).

     5 - 5. Joana de Abreu Rangel, n. por volta de 1693/9, Itambi, RJ, c. por volta de 1715, Rio, com João de Torres Quintanilha, n. por volta de 1689, f. do Sarg. Mor Manuel Homem Quintanilha e Catarina Duque Estrada ou Catarina Duque da Rosa (adiante), c.ger. em CR.3.41, entre os quais: (CR.1.8, 2.120, 3.41 e DFB).

     6 - 1. Maria de Abreu Rangel, n. Itaborai, RJ, onde c. por volta de 1750, com Francisco da Costa Albernaz, b. Rio, 1726, f. de Luiz da Costa Homem e Agostinha da Assunção, ambos n. São Gonçalo, RJ, c.ger. em Figueiras de Braga. (CR.1.8 e 2.120).

     6 - 2. Jerônima Teresa de Abreu Rangel, c. por volta de 1768, com o Ten. Carlos Correia de Siqueira Coutinho (ou Carlos Correia da Silveira Coutinho), n. por volta de 1745, f. de Sebastião de Siqueira Lordelo Madureira e Catarina Correia Coutinho, c.ger. em Regos. (CR.1.8, 3.41 e 159).

     6 - 3. Isabel Duarte de Miranda ou Rangel de Abreu, n. por volta de 1725, Itaboraí, RJ, c. 1ª vez, Rio, 1735, com José da Silva Mota e, 2ª, Itaboraí, 1745, com João de Araujo Souza, n. por volta de 1715, Santo Antonio de (Sá?), RJ, f. de João de Araujo e Souza e Micaela ..., abaixo. (CR.1.133 e 3.41).

     6 - 4. Cap. Antonio Francisco Alves Quintanilha, n. por volta de 1724, do qual provavelmente descendem os Quintanilhas de São Paulo, cc. Ana Maria de Jesus, de Itaborai, procedente da família Duque, f. de Luiz Cardoso de Azevedo e Antonia Soares Pereira, c.ger. no Dicionário das Famílias Brasileiras.
- Obs.: Recebemos do Dr. Marco Aurélio Alves Costa, Advogado em São Paulo, descencente do casal, informações familiares passadas pela Sra. Maria Francisca Bueno da Silva, sua bisavó, "ao redor do fogão de lenha", no casarão colonial da Rua da Independência (atual Governador Carvalho Pinto), em Silveiras, SP. Foram pais de, entre outros:

      7 - 1. Claudiana Maria do Amor Divino Quintanilha, cc. o Cirurgião Licenciado João José de Souza Nunes, moradores em Cunha, SP, com entre outros filhos, os 3 a seguir, que transferiram-se para a região do Caminho Novo da Piedade, fixando-se no bairro do Itagaçaba, entre Silveiras e Areias, SP, pelos anos de 1820, onde casaram e deixaram muitos filhos (foram ligados à família Cunha Bueno, descendente de Amador Bueno):

      8 - 1. Salvador Correa Alves Quintanilha.

     8 - 2. Nuno de Souza Nunes Quintanilha, cc. Anna Jacintha do Bom Sucesso Bicudo Leme (tia Sinhana Quintanilha), assassinada por escravos em 1871, conforme processo arquivado em Lorena. Residiam no Largo do Chafariz, em Silveiras, no casarão que depois pertenceu ao italiano Francisco Sodero (este pai do Prof. Hildebrando e Serafina, entre outros).

      8 - 3. Antonio Francisco Alves Quintanilha (Neto), n. 1799, Cunha, SP, que cerca de 1870 era dono da Fazenda Morro Grande, c. 1ª vez com Maria Rosa do Bom Sucesso Bicudo Leme e, 2ª, com Angélica Rosa do Bom Sucesso Bicudo Leme, ambas filhas de Bernardo José Leme, de família ligada ao bandeirante Fernão Dias Paes, o "Caçador de Esmeraldas". Teve 25 filhos, 10 de uma das esposas e 15 da outra. Entre os filhos da 1ª esposa está: (SL.3.87?).

      9 - 1. Anna Rosa do Bom Sucesso Quintanilha, cc. o Cap. Antonio Bueno da Cunha, pais de:

      10- 1. Maria Isabel Bueno Quintanilha, "uma linda antepassada", cc. seu tio Francisco Alves Quintanilha, f. do Cap. Antonio Francisco e 2ª esposa, Angélica Rosa, pais de:

      11- 1. Claudiana Maria Bueno Quintanilha, a Sinhá Rolinha, cc. seu Parente, Antonio Bueno da Silva, pais de:

      12- 1. Maria Francisca Bueno da Silva Pinto de Carvalho, a "Vó Maria", n. 1894, f. 1987, cc. Antonio Pinto de Carvalho Sobrinho, o Capitão Tonico Pinto, importante fazendeiro, que pediu a sua mão em uma quermesse, em 1911, e tiveram:

       13- 1. Alice Pinto de Carvalho de Miranda Alves, cc. o Prof. Dr. José de Miranda Alves (avós maternos do Dr. Marco Aurélio), n. 1911, Silveiras, f. 1990, Lorena, SP, Advogado, Maestro, Historiador, Violinista e grande orador, patrono de uma cátedra na Academia de Letras de Lorena, citado na edição de 1954 do Dicionário de Autores Paulistas, de Luís Correia de Melo, lutou na Revolução Constitucionalista de 1932, tendo recebido a Comenda da Constituição Paulista em 1954, membro do Instituto de Estudos Valeparaibanos, desenvolveu várias atividades nas áreas jurídica, magistério público, artes e benemerência. Como músico, formado em regência pelo Instituto Musicla de São Paulo, compôs vários choros, valsas, sambas e hinos. Foi aluno e era muito amigo e afilhado de casamento do Maestro João Baptista Julião, n. Silveiras, e também grande amigo do Dr. Carlos da Silveira, um dos patronos do Colégio Brasileiro de Genealogia. Era f. de Antônio Joaquim de Miranda Alves, n. 1868, Portugal, f. 1933, Farmacêutico e Músico, e Maria Branco da Gama de Miranda Alves, n. 1884, Silveiras, f. 1953, descendente dos Pontes, Raposos e Pretos de São Paulo.

     5 - 6. Teresa de Marins, ou Teresa da Costa de Martins, n. por volta de 1705, Itambí, c. Rio, 1727, com o Sarg. Mor Manuel de Souza Barreto, n. Santana, Lisboa, f. de Francisco Barreto e Francisca de Souza. (CR.3.42).

     5 - 7. Isabel Rangel de Macedo, n. por volta de 1697, f.solt. (CR.3.41).

     4 - 2. Isabel Rangel de Abreu, b. Rio, 1672, c. São Gonçalo, 1697, com o Sarg. Mor Manoel Homem Quintanilha, n. por volta de 1655/7, Ilha de São Miguel, Açores (viúvo de Catarina Duque Estrada ou Catarina Duque da Rosa, n. 1658, RJ, acima), f. de Baltazar Lopes de Paiva Quintanilha e Isabel Duarte, pais de: (BG.60.1.43, CR.1.8, 2.357 e DFB).

     5 - 1. Frei Inácio de Santa Rita, capuchinho.

     5 - 2. Maria de Abreu Rangel, n. por volta de 1700, f. antes de 1742, c. por volta de 1730, com o Cap. Eusébio da Silva Leitão, Gov. na Fortaleza de São João e do Castelo. (CR.1.8 e 2.357).

     4 - 3. Andreza de Souza, b. Rio, 1674, c. São Gonçalo, 1697, com o Cel. João Gomes da Silva Pereira, n. por volta de 1649, f. antes de 1726, viúvo de Catarina de Azeredo Coutinho (em Azeredos Coutinhos), f. do Cel. Francisco Sodré Pereira e Catarina da Silva Sandoval, pais de: (BG.60.1.43, CR.1.158, 3.163 e GL.6.96).

     5 - 1. Frei José de Jesus Maria, carmelita, n. por volta de 1699.

     5 - 2. Inês ou Inácia de Oliveira Sodré, n. por volta de 1697/8, Itambi, c. 1ª vez, Rio, 1715, com o licenc. Dr. João de Lima Curado, n. por volta de 1685, Lisboa, f. antes de 1743, f. do Cap. José da Silva Lima e Brígida Maria Teresa e, 2ª, Itaboraí, RJ, com o seu primo Francisco Sodré Pereira, n. por volta de 1715, nessa cidade, f. do Sarg. Mor Francisco Sodré Pereira e Guiomar de Souza, adiante.

     5 - 3. Ventura Sodré Pereira, n. por volta de 1701. (CR.3.164).

     5 - 4. Francisco Sodré Pereira, b. Rio, 1703.

     5 - 5. Andreza de Souza Pereira, n. por volta de 1705, Itambí, c. Rio, 1721, com Antonio Ferrão Castelo Branco Travassos, n. por volta de 1691, Lisboa, f. de Calixto Ferrão de Castelo Branco e Antonia Josefa Travassos, naturais de Lisboa, com: José, Antonia, 2 Antonios e: (BG.60.1.43, CR.3.42 e GL.6.96).

     6 - 1. Cap. Francisco Sodré Pereira Castelo Branco, b. Rio, 1725, c. 1ª vez, pv. 1755/64, Rio, com Beatriz de Sá Freire Soutomaior, n. Guaratiba, 1747, f. por volta de 1776, f. de Francisco de Macedo Freire Pereira e Maria Correia da Silva, c.ger. em Azeredos Coutinhos e, 2ª, 1778, Jacarepaguá, com sua parenta Ana Angélica Maciel, n. Jacutinga, RJ, f. de José Maciel da Costa e Águeda Pimentel de Azedias, adiante. (CR.3.164).

     6 - 2. Ana Maria de Souza Pereira, n. 1728, c. Rio, 1744, com o MC. João Barbosa de Sá Freire, o moço (2ª esposa), n. 1716, Inhaúma, f. 1771, Rio, f. do Cap. Francisco Paes Ferreira, o moço, e Brites de Sá Soutomaior Freire, c.ger. em Azeredos Coutinhos.

     6 - 3. Maria Antonia Castelo Branco, b. Rio, 1735, onde c. 1667 (?), com José Luciano da Fonseca, n. Rio, f. de Inácio da Fonseca Oliveira e Jacinta dos Prazeres de Torres Quintanilha. (CR.3.43).

     5 - 6. Clara de Souza Pereira, n. por volta de 1703, f. por volta de 1747, c. por volta de 1723, com o Cel. João Barbosa de Sá, n. por volta de 1693, f. por volta de 1734, f. de outro do mesmo nome e Joana de Soberal Freire, c.ger. em Antas Moraes. (CR.1.203).

     4 - 4. Maria de Abreu Rangel, b. Rio, 1679, f. antes de 1713, c. depois de 1704, com o Cap. Antonio Gomes de Miranda, b. 1684, Rio, f. de Antonio Gomes de Miranda e Helena de Sá, com: (CR.2.265).

     5 - 1. Helena de Sá Rangel, n. por volta de 1705, Itambí, RJ, c. Rio 1721, com Manuel Rodrigues Ferreira, n. por volta de 1691, São Julião, Lisboa, f. de Gonçalo Rodrigues e Antonia Martins, com:

     6 - 1. Maria de Abreu Rangel, n. por volta de 1725, Rio, b. Candelária, c. 1745, na mesma cidade, com Alonso Barbosa Coutinho, n. e b. São Gonçalo, RJ, f. de João Barbosa del Rios, n. Itaboraí ou Itambi, e Maria Figueira de Azeredo ou Azevedo (em Figueiras de Braga), com pelo menos: João, n. 1745, Antonio, n. 1747, Luiz, n. 1749, todos em Niterói, RJ, e ainda: (CR.1.8 e gentil colaboração do Sr. Gustavo Coutinho Saliba, brasileiro, residente na França, descendente do casal, que enviou também toda a inédita geração do mesmo).

     7 - 1. Vasco José Barbosa Coutinho, n. 1755, Niterói, c. 1781, com Teresa Joaquina da Silva, b. Sé, Rio, com pelo menos:

     8 - 1. Reginaldo José Barbosa Coutinho, b. São José, Rio, cc. Firmiana Angélica Campos, n. Rio Bonito, RJ, com pelo menos: Izabel, b. 1818, Catharina, b. 1821, Alexandre, b. 1823, Anna, b. 1827, todos em NS da Conceição, Rio Bonito, RJ, e ainda:

     9 - 1. Francisco Antonio Coutinho, b. 1813, NS da Conceição, Rio Bonito, c. 1840, com Porcina Maria Soares, com pelo menos:

     10-1. Antonio de Azeredo Coutinho, n. 1845, Rio Bonito, cc. Delphina Maria de Jesus, n. Capivari (atual Silva Jardim), RJ, com pelo menos:

     11- 1. Scipião de Azeredo Coutinho, n. Capivari (Silva Jardim), cc. Emerenciana Rosa de Carvalho, n. da mesma localidade, com pelo menos:

     12- 1. Agenor Fernandes Coutinho, n. 1899, Capivari, f. 1965, Rio, c. 1924, com Nair da Silva Lemos, n. 1907, Rio, f. 1966, com pelo menos: Waldyr Lemos Coutinho, n. 1926, f. 2007 (avô do Sr. Gustavo Coutinho Saliba, acima), Waldéa Lemos Coutinho, n. 1927, Waldette Lemos Coutinho, n. 1929, Walmir Lemos Coutinho, n. 1932 e Wanda Lemos Coutinho, n. 1935, todos no Rio, RJ.

     12- 2. Alzira Fernandes Coutinho, n. Capivari.

     11- 2. Eduviges de Azeredo Coutinho, n. 1870, Capivari.

     11- 3. Paulina Maria de Jesus, n. Capivari, cc. Francisco José Fernandes, n. da mesma localidade, com pelo menos:

     12- 1. Arestides Fernandes Coutinho, n. 1897, Capivari, f. 1899, na mesma localidade.

     11- 4. Polcina de Azeredo Coutinho, n. 1885, f. 1889, Mato Alto, Capivari.

     10- 2. Manoel Felicíssimo Coutinho, n. 1848, Rio Bonito, f. 1918, Mato Alto, Capivari, cc. Justina Maria da Conceição, com pelo menos: Manoel Felicíssimo Coutinho Júnior, n. 1874, Maria da Conceição, n. 1875, Luiz Felicíssimo Coutinho, n. 1878, Tancredo Felicíssimo Coutinho, n. 1881, Diogo Felicíssimo Coutinho, n. 1882, Alfredo Felicíssimo Coutinho, n. 1883, Euclydes Felicíssimo Coutinho, n. 1885, Antonio Felicíssimo Coutinho, n. 1888 e Leopoldo Felicíssimo Coutinho, n. 1890.

     4 - 5. Inácia de Oliveira Vargas, b. Rio, 1681, c. por volta de 1700, com seu primo o Cap. Luiz de Araujo de Souza, de Tapacorá, RJ, f. de João de Araujo de Souza e Isabel da Guarda de Souza, c.ger. adiante. (BG.60.1.63, CR.1.133 e 238).

     4 - 6. Cônego José de Abreu Rangel (?), n. por volta de 1683. (CR.1.9).

    3 - 2. Estêvão de Oliveira Vargas, licenciado, n. São Gonçalo, RJ, b. Rio, 1640, onde c. 1663, com Isabel Rangel Sardinha, n. por volta de 1642, Rio, f. do Cap. Francisco Gomes Sardinha e Joana Gomes, com 4 filhos: (BG.60.1.43 e CR.2.273).

     4 - 1. Francisco de Oliveira Vargas, b. Rio, 1664, falecido na Índia.

    4 - 2. João de Souza Pereira, cc. Izabel de Miranda, já falecidos em 1724, f. de Gaspar Pereira, com 6 filhos, não encontrados nos autores, entre os quais: (O atestado de óbito, do filho Estevão, encontrado no site Family Search pelo genealogista Carlos J.M. Oliveira, de Barbacena, MG, trouxe importantes informações para este ramo).

     5 - 1. Isabel de Miranda, n. São Gonçalo, RJ, ainda menor quando c. 1724, Rio, com João Rangel de Abreu, b. Rio, 1692/96, f. de Jacinto Barbosa Pinto e Úrsula Marins. (CR.1.198, 2.66 e 3.9).

     5 - 2. Violante da Costa, cc. João Batista Pinto.

     5 - 3. Estevão de Oliveira Vargas, n. São Gonçalo, RJ, menor, f. solteiro em 1724, na mesma cidade.

     4 - 3. Paulo da Costa de Oliveira, b. Rio, 1672, solteiro.

     4 - 4. Cap. Constantino de Paiva Pereira, b. Rio, 1675, onde c. 1700, com Andreza Grinalda Coutinho (ou Andreza de Grimaldi Coutinho), b. Rio, 1672, f. MG,  f. de Domingos Pereira da Silva e Paula Rangel de Macedo, e foram para a freguesia de São Bartolomeu, em Minas Gerais, c.ger. inédita em Azeredos Coutinhos. (BG.60.1.43 e CR.1.146 e "Cyclo das Gerações", de Mário Aloysio Cardoso de Miranda, fls. 227).

     3 - 3. Andreza de Souza, b. 1641 e f. Rio, onde c. 1660, com o Cap. de Infantaria Paga, Domingos Pereira da Silva (1ª esposa), n. Madalena, Lisboa, f. Rio, 1698, Senhor do Engenho de Itaúna, f. de Pedro Fernandes Pereira e Maria Francisca da Silva (em Azeredos Coutinhos), pais de: (BG.60.1.44).

     4 - 1. Lic. Inácio de Souza, b. Rio, 1664, cc.... de Araujo, s.ger.

     4 - 2. Catarina de Sena, b. Rio, 1673, onde f. 1708, c. São Gonçalo, 1699, com o Cap. Antonio de Azeredo Coutinho, b. Rio, 1670, f. do Cap. de igual nome e Francisca Cardoso Coutinho (em Azeredos Coutinhos), s.ger. (CR.1.159).

     3 - 4. Maria de Oliveira Vargas, b. Rio, 1642, onde c. 1664, com o Cap. João de Abreu Rangel, b. Rio, 1629, f. antes de 1669, f. do Cap. Baltazar de Abreu (Soutomaior), n. Ilha da Madeira, e Isabel Rangel de Macedo, n. RJ, np. de Pedro de Abreu Soutomaior e Francisca de Estrada, pais de: (BG.60.1.44, CR.1.9 e 3.111).

     4 - 1. Francisco de Abreu, n. Rio. b. 1665. (Sé, 4.45).

     4 - 2. Joana de Abreu Rangel, n. por volta de 1667, Rio, onde f. 1697, c. 1688, com o Dr. Domingos Luiz Pousada, n. por volta de 1658, São Martinho de Pousada, Barcelos, Senhor do Engenho de Tambi, f. de Francisco Gonçalves das Pedras e Francisca Luiz, pais de: João, Francisca, Domingos e Maria. (CR.1.9).

     4 - 3. Bárbara de Abreu Rangel, b. Rio, 1669, póstuma, c. antes de 1697, com o Cap.  Domingos Ferreira, n. Lisboa, c.ger. em CR.1.9, entre eles:

     5 - 1. Domingos Ferreira de Abreu, b. Rio, 1698, cc. Luísa Mariana Moniz de Almeida, n. Óbidos, Portugal, pais de:

     6 - 1. Joaquim José Ferreira de Abreu, Dr. em Leis em Coimbra.

     3 - 5. Cap. Baltazar da Costa de Oliveira, b. Rio, 1644, f. 1700, cc. Maria Vieira, s.ger. (CR.3.44).

     3 - 6. Jerônima de Souza, b. Rio, 1647, f. 1656, com 11 anos.

     3 - 7. Antonio, b. Rio, 1650. (Sé, 3.100).

     3 - 8. Violante da Costa, b. Rio, 1652, c. por volta de 1673, com Sarg. Mor José Pais de Muros, n. por volta de 1651, residente Sto. Antonio de Sá, f. do Cap. Gonçalo de Muros e sua 2ª, mulher Catarina, pais de: Catarina, b. 1674, Isabel, b. 1682, ambas na Sé, Cap. Francisco de Oliveira Paes, e ainda: (BG.60.1.44 e CR.2.653).

     4 - 1. Grácia da Costa, c. Rio, 1702, em pousadas de Domingos Ferreira, com o Cap. da Guarda, Amaro de Macedo de Vasconcelos, n. Lisboa, f. de José de Macedo e Inês  de Andrade. Foi para Portugal pv. 1715, com os filhos: João, Amaro, Francisco, e: (CR.3.44).

     5 - 1. José Antonio de Macedo de Vasconcelos, n. por volta de 1702, Rio, c. Lisboa, 1728, com Francisca de Brito Soutomaior.

     3 - 9. José de Oliveira Vargas, b. Rio, 1655, c. Ilha Grande, com Maria do Vale, pais de: (BG.60.1.44 e CR.3.44).

     4 - 1. Grácia da Costa, c. na Ilha Grande, com ....., c.ger.

     3 -10. Jerônima da Costa de Oliveira, n. 1647, Rio, onde f. 1681, c. 1675, com Pedro Álvares Fagundes (que depois cc. Brígida Rodrigues), n. e b. 1652, Rio, f. 1712, São Paulo, f. de João Fagundes Paris, n. Viana do Castelo, e Petronilha Fagundes, pais de: (BG.60.1.45, 65.3.144 e CR.2.6).

     4 - 1. Francisco de Oliveira Vargas, n. por volta de 1676.

     4 - 2. Sebastião Pedro Fagundes Varela, b. Rio, 1678, f. por volta de 1730, c. 1726, Rio, com Antonia Sebastiana de Macedo, n. por volta de 1707, São Gonçalo, RJ, f. após 1750, f. do Cap. Sebastião Martins Coutinho Rangel e Beatriz Rangel de Macedo ou Brites Rangel de Macedo (em Azeredos Coutinhos), s.ger. desta, mas teve 3 filhos naturais em MG, de Clara dos Anjos (que foi casada com Francisco Nunes Corte Real), n. RJ, de um dos quais descende o famoso poeta, c.ger. em CR.2.8, onde observamos: (BG.60.1.45 e FS).
- Obs.: Na realidade foram 7 filhos, conforme testamento gentilmente enviado pelo genealogista Carlos J. Maia de Oliveira, de Barbacena, MG: Jerônima, Francisca, Pedro, José, Ignacio, Sebastião e Rodrigo. (FS).

     5 - 1. Francisca Fagundes de Oliveira Leite, n. 1724, Mariana, MG, f. 1815, Porto Alegre, RS, c. por volta de 1740, Rio, com Antonio Muniz Leite, n. 1708, f. 1810, f. de Antonio Leite Vieira e Anastácia de Medeiros, com pelo menos: (FS).

     6 - 1. Anna de Medeiros, n. Mariana, MG, f. 1791, Rio Grande, RS, c. 1757, com João Pereira Duarte, n. 1727, Castelo Branco, Faial, Portugal, com pelo menos: (FS).

     7 - 1. Maria Ignacia de Oliveira, cc. (...), com pelo menos: (FS).

     8 - 1. José Dias de Oliveira, cc. (...), com pelo menos: Mania Inês Dias de Oliveira. (FS).

     7 - 2. Ana Francisca de Oliveira, cc. João Caldas de Araujo, com pelo menos: (FS).

     8 - 1. Graciano Caldas de Araujo, cc. Inocência Pereira das Neves, com pelo menos: (FS).

     9 - 1. Maria Raulina de Araujo, cc. Vicente Barros, com pelo menos: (FS).

     10- 1. Maria Prudência Barros, cc. José Salvador Burgos, com pelo menos: (FS).

     11- 1. Clara Benaventura Burgos de Jorge, cc. Antonio Jorge, n. Fih, El Koura, Líbano, com pelo menos: Antonio Negme Jorge, n. 1916, Melo, Cerro Largo, Uruguai. (FS).

     7 - 3. Joana Maria dos Santos, n. 1766, c. 1783, Rio Grande, RS, com José da Silva Tavares, com pelo menos: (FS).

     8 - 1. Serafim da Silva Tavares, cc. (...), com pelo menos: (FS).

     9 - 1. José Pereira da Silva, cc. (...), com pelo menos: (FS).

     10- 1. Narciso da Silva, cc. Balbina Collácio da Silva, com pelo menos: Enedino da Silva. (FS).

     8 - 2. Cel. João da Silva Tavares, Visconde do Serro Alegre, n. 1792, Herval, RS, f. 1872, Bagé, RS, c. por volta de 1817, nesta localidade, com Bernarda de Assunção Nunes, com 19 filhos, no site Family Search.

     8 - 3. José da Silva Fagundes, n. "1858?", Pelotas, RS, cc. Joana Bernarda de Araujo, com pelo menos: Albino da Silva Fagundos, e ainda: (FS).

     9 - 1. Vigésimo José da Silva, cc. Leopoldina Rodrigues de Araujo, com pelo menos: (FS).

     10- 1. Júlio José da Silva, n. 1858, Pelotas, RS, cc. Albertina Lopes, com pelo menos: Alberto Lopes da Silva, n. 1896, Pelotas, e ainda: (FS).

     11- 1. Albertina Lopes da Silva, n. 1890, Pelotas, f. Porto Alegre, c. Rio de Janeiro, com Felippe Osório, n. 1884, f. de Orphila Luísa Osório e (...), nm. de Pedro Luís Osório e Plácida Suarez Martins. (FS).

      6 - 2. Jerônimo Muniz Fagundes, o Leite, f. 1818, Caçapava, SP, c. Maldonado, Uruguai, com Maria Antonia da Rocha, f. de Matheus da Rocha e Antonia do Carmo Souto, ambos dos Açores, com 6 filhos, no site Family Search.

     6 - 3. Manuel Muniz Fagundes, n. Rio, b. 1750, Paróquia Marapicu, RJ, f. 1825, Aiqua, Maldonado, Uruguai, c. 1775, Rio Pardo, RS, com Margarida Gonçalves Pinto de Aguiar, n. e b. 1753, NS da Conceição, Viamão, RS, f. Cerro Largo, Uruguai, com 14 filha, no site Family Search.

     6 - 4. Josefa Maria de Jesus, n. 1752, São Pedro do Sul, RS, c. 1786, Porto Alegre, RS, com José Manuel Henriques, com pelo menos:

     7 - 1. Maria Vicência Antunes Maciel, n. 1791, Porto Alegre, RS, onde c. 1808, com o Cap. Francisco Aníbal Antunes Maciel, c.ger. no site Family Search.

     6 - 5. Helena Maria Moniz Fagundes, n. 1757, São Pedro do Sul, f. 1806, Pelotas, RS, cc. (...), com pelo menos: (FS).

     7 - 1. Manuel Antonio dos Santos Coimbra, cc. (...), com pelo menos: Maria Luiza dos Santos. (FS).

     5 - 2. Rodrigo Fagundes Varela (omitido em CR.2.8), n. e b. 1726, NS da Assunção, Mariana, MG, f. 1794, Cotia, SP, c. 1753, Santo Amaro, SP, com Ana Francisca de Oliveira, n. 1735, Santo Amaro, f. 1806, Cotia, SP, f. de José Francisco de Oliveira e Josefa Rodrigues, c.ger. em Garcias Velhos. (AS.5.80, SL.1.286, 8.500 e informações gentilmente enviadas pelo genealogista Carlos J. Maia de Oliveira, de Barbacena, MG).

     4 - 3. Jerônimo, b. Rio, 1680. (Sé, 5.3). (CR.2.12).

     4 - 4. Inácio de Oliveira Vargas, n. por volta de 1681, f. solteiro, Rio, 1712. 

                                                    Parágrafo 5º 

     2 - 5. Pe. Paulo da Costa, Jesuíta, b. Rio, 1618, f. Lisboa. (Sé, 1.19). (CR.1.417).

                                                    Parágrafo 6º 

     2 - 6. Violante, f. Rio, 1662, cc. Manuel de Brito Lacerda, f. Rio, 1661, talvez f. de Antonio de Oliveira ou Brito e Maria de Melo, np. de Manuel de Brito Lacerda, n. Beja, e Maria de Oliveira, s.ger. (CP.62, 102 e CR.1.268). 

                                                    CAPÍTULO 2º 

     1 - 2. João de Souza, o moço, n. por volta de 1582/6, Rio, em 1616 obteve terras na atual Praia de Botafogo, juntamente com o seu irmão Jerônimo, que antes pertenceram ao seu pai. Pode ter sido pai e não tio de Maria de Souza Coutinho, adiante. (BG.60.1.45, CP.458 e PP.178). 

                                                    CAPÍTULO 3º 

     1 - 3. Pedro de Souza (de Brito), Cap. de Infantaria, n. por volta de 1584, pai de: (BG.60.1.45).

                                                    Parágrafo 1º 

     2 - 1. Cap. Pedro de Souza de Brito. 

                                                    CAPÍTULO 4º 

     1 - 4. Cap. Jerônimo de Souza de Brito, n. por volta de 1586, em 1616 obteve terras na atual Praia de Botafogo, c. 1ª vez, antes de 1613, com Bárbara Coutinho, n. Capitania do Espírito Santo, f. de Marcos de Azeredo e Maria Coutinho de Melo (em Azeredos Coutinhos) e, 2ª, pv. 1640, com Ana de Azeredo, teve 13 filhos: (B.72, BG.60.1.45, CP.458 e colaboração da Sra. Denise Maria Gândara Alves, que muito agradecemos).
                Da 1ª mulher 8: 

                                                    Parágrafo 1º 

     2 - 1. Maria de Souza Coutinho, n. por volta de 1614, que também pode ter sido filha do Cap. 2º, retro, foi assassinada no RJ, cerca de 1642, juntamente com o seu 3º marido, pelo seu parente Belchior Homem de Azeredo e outros (em Azeredos Coutinhos), c. 1ª vez, pv. 1631, com Manoel Fernandes Cáceres, n. por volta de 1601, Viana do Castelo, f. por volta de 1633, 2ª, pv. 1635, com Antonio da Veiga, f. Rio, 1639 e, 3ª, pv. 1641, com o Cap. Antonio Pompeu de Almeida, n. SP, f. de Pedro Taques e Ana de Proença, e teve: (1.185, BG.60.1.45, PI.153, PP.178 e SL.4.309).
                 Do 1º marido filha única:

     3 - 1. Maria de Cáceres, b. Rio, 1632, cc. Francisco de Almeida Cabral, paulista, f. de Luiz Dias Leme e Ana Cabral (em Moreiras), pais de: (1.185, CR.2.55, PI.153, PP.178 e SL.2.328).

     4 - 1. Cap. Fernando de Almeida Leme (ou Fernando de Almeida Cabral), n. Ilha de São Sebastião, c. 1ª vez, Sorocaba, pv. 1710, com Andreza de Almeida Leite (ou Andreza Leite de Almeida), f. de Antonio Rodrigues Penteado e Maria de Almeida Lara e, 2ª, Itú ou Sorocaba, 1722, com Maria de Arruda e Sá (viúva de Manoel de Assumpção Bello), f. de Francisco de Arruda e Sá e Ana Bicudo de Proença (em Proenças Abreus), e teve mais de 6 filhos (com os naturais, havidos em Maria Rodrigues do Prado, entre eles o 5-6, adiante): (1.185, BG.60.1.46, CR.2.55, FS, PI.153, SL.1.151 e 4.123).

                 Da 1ª mulher 4 filhos:

     5 - 1. Cap. Mor José de Almeida Leme, c. Sorocaba, 1742, com Maria Egipciaca de Moura, f. mesma cidade, 1797, f. de João de Moura Gavião e Mecia Soares Paes, c.ger. em Pontes. (BG.60.1.46, PI.153 e SL.2.328).

     5 - 2. João de Almeida Leite, Juiz Ordinário, em 1764, e Guarda Mor das Terras Minerais de Sorocaba. (SL.2.338).

     5 - 3. Maria de Almeida Leite, f. com testamento 1787, c. 1728, Sorocaba, com o Guarda Mor Luiz Teixeira da Silva, n. Porto, f. de Paulo Teixeira de Andrade e Feliciana da Silva de Vasconcelos, com  f. único: (SL.2.338).

     6 - 1. Pe. José Teixeira de Almeida Leme, f. 1771, graduado em filosofia.

    5 - 4. Alf. Francisco Paes de Almeida, c. 1ª vez, com Antonia Pacheco de Arruda, f. de Antonio Ferraz de Arruda e Maria Pacheco de Sousa Menezes, c.ger. em Ferrazes Araujos, e, 2ª, em Itu, 1787, com Ana de Arruda Leite (viúva de José Gonçalves de Barros), f. de Antonio Bicudo de Barros e Josefa de Arruda (em Ferrazes Araujos). (1.186 e SL.2.338).

                 Da 2ª mulher 1 filha:

     5 - 5. Ana de Almeida e Arruda, c. Sorocaba, 1742, com o Sarg. Mor Antonio Loureiro da Silva, n. Valongo, São Mamede, Porto, f. de Melchior Loureiro da Fonseca, morador SP, e Maria da Silva, n. São Mamede, com  5 filhos: (1.191, BG.60.1.46/47, FS e SL.2.339).

     6 - 1. Maria do Belém, c. 1764, Sorocaba, com o Sarg. Mor Francisco Ribeiro de Moraes Pedroso (1ª esposa), Sarg. Mor das Ordenanças de Sorocaba, em 1766, f. de Inácio de Almeida Lara e Ana Pedroso de Cerqueira (em Laras), com  3 filhos, n. Sorocaba, entre eles: (1.272, SL.2.339 e 4.551).

     7 - 1. Floriana Maria do Belém, c. 1783, Sorocaba, com José Rodrigues Betim, f. de Bento Rodrigues Bueno e Maria de Araujo, np. de José Rodrigues Betim e Mariana de Freitas Azevedo (em Betim). (SL.1.392 e 4.551).

     7 - 2. Ten. Joaquim Antonio de Moraes Lara, de Sorocaba, c. 1789, Itapetininga, com Izabel Maria da Candelária, f. de José Domingues Espinhosa e Joana Maria de Chaves, com pelo menos: (SL.2.347 e 4.551).

     8 - 1. Izabel Maria da Candelária, c. 1823, Sorocaba, com Jesuino José Machado, f. de José Antonio de Godoy e Maria Venância. (SL.4.551).

     6 - 2. Bernarda Júlia de Almeida, c. 1763, Sorocaba, com o Sarg. Mor João de Almeida Lara, f. 1778, nessa cidade, irmão de Francisco Ribeiro de Moraes Pedroso (em Laras), acima, c.ger. em SL.4.552. (FS).

     6 - 3. Maria da Anunciação Loureiro (D. Núncia), c. 1774, Sorocaba, com o Cap. Joaquim José de Almeida Pedroso, f. 1799, na mesma cidade, f. de João de Almeida Pedroso e Gertrudes Ribeiro, c.ger. em SL.6.317 (Tít. Bicudos). (SL.2.339).

     6 - 4. José Loureiro de Almeida.

     6 - 5. Izabel Caetana do Pilar, c. 1770, Sorocaba, com João de Almeida Pedroso, irmão de Joaquim José de Almeida Pedroso, do 6-3, acima.

                De Maria Rodrigues do Prado teve, entre outros:

     5 - 6. Francisco de Almeida Leme, c. Itu, 1741, com Isabel Paes de Faria, n. Sorocaba, f. com testamento 1787, f. de José de Faria Paes e Ana de Moraes, c.ger. em Pontes. (1.269, BG.60.1.46, SL.2.339 e 4.548).

     4 - 2. Francisco Paes de Almeida, n. Ilha de São Sebastião, c. 1702, Sorocaba, com Maria de Almeida Pimentel e Lara, f. do Cap. Mor Tomé de Lara e Almeida e sua 1ª mulher Maria de Almeida Pimentel, c.ger. em SL.2.340 (Tít. Lemes). (SL.4.291).

                Do 2º marido, f. único:

     3 - 2. João da Veiga Coutinho, b. 1636, RJ, onde foi Cônego da Sé, fundou uma capela nos arredores de Curitiba, onde hoje esta localizada a cidade de São José dos Pinhais, e aí f. 1724, pode ter sido pai de: (BG.60.1.47).

     4 - 1. Maria da Veiga Coutinho (hipótese), cc. José da Cruz Martins, com pelo menos: (FS).

     5 - 1. Pedro José da Cruz, c. 1778, NS da Luz da Catedral, Curitiba, com Juliana Rodrigues da Silva, f. de José da Costa Colasso. (FS).

     4 - 2. Ângela da Veiga Coutinho (hipótese), cc. (...), com pelo menos: (FS).

     5 - 1. Estêvão José da Veiga, c. 1793, NS da Luz da Catedral, Curitiba, com Izabel Maria dos Anjos de Siqueira Cortes, f. de Aniceto Fernandes de Siqueira e Ignês Dias Cortes. (FS).

     4 - 2. Maria de Cáceres, n. por volta de 1690, Ilha Grande ou Rio, cc. o Sarg. Mor Manoel do Vale Porto, n. por volta de 1680, Valongo, Porto, recebeu sesmaria Paranaguá, 1713, considerado o fundador de Antonina, PR, com pelo menos (ver Genealogia Paranaense): (AS.2.205/6).

     5 - 1. Maria do Carmo Vale, n. por volta de 1713, Paranaguá, f. 1748, Curitiba, c. por volta de 1729, Curitiba, Antonina ou Paranaguá, com o Cap. Salvador de Albuquerque (2ª esposa), n. por volta de 1686, SP, f. com inventário  1756/8, morou nas Minas Gerais, f. de Manoel Pacheco de Albuquerque e Catarina de Godoi Moreira ou Catarina Moreira de Godoi (em Jorges Velhos), c.ger. em SL.8.374 e GP.1.158 (melhor), entre os quais: (AS.2.198).

     6 - 1. Francisca de Jesus de Albuquerque (cujo casamento SL omite), b. 1732, Curitiba, onde c. 1749, com Henrique Ferreira de Barros, n. por volta de 1724, São Salvador de Moreira, Maia, Porto, que veio com 11 anos para o RJ e em 1770, ele ou um filho do mesmo nome, foi nomeado Alferes de Curitiba, f. de Jacinto Pereira da Silva e Damásia Ferreira do Rio, com pelo menos (consultar GP): (AS.2.190 e SL.8.374).

     7 - 1. Gertrudes Maria de Barros, n. por volta de 1742, Curitiba ou Antonina, PR, f. 1787, Curitiba, onde c. 1778, com Manoel de Moura Cardoso (1ª esposa), b. 1744, Santiago de Lustosa, Lousada, Porto, com pelo menos (consultar GP):

     8 - 1. Maria Gertrudes de Moura, n. por volta de 1780, Antonina, PR, f. com testamento 1873, Lages, c. 1804, Lapa, PR, com Laureano José de Oliveira Ramos, n. por volta de 1784, São Miguel, SC, morador Lages onde f. 1862, f. de Mateus José Coelho e Maria Antonia, de Angra do Heroismo, Ilha Terceira, c.ger. em AS.2.224.

     5 - 2. Pe. Antonio do Vale Porto, n. por volta de 1716, vigário de Antonina, de 1761 a 64. (AS.2.199).

     5 - 3. Antonia de Souza e Vale, n. Paranaguá, cc. Baltazar Veloso, f. do Alf. Gaspar Carrasco dos Reis e Ana Leme da Silva, com: (AS.2.199 e SL.6.471).

     6 - 1. Agostinho da Silva Vale, n. Graciosa, PR, c. 1ª vez com Maria da Rocha Ferreira e, 2ª, 1786, Curitiba, com Maria Ângela de Lima, f. de José Nabo de Medeiros e Maria Francisca de Lima, e teve desta: (SL.6.471 e 9.199).

     7 - 1. Maria Camila de Lima, cc. João Machado da Silva Lima, f. de Agostinho Machado de Lima e Maria de Souza, c.ger. em SL.9.199 (SL. Adenda), onde não constam os nomes dos pais do marido. (SG.100 e SL.1.52).

     4 - 2. Antonia de Souza e Vale. (AS.2.206). 

                                                    Parágrafo 2º 

     2 - 2. Isabel Coutinho, b. Rio, 1616, cc. Antonio Ramires (que poderia ser filho de Diogo Ramires, que no ano de 1609, era morador em Santos, e recebeu sesmaria em São Sebastião, juntamente com Miguel Gonçalves Barbosa), c.ger. na Ilha de São Sebastião e costa sul, entre os quais podem estar:
- Obs.: Ou seria o Antonio Ramires, b. Rio, 1617, f. de Francisco Ramires e Grácia Muniz? (BG.60.1.48 e CR.3.96).

     3 - 1. Maria Ramires, cc. Miguel Gonçalves Barbosa ("na dúvida"), n. São Vicente (parente de João de Abreu), em 1609 recebeu sesmaria na Banda dos Castelhanos, Ilha de São Sebastião, com entre outros: (GS.259, 263, 388 e 498).
- Obs.: Esta ou outra do mesmo nome cc. Antonio Álvares Cousseiro, ambos portugueses, c.ger. em SL.5.286 (Tít. Alvarengas). (JG.2).

     4 - 1. Diogo Gonçalves (primo de Maria da Motta), n. Santos, morador São Sebastião, cc. (sua parenta?) Violante Barbosa, n. Bahia, prima do Pe. José da Silva Moraes e provável parente de Gaspar Dias Barbosa, com pelo menos: (GS.98, 229, 264, 498 e SL.8.419).

     5 - 1. Miguel Gonçalves Martins, n. São Sebastião, SP, Juiz Ordinário e proprietário da Fazenda Panamá-Huma, cc. Arcângela Pinto da Rocha, n. Santos, f. de Manoel Afonso Gaia e Maria Pinto da Rocha, c.ger. em Affonsos Gayas. (SL.8.419).

    5 - 2. André Gonçalves Martins, n. 1670 (ou 80), São Sebastião, aí f. 1755, com testamento em 1754, residente na Banda dos Castelhanos, cc. Josefa Gomes Rosado, n. São Sebastião, 1690, f. antes de 1754 (irmã de Isabel Rosado das Neves - em Raposos Bocarros), f. de Maria Rosado das Neves, com: (GS.57, 98, 99, 267 e 505).

     6 - 1. Miguel Gonçalves Martins, sobrinho, confundido com o primo n. 5-1, 6-4, acima, n. 1723, São Sebastião, cc. Verônica Dias Raposo, f. de Estevão Raposo Bocarro e Maria de Abreu Pedroso Leme, c.ger. em Raposos Bocarros. (GS.264).
- Obs.: Os autores podem estar entendendo ao contrário, sobre qual seria a esposa e os respectivos filhos deste e do seu primo do mesmo nome. (GS.503 e 513).

     6 - 2. José Dias Martins, n. 1736, c. 1ª vez, São Sebastião, com Maria Leite da Silva, f. de Amaro Dias Torres, n. Massarelos, e Maria Paes Leite da Silva (em Raposos Bocarros), "c.ger." que não descobrimos e, 2ª, com Isabel Nunes, n. 1738, e teve desta: Catarina, n. 1756, José, n. 1760, Mariana, n. 1762, e André, n. 1764. (3.85, GL.1.91, GS.67, 262 e SL.2.467).

     6 - 3. João Gomes Barbosa (José Gomes Barbosa ou José Gonçalves Barbosa), n. 1711/2, c. 1734, com Eugênia Ribeiro do Monte Carmelo, n. São Sebastião, 1720/5, f. de Salvador Ferreira de Moraes e Isabel Ribeiro (esta f. de Escolástica Ribeiro), c.ger. em GS.95/6 e 98, entre os quais: (GS.259 e 511)

     7 - 1. André Gonçalves Barbosa, n. 1763, São Sebastião, cc. sua parenta Rosália Leite, adiante. (GS.95/6 e 315).

     7 - 2. Manuel Dias Barbosa, sobrinho, n. 1750, cc. a parenta Maria Leite da Silva (ou Maria Pedroso de Moraes), c.ger. adiante.

     7 - 3. Ana Barbosa de Moraes, n. 1737, c. 1765, com Claro Francisco de Souza, f. de Ricardo Alves Pereira e Ana Maria ou Francisca de Souza, c.ger. em Lopes Silvas. (GS.95, 320 e 477).

     7 - 4. José de Moura Negrão, c. 1ª vez com sua parenta Maria de Moura, f. por volta de 1775, f. de João de Moura e Teresa Cardoso (em Raposos Bocarros), s.ger. e, 2ª, com Maria da Gaia, prima da 1ª esposa, f. de Leonardo Faria Coutinho ou Sodré e Maria Josefa (em Raposos Bocarros), c.ger. em GS.511. (GS.525/6).

     6 - 4. Cap. Mor Manuel Dias Barbosa, sênior, n. 1707, f. 1778, morador na Ilha de São Sebastião, cc. sua parenta Inácia Gomes de Moraes, n. 1720, f. 1779 ou 1802, f. de Julião de Moura Negrão e Inês de Oliveira Leite, c.ger. adiante.

     6 - 5. Bartolomeu Gonçalves Barbosa (ou Bartolomeu Gonçalves Martins), n. 1721, São Sebastião, não relacionado em Gayas, de SL, c. 1755/65 com sua parenta Catarina Nunes de Freitas Pedroso, n. 1730/35, f. de José Nunes de Freitas da Fonseca e Rosa Pires da Mota, adiante, com: (GS.88/9, 104, 191, 208, 264 e SG.57).

     7 - 1. José de Deus Pedroso, n. 1771, São Sebastião, cc...., pai de pelo menos: (GS.260 e 364).

     8 - 1. José Gonçalves Belém cc. Maria Beralda Rodrigues Moreira.

     7 - 2. Manuel de Santana Freitas, n. 1762/6, São Sebastião, Cap. de Ordenanças em Vila Bela, cujos casamentos SL omite, usou diversos outros nomes, c. 1ª vez, 1785, com Teresa Maria de Jesus, a velha, n. 1762, São Sebastião, onde f. 1798, f. de Timóteo Furtado de Oliveira e Josefa Ribeiro Escobar, c.ger. desta em Afonsos Gaias e, 2ª, 1804, com Maria Eugênia da Conceição Ribeiro Escobar (ou Maria Luiza da Conceição), prima da 1ª esposa, f. de Manuel Francisco e Eugênia Ribeiro Escobar, com pelo menos: (GL.1.91, GS.193, 343, 528 e SL.1.451).
               Da 2ª esposa (
Maria Eugênia da Conceição Ribeiro Escobar), 9 filhos:

     8 - 1. Rosa Maria de Jesus Freitas, n. 1805, cc. Antonio Joaquim de Freitas (ou Antonio Joaquim de Azevedo). (GS.191 e 209).

     8 - 2. Antonio Gonçalves de Freitas, n. 1808, cc. ...., com 4 filhos. (GS.209).

     9 - 1. Antonio Gonçalves de Freitas Júnior, n. 1836.
- Obs.: Talvez o mesmo: Antonio Gonçalves de Freitas, cc. Tereza Maria de Jesus, ambos naturais de Vila Bela, com pelo menos: (GS.188 e 201).

    10- 1. Maria dos Santos, c. 1859, São Sebastião, SP, com João Jacinto do Rego, f. do Cap. Mor do mesmo nome, n. Vila Bela, e Rosa Jacinta. (GS.188).

    10- 2. Prof. João Gonçalves de Freitas, n. Vila Bela da Princesa, c. 1850, São Sebastião, com Antonia Maria de Santana, n. da mesma Vila, f. de Manuel do Sacramento Pedroso e Ana Maria de Santana, com pelo menos: Elisa Gonçalves de Freitas, f. menor, e ainda: (GS.201).

    11- 1. Sebastião Gonçalves de Freitas, "Batango", n. 1876, f. 1921, Tabelião em Vila Bela, cc. Antonia Carmina de Freitas Pina, f. de João da Costa Pina e Ana Quinteiro, c.ger. em GS.212/13. (GS.201).

    10- 3. José Gonçalves de Freitas, cc. Justina. (GS.201).

    10- 4. Francisco Gonçalves de Freitas, cc. Leonilda. (GS.201).

     9 - 2. José Gonçalves de Freitas, n. 1838. (GS.191).

     9 - 3. Manuel Gonçalves de Freitas, n. 1843. (GS.191).

     9 - 4. Francisco Gonçalves de Freitas, n. 1845. (GS.191).

     8 - 3. Gertrudes Maria de Jesus, n. 1813, cc. João Francisco dos Santos. (GS.191).

     8 - 4. Bartolomeu Gonçalves de Freitas, n. 1815, São Sebastião, onde c. 1876, com Josefa Maria do Nascimento, f. de Manuel Serafim da Ressurreição e Maria Francisca da Conceição (ou Maria Francisca Furtado), com filho único: (GS.191, 209 e 413).

     9 - 1. José Gonçalves de Freitas, n. "1817" (ou 1877?), São Sebastião. (GS.209).
- Obs.: Talvez o mesmo: José Gonçalves de Freitas, cc. Antonia Garcia de Freitas, com pelo menos: (GS.188).

     10- 1. Antonio Gonçalves de Freitas, c. 1902, São Sebastião, com Ana Liberata de Azevedo, n. da mesma localidade, f. de Pedro Paulo de Azevedo e Rita da Silva Salinas. (GS.188).

     8 - 5. Higino Gonçalves de Freitas (ou Higino Manuel de Santana), n. 1817, São Sebastião, cc. Antonia Cândida Ferreira, f. de Hermenegildo Antonio Ferreira e Florência Francisca de Jesus, com pelo menos 4 ou 5 filhos: Isabel, n. 1871, Daniel Ferreira de Santana, e ainda: (GS.191, 200, 209 e 425).

     9 - 1. Sebastião Gonçalves Ferreira de Santana, n. 1852, cc. Rita Gonçalves de Oliveira Santos, f. de Manuel Gonçalves de Oliveira Santos Filho e Josefa Maria de Santana Lopes (em Toledos Pizas), com pelo menos: (GS.201, 209 e 325).

    10- 1. Josefa Gonçalves de Santana, c. São Sebastião, com Sebastião Silvestre Neves, f. único de Valeriano Antonio Neves e Antonia da Natividade Martins de Oliveira, np. de Floriano Antonio das Neves e Benedita Maria de Jesus, nm. do Cap. Francisco Alexandre de Paula Martins de Oliveira e Joana Maria de Jesus, com pelo menos: (GS.325 e 331).
- Obs.: Mas em GS.331, Sebastião Silvestre Neves, n. São Sebastião, está cc. Ana Josefa de Oliveira Santos ("Criola"), f. de Manoel Gonçalves de Oliveira Santos e Josefa Maria de Santana Lopes (os avós maternos, acima), e pais dos dois mesmos filhos abaixo. (GS.331).

    11- 1. Irene, cc. Gil Paccini, f. de Dante e Rosa Paccini, c.ger. em GS.325.

    11- 2. Rute Santana Neves, cc. seu primo materno, Edgar Santana, f. de Higino Gonçalves de Santana e Vestina Barbosa Camelo, np. de Sebastião Gonçalves Ferreira de Santana e Rita Gonçalves de Oliveira Santos, c.ger. adiante. (GS.325/6).

    11- 3. Valeriano Antonio das Neves Neto, cc. Teresa Paccini, f. de Dante e Rosa Pacini, "c.ger.". (GS.326).

    10- 2. Higino Gonçalves de Santana, cc. Vestina Barbosa Camelo, f. de Vicente Barbosa Carmelo e Rosa Maria da Conceição, com pelo menos: (GS.424).

    11- 1. Edgar Santana, cc. sua prima, Rute Santana Neves, f. de Sebastião Silvestre Neves e Josefa Gonçalves de Santana, acima, com pelo menos: Edgar, Sérgio e Roberto. (GS.325/6 e 424/5).

    11- 2. Iná, cc. José Álvares Peres, com pelo menos: José Eduardo de Santana Peres, e ainda: (GS.424/5).

    12- 1. José Hermenegildo de Santana Peres, cc. Beti Maluf.

    12- 2. José Higino de Santana Peres, cc. Roseni.

    11- 3. Sebastião Ferreira de Santana, cc. Odete, com pelo menos: (GS.424/5).

    12- 1. Claudete, cc. Abel, c.ger. em GS.425.

    12- 2. Rosa Maria, cc. José Carlos.

    11- 4. Rosa Santana, cc. Elzo Pinder, com pelo menos: Maria Elizabete, Edson Pinder, e ainda: (GS.425).

    12- 1. Eduardo Pinder, cc. Helena Domingues Pinto.

    11- 5. Higino Gonçalves de Santana Júnior, cc. Valquíria, com pelo menos: Higino, Ranulfo, Renato. (GS.425).

    11- 6. Josefa, cc. Nicolau Cruspenski, polonês, com pelo menos: Suzette, e ainda: (GS.425).

    12- 1. Nicolau, cc. Lucia Helena.

    11- 7. Vicente, cc. Marina, com pelo menos: Ricardo, Maria Vestina e Maria Teresa. (GS.425).

    10- 3. Hermenegildo Gonçalves de Santana, cc. Venina Pimenta Passos. (GS.433).

    10- 4. José Maria Gonçalves de Santana, c. 1ª vez, com Odete Silva e, 2ª, com Judite, com pelo menos: (GS.430 e 433).
              Do 1º casamento:

    11- 1. Fernando Santana, cc. Rosemary, com pelo menos: Evandro.

              Do 2º casamento: 11- 2. Rita.

    10- 5. Josino Gonçalves de Santana (ou Josimo Gonçalves de Santana), n. São Sebastião, cc. Tarcila, com: Hermenegildo, Nise, Josino, Josefa, Rivaldo, e ainda: (GS.431 e 433).

    11- 1. Uriete, cc. José Lopes, "c.ger.".

    10- 5. Rosa Gonçalves de Santana, cc. Jaime Lobo Viana, f. do Dr. José Lobo Viana Júnior e Antonia Feliciana da Silva. (GS.433).

     9 - 2. Benjamim Ferreira de Santana, n. 1872, cc. Maria Júlia, com pelo menos: Antonia, Romeu e Julieta. (GS.425).

     9 - 3. Cândida Ferreira de Santana, cc. Manuel de Faria Lemos, n. Pernambuco. (GS.425).

     8 - 6. Teresa Maria de Jesus, a moça, n. 1818, cc. João Inácio dos Santos (ou José Inácio dos Santos). Casou também com José Francisco dos Santos, que poderia ser o mesmo adiante, seu descendente ou outro. (GS.210, 439 e 440).

     8 - 7. Maria José de Jesus, n. 1820, cc. Inácio Moreira da Silva. (GS.210).
- Obs.: O autor diz que tem dúvidas sobre este casamento, porque existiram outras senhoras com este mesmo nome em São Sebastião.

     8 - 8. Umbelina Gonçalves de Freitas, n. 1825, "parece-nos que ligada à família do Sr. Pergentino de Freitas", ("cc. Francisco de Paula Moraes?"). (GS.191, 204 e 210).

     8 - 9. José Luiz de Freitas, n. 1830 ou 40, cc. Ana Josefa Gonçalves de Oliveira Santos, f. de Manoel Gonçalves de Oliveira Santos Júnior e Josefa Maria de Santana Lopes (em Toledos Pizas), "com 6 filhos": Leopoldo Gonçalves de Freitas, f. solteiro, Antonio Gonçalves de Freitas, "Totó", f. solteiro, e ainda: (GS.204/5 e 210).

     9 - 1. Manuel Fernandes de Freitas, "Manequinho", cc. Dúlia. (GS.205).

     9 - 2. José Bonifácio de Freitas, casado.

     9 - 3. João Gonçalves de Freitas, casado.

     9 - 4. Sebastião Gonçalves de Freitas, casado.

    7 - 3. Josefa Gomes de Moraes, n. 1748/50, f. com testamento São Sebastião, 1808, cc. José Furtado de Oliveira, n. 1735, Santos, Juiz Ordinário em 1779/80, f. de Gregório Furtado de Siqueira (ou Gregório Furtado de Oliveira) e Ana Pinto da Rocha, c.ger. em Affonsos Gayas. (GS.141, 214/5, 260, 332 e 338).

     7 - 4. André, n. 1757 (ou 1767?). (GS.104 e 364).

     7 - 5. Maria, n. 1769. (SG.57 e 364).

     6 - 6. João Dias Martins, n. 1736.

     6 - 7. Maria Gomes Martins, f. antes de 1755.

     6 - 8. Antonio Gonçalves Martins, f. antes de 1755.

     6 - 9. Pedro Gonçalves Barbosa. (GS.99, 264 e 259).

     6 -10. Domingos Gonçalves Barbosa, f. antes de 1755.

     6 -11. André. (GS.505).

     5 - 3. Estefânia Ramires (hipótese, cujos pais não conseguimos encontrar), cc. Bernardo de Souza, com pelo menos: (GS.476).

     6 - 1. Pe. João de Souza Ramires, que viveu cerca de 1650.

     4 - 2. Inocência Ramires (hipótese), n. Paranaguá, segunda esposa de José Pinto Bandeira, n. Valongo, Porto, f. de Salvador Pinto Bandeira (em Guerras), c.ger. em NobRS.267.

     3 - 2. Constança Ramires (Moreira?), irmã de Maria Ramires, cc. Salvador Ferreira ou Pires da Mota (Bitencourt?), "antigos moradores de São Sebastião", "da família Ferreira Bitencourt, das Ilhas", com pelo menos: (AS.2.150, GS.186, 217/8, 263, 527 e PP.121/3).
- Obs.: 1) Pelos nomes dos filhos, parece que poderia ser descendente de Vasco Pires da Mota, n. Portugal, e Felipa Gomes da Costa, talvez conforme está em Oliveiras Gagos e ascendente de Gonçalo da Mota Bitencourt, daquele Título;

     4 - 1. Maria Pires da Mota "prima de Diogo Gonçalves", acima, cc..., pais de pelo menos: (AS.1.100 e GS.264).

     5 - 1. Rosa Pires da Mota, a velha, cc. o Cap. José Nunes de Freitas da Fonseca, ambos n. São Sebastião, f. do Cap. Miguel Gonçalves da Fonseca (também apareceu como Miguel Gonçalves Martins) e Maria Nunes de Freitas, a velha, np. de Bartolomeu Gonçalves e Maria de Unhate, nm. de Gonçalo de Freitas, n. Viana, Portugal, e Maria Farinha, n. Coimbra, com pelo menos: (GS.57, 186, 264 e SL.8.420).

     6 - 1. Josefa Nunes de Freitas, n. 1724/5, c. 1749 (ou 1668, Santos), com seu parente Miguel Gonçalves Martins, filho, n. São Sebastião, 1723/5, f. antes de 1750, f. de Miguel Gonçalves Martins e Arcângela Pinto da Rocha, acima, c.ger. em Affonsos Gayas). (GL.1.87, GS.57, 186, 264, SL.2.467 e 8.419).
- Obs.: Ou cc. o primo deste? (GS.527).

    6 - 2. Catarina Nunes de Freitas Pedroso, n. 1730, omitida em SL, c. 1755/65, com seu parente, Bartolomeu Gonçalves Martins (ou Bartolomeu Gonçalves Barbosa), n. 1721, c.ger. acima. (GS.88/9, 186, 193 e 264).

     6 - 3. Gonçalo de Freitas da Fonseca (hipótese), n. 1723, talvez filho ou sobrinho, recenceado São Sebastião, 1765, cc. (sua parenta?) Helena Gomes de Moraes, n. 1742. (GS.186).

     5 - 2. Verônica Pires Bitencourt, n. 1678, São Sebastião, cc. Cap. Domingos Afonso Gaia, n. Santos, 1677, f. 1770, Juiz Ordinário em São Sebastião, f. de Manuel Afonso Gaia e Maria Pinto da Rocha, c.ger. em Affonsos Gayas. (AS.1.100, GS.186, 217/8 e SL.8.418).

     4 - 2. Manuel da Motta Moreira, n. por volta de 1670, cc. Ângela da Gaia, n. Santos, f. de Domingos Afonso Gaia e Bárbara Pires Pancas, c.ger. em Affonsos Gayas. (AS.2.143, 150 e GS.298/9 e SL.8.435).
- Obs.: Este e os dois irmãos abaixo podem ter sido filhos de Vicente Pires da Mota e Lucrécia Moreira Nobre, como está em GS.30014.

     4 - 3. Jorge da Mota Moreira (também chamado de Jorge Moreira, bisneto), cc. Maria Cordeiro, f. de Pedro Cordeiro, Cavaleiro Fidalgo, de Viana do Minho, povoador de São Vicente em 1532, Procurador do Conselho em São Vicente em 1544, Cap. Mor em 1561 e Juiz Ordinário em Santos em 1590 e Brígida Machado, com: (GS.297).

     5 - 1. Maria Nunes Moreira, n. 1700, São Sebastião, onde f. 1763, cc. o Ten. Cel. Domingos Lopes de Oliveira, n. 1669, Santa Maria do Olival da Feira, bispado do Porto, f. 1766, São Sebastião, aos 97 anos, para onde veio jovem, tiveram 6 filhos, entre os quais: (GS.272 e 297/8).

     6 - 1. Mariana Gonçalves Barbosa (ou Mariana Gonçalves de Oliveira), n. São Sebastião, SP, cc. o Alf. Amaro Álvares da Cruz ou Amaro Alves da Silva Cruz, Sênior, n. 1679, Azurara, Portugal, f. 1763, São Sebastião, f. de Miguel Álvares e Maria Manoela Alves da Cruz, com pelo menos: (GS.156/7 e 331).

     7 - 1. Maria Manoela Alves da Cruz, n. 1726, cc. seu parente o Alf. João Correia Marzagão, n. 1718, f. de João da Mota Moreira e Maria Nunes Correia (em Affonsos Gayas), com 7 filhos: Ana, Mariana, n. 1755, Maria, n. 1757, Porcina (ou Purcina), n. 1862, e ainda: (GS.156 e 269).

     8 - 1. Amaro Alves da Cruz, sobrinho neto (ou Amaro Álvares da Cruz), n. 1752/3, São Sebastião, c. 1775, com sua parenta, Maria Leite da Silva, f. de Diogo de Escobar Ortiz e Maria Egipciaca, c.ger. em Raposos Bocarros. (GS.269 e SL.8.437).

     8 - 2. Diogo Correia Marzagão (aparece também como João Antonio da Silva, e João Correia Marzagão), n. entre 1753/56, São Sebastião, referido como de Caraguatatuba, cc. sua sobrinha Maria Caetana do Amaral (ou Maria Castanho do Amaral), n. 1765, f. de João da Mota Moreira e Luiza Mariana do Amaral, abaixo, com pelo menos: Ana, n. 1788, Maria, n. 1790, Diogo Correia Marzagão, n. 1800, Francisca (ou Francisco), n. 1802, Antonio Caetano Torres, n. 1806, Emerenciana, n. 1807, José, n. 1812, e ainda: (GS.267).

     9 - 1. João Correia Marzagão, n.  1798, cc. Ana Alves de Oliveira, com pelo menos: (GS.270).

     10- 1. Fulana, cc. João Adolfo Jorge de Jesus. (GS.270).

     9 - 2. Florência Mendes de Oliveira, n. 1809 (parece que casou duas vezes), cc. Amaro Alves da Silva Cruz e com Antonio Alves da Cruz, com pelo menos: (GS.150, 159 e 267).
               De Amaro Alves da Silva Cruz, pelo menos:

    10- 1. Ana Francisca da Cruz, n. São Sebastião, cc. seu parente, José Correia de Oliveira Dória, n. 1745, São Sebastião, onde f. com testamento em 1804, f. de Diogo Correia Marzagão, neto, e Inês de Andrade de Oliveira Leitão, c.ger. em Aguirres. (GS.166/7, 266/7 e 344).

               De Antonio Alves da Cruz, pelo menos:

    10- 2. Diogo Alves da Cruz. (GS.159).

    10- 3. Antonio Mendes de Oliveira.

    10- 4. Lourenço Alves da Cruz.

    10- 5. Ana Francisca da Cruz (que deve ser a mesma, acima, filha de Amaro Alves da Silva Cruz).

    8 - 3. João da Mota Moreira, neto, n. 1747/8, São Sebastião, onde c. com sua prima, Luíza Maria do Amaral (ou Luiza Mariana do Amaral), n. 1746/7, na mesma cidade, f. de Diogo Castanho Torres e Josefa Maria do Amaral (ou Maria Josefa do Amaral), n. Paratí (em Dias Teveriçás), com pelo menos: Ana, n. 1771, Francisca, n. 1774, Maria, n. 1784, Maria (outra), n. 1786, João, n. 1779, São Sebastião, e ainda: (GS.157, 269 e 296/7).

     9 - 1. Padre Joaquim Santana da Mota Moreira, n. 1780, São Sebastião. (GS.157 e 297).

     9 - 2. Maria Castanha do Amaral, n. 1766, São Sebastião, onde c. 1787, com seu tio, Diogo Correia Marzagão, sobrinho, n. 1753, Vila Bela, f. do Alf. João Correia Marzagão e Maria Manuela Alves da Cruz, "pais de 9 filhos". (GS.297).

     9 - 2. Luiza Mariana do Amaral (filha), n. 1782, São Sebastião, onde c. 1810, com seu primo, Luiz Alves da Cruz, n. 1774, na mesma cidade, f. de Amaro Alves da Silva Cruz e Maria Barbosa do Amaral (em Dias Teveriçás), com pelo menos: (GS.161).

     10- 1. Padre Antonio Álvares de Oliveira Cruz, n. 1810, Vila Bela da Princesa. (GS.161).

     7 - 2. Cap. Amaro Alves da Silva Cruz, o moço, n. 1727, São Sebastião, onde f. 1804, c. 1776, com Maria Barbosa do Amaral, n. 1734, na mesma Ilha, irmã de Luiza Mariana do Amaral, do 8-3, anterior, c.ger. em Dias Teveriçás. (GS.157).

     7 - 3. Catarina Gonçalves de Oliveira, n. 1733, c. 1ª vez com Antonio Mateus Esteves dos Santos (casamento anulado em 1756) e, 2ª, 1764, com seu parente Amaro Dias Torres, neto (ou Amaro Dias de Moraes), f. de João Leite da Silva Torres e Ana Correia da Gaia (em Affonsos Gayas). (GS.157, 485 e SL.8.437).

     7 - 4. Antonia Gonçalves de Oliveira (hipótese), cc. Antonio Mateus Esteves dos Santos (1ª esposa), o mesmo do 7-3, com: (GS.435).

     8 - 1. Mariana Gonçalves dos Santos, n. São Sebastião, onde f. 1788, cc. Manoel de Cerqueira, Tabelião, com 3 filhos: Ana Rosa, Francisco de Paula, "falecidos", e "existe", outro Francisco de Paula. (GS.435).

     6 - 2. Cap. Mor Manuel Lopes da Ressureição, n. 1723 ou 25, São Sebastião, SP, que em 1785 abriu a primeira estrada, passando por Pirassununga, cc. Ana Josefa Barbosa, n. 1740, na mesma localidade, f. do Sarg. Mor Manoel Dias Barbosa e Inácia Gomes de Moraes, c.ger. adiante. (GS.297 e 331).

     6 - 3. Antonia Nunes Moreira, n. 1713, cc. Antonio Fernandes Silva (ou Antonio Bernardo da Silva), n. 1703, com pelo menos: Sebastião, n. 1754, e ainda: (GS.190 e 440).

     7 - 1. Ana Gonçalves de Oliveira, n. 1754, c. São Sebastião, SP, com José Francisco dos Santos, n. Vila de Azurara, bispado do Porto, Portugal, residente no seu sítio, na Prainha, Ilha de São Sebastião, onde f. 1807, com testamento, f. de Manuel Francisco de Azevedo e Grácia Francisca, com 6 filhos: Ana, Gertrudes, e ainda: (GS.439/40).

     8 - 1. Manuel Gonçalves de Oliveira Santos Sênior, n. por volta de 1790, cc. Ana Eufrozina de Santana Lopes, n. São Sebastião, f. do Cap. Manoel de Santana Lopes e Engrácia Maria de Toledo Ribas, c.ger. em Toledos Pizas. (GS.439/40 e SL.5.502).

     8 - 2. Antonio Gonçalves de Oliveira Santos.

     8 - 3. Maria, cc. José de Oliveira Preto (não encontrado em SL). (GS.440).

     8 - 4. Engrácia Francisca, cc. Alf. Antonio Luiz de Freitas (vide Falcão). (GS.190 e 440).

     4 - 4. Antonio Maria da Mota. (GS.272, 330 e SL.8.435).

     3 - 3. José Ramires, "irmão de Constança Ramires", pai de pelo menos: (AS.2.143).

     4 - 1. Petronilha de Sousa, mãe de pelo menos: (AS.2.143).

     5 - 1. Isabel de Sousa Coutinho, cc. Domingos da Costa Ribeiro, com pelo menos: (AS.2.143).

     6 - 1. Catarina de Sene Ribeiro, c. 1750, Santos, com seu parente em 4º grau, Miguel de Faria Sodré, n. 1719, São Sebastião, f. de Antonio de Faria Sodré e Verônica da Gaia Moreira (em Raposos Bocarros).

     3 - 4. João Ramires Moreira (hipótese), n. por volta de 1627. (AS.2.149). 

                                                    Parágrafo 3º 

     2 - 3. Ana Coutinho, b. Rio, 1618, c. por volta de 1640, com Constantino Correia Cardoso, n. por volta de 1609, Santos, SP, f. antes de 1676, f. de Antonio Cardoso e Bárbara da Costa ou Correia, e foram pais de: (BG.60.1.48 e CR.1.385).

     3 - 1. Inocêncio Correia, b. Rio, 1640. (Candelária, 1.38v).

     3 - 2. Bento Correia de Souza Coutinho, b. Rio, 1645, foi Cap. de Infantaria e em 1712 ordenou-se Clérigo de São Pedro, c. por volta de 1691, com Mariana Mendes de Araujo, n. por volta de 1671, pais de 3 filhos: Alberto, b. 1692, José, b. 1703, ambos na Candelária, Rio, e ainda: (CR.1.385).

     4 - 1. Francisca Josefa Coutinho, n. por volta de 1694, c. Rio, 1714, com seu primo irmão, o Dr. Tomé de Souza Coutinho Botafogo, f. de Antonio Cardoso Coutinho Botafogo e Beatriz Pereira da Silveira, c.ger. adiante. (BG.60.1.49, CR.1.294 e 386).

     3 - 3. Frei Constantino, carmelita, b. Rio, 1647. (Cand. 1.83).

     3 - 4. Antonio Cardoso Coutinho Botafogo, b. Rio, 1650, c. por volta de 1675, com Beatriz Pereira da Silveira, f. de Antonio da Silveira e Beatriz Pereira, teve 8 filhos: (BG.60.1.49, CR.1.294 e 296).
                Do seu casamento 6: Pe. Dr. Antonio Cardoso Coutinho, cônego em MG, Manoel de Souza Coutinho, Luiz, b. 1680, Bento, b. 1683, Luíza, b. 1685, na Sé, Rio, e ainda:

     4 - 1. Dr. Tomé de Souza Coutinho Botafogo, n. por volta de 1676, bacharel, formado em Coimbra, em 1705, assassinado em Ouro Preto, MG, em 1744, c. Rio, 1714, com sua prima irmã, Francisca Josefa Coutinho, acima, com  7 filhos:
- Obs.: Vide um Tomé de Souza Coutinho, cc. Úrsula Maria, c.ger. em CR.2.452.

     5 - 1. Pe. José Inocêncio de Souza Coutinho, n. por volta de 1715, Ouro Preto. (BG.60.1.49 e CR.1.294).

     5 - 2. Cônego Antonio Amaro de Souza Coutinho, n. Mariana, MG, b. 1721 e onde f. 1800.

     5 - 3. Dr. Tomé Félix de Souza Coutinho, n. por volta de 1718, Mariana, f. antes de 1754, c. por volta de 1748, com Joana Maria Juliana de Albuquerque, f. do Aj. Julião Francisco Marvão e Rosa Maria de Brito, c.ger. (BG.60.1.49 e CR.1.295).

     5 - 4. Bárbara Francisca Xavier, n. por volta de 1724, Ouro Preto, c. Rio, 1744, com Antonio José da Assunção e Matos, n. por volta de 1714, Rio, f. de Miguel Cardoso Coutinho e Luísa de Matos, pais de 8 filhos, todos n. Rio: Ana Joaquina da Assunção, n. 1744, Mariana, n. 1745, Luís, n. 1748, Helena, b. 1750, Antonio, n. 1751, Maria, n. 1752, e: (CR.1.295).

     6 - 1. Antonia Maria da Assunção, b. 1747, onde c. 1780, com Manuel dos Santos. (CR.1.295).

     6 - 2. Teresa Francisca Xavier, c. Rio, 1771, com João Rodrigues Basto. (CR.1.295).

     5 - 5. Maria Escolástica do Espírito Santo, n. por volta de 1727, Ouro Preto, c. Rio, 1745, com Domingos Tomé da Costa, n. por volta de 1715, Santa Maria Maior de Barcelos, Braga, f. de Manoel Álvares Tomé e Micaela da Costa, pais de: Manuel e Ângela.

     5 - 6. Beatriz Luísa do Sacramento, n. por volta de 1730, Ouro Preto, c. Rio, 1748, com Simão Pereira Barreto, n. Campo Grande, Rio, f. do Cap. Antonio Lobo de Alarcão e Inácia Teles de Menezes (em Rendons), pais de 4 filhos: (CR.1.295).

     6 - 1. Maria, b. Rio, 1750. (Sé 10º,149).

     6 - 2. Tomé de Menezes Coutinho, n. Rio, 1753, onde c. 1780, com Ana Joaquina de Campos, n. Rio, f. do Alf. Antonio de Oliveira e Margarida Joaquina Josefa de Campos, com pelo menos: (CR.1.295 e FS).

     7 - 1. Simão Pereira Barreto, n. Rio, c. 1810, Mogi das Cruzes, SP, com Ângela Maria, f. de Inácio Leme da Luz e Ana Maria de Jesus, f. 1822, Mogi das Cruzes. (FS).

     6 - 3. Ana, n. Rio, 1754. (Candelária 6º,371v).

     6 - 4. José Luiz de Menezes Coutinho, n. Rio, 1755, onde c. 1792, com Anacleta Rosa Xavier, n. dessa cidade, f. do Cap. Antonio José da Silva e Eugênia Madalena Joaquina.

     5 - 7. Francisca Isabel de Santana, n. por volta de 1733, Ouro Preto, c. Rio, 1752, com Diogo de Lima Cerqueira, b. Rio, 1732, f. de outro do mesmo nome e Ana Correia de Sousa.

                De Teresa de Jesus, viúvos ambos, 2 filhos naturais: João, b. 1695, Bento, b. 1696, ambos na Sé, Rio.

    3 - 5. Francisco Correia de Souza Coutinho, b. Rio, 1652, onde c. 1676, com Margarida Soares de Soberal, n. por volta de 1659, Rio, onde f. 1729, f. de Salvador Rodrigues de Soberal e Margarida Soares Pinto (em Antas Moraes), pais de: (BG.60.1.49/50).

     4 - 1. Pe. José Correia Coutinho, n. por volta de 1676, São Pedro.

     4 - 2. Constantino, b. Rio, 1682. (Sé, 5.19 e 75).

     4 - 3. Joana Coutinho (ou Joana de Soberal), n. por volta de 1689, Rio, f. 1719, onde c. 1708, com Jerônimo Negrão de Menezes, n. Rio, f. antes de 1719, f. de Jerônimo Negrão e Maria de Menezes, s.ger. (CR.1.296 e 386).

     4 - 4. Maria, b. Rio, 1691. (Sé, 5.75).

     4 - 5. Ten. Francisco Correia Coutinho, b. Rio, 1692, onde c. 1712, com Ana de Menezes, n. Rio (viúva de Tomé Teles de Menezes), moradora Pilar do Iguaçu, RJ, f. de João Barreto de Menezes e Isabel de Bitencourt. (CR.1.386).

     4 - 6. Dr. João de Castilho de Souza Botafogo, n. Rio, onde c. 1733, com Bárbara Pereira da Cruz, n. Magé, f. de Cristóvão Rodrigues de Lapenha e Joana Pereira da Silva. 

                                                    Parágrafo 4º 

     2 - 4. Salvador de Souza, b. Rio, 1621. (Sé, 1.36v). 

                                                    Parágrafo 5º 

     2 - 5. Luzia Coutinho, b. Rio, 1622, talvez a mesma Luzia de Escórcia, "n. por volta de  1635", f. antes de 1698, c. por volta de 1655, com Antonio Cordeiro, n. por volta de 1625, f. antes de 1690, moradores em Sarapuí, RJ, pais de pelo menos: (CR.1.360 e 2.391).

     3 - 1. Antonio Cordeiro, n. por volta de 1656, Sarapuí, c. 1686, Rio, com Ana de Sampaio, n. por volta de 1666, Sarapuí, f. de Simão da Cunha Machado e Maria da Costa Homem, com: Joana, b. 1691.

     3 - 2. Bernardo Lopes, n. por volta de 1668, Jacutinga, RJ, c. Campo Grande, 1698, com Bárbara da Silva, n. por volta de 1681, Rio, f. 1754, Inhaúma, f. de Antonio de Abreu Seixas e Isabel de Távora, s.ger. (CR.1.15 e 361).

     3 - 3. Úrsula de Brito, n. por volta de 1670, c. 1690, Rio, com Miguel Leitão, n. por volta de 1660, Sarapuí, f. de Pascoal Leitão e Catarina Ribeiro, com:

     4 - 1. Rosa Maria de Souza, n. por volta de 1700, Campo Grande, c. 1724, Rio, com Antonio Teixeira da Costa, n. por volta de 1694, Ilha São Sebastião, SP, f. 1738, Rio, f. de outro do mesmo nome e Águeda Rosado, com: Inácio, Tomás, Antonio, Rita, Anacleto e Ana. (CR.2.391). 

                                                    Parágrafo 6º 

     2 - 6. Antonio de Souza Coutinho, b. Rio, 1624. (Sé, 1.23). 

                                                    Parágrafo 7º 

     2 - 7. Branca Coutinho, b. Rio, 1626. (Sé, 2.56v). 

                                                    Parágrafo 8º 

     2 - 8. Andreza de Souza Coutinho, b. Rio, 1629, cc. o Cap. Sebastião Nunes de Brito, residente na Ilha Grande, pais de: (BG.60.1.50).

     3 - 1. Sebastião Nunes de Brito, na Ilha Grande.

     3 - 2. Roberto Nunes de Brito, na Ilha Grande.
              - Obs.: Um Roberto Nunes de Souza Coutinho, cc. Ângela de Quebedo, foram bisavós do Cap. Inácio Francisco da Nóbrega e Silva, da Ilha Grande, Governador de São Tomé. (SL.2.449).

     3 - 3. Salvador de Souza Brito, n. Ilha Grande, RJ, Cap. Mor do Desterro, Ilha de Sta. Catarina, em 1715, cc. Teodósia Rodrigues Velho, de São Francisco do Sul, SC, f. de Manoel Rodrigues Velho e Isabel Rodrigues de Mira, nm. do Cap. Luiz Rodrigues Cavalinho, português, e Isabel Rodrigues Velho (esta do Cap. Mor de São Francisco do Sul, Manoel Lourenço de Andrade, português, e Maria Conqueiro, viúva de Jorge Rodrigues Velho - Vide Garcias Velhos), com entre outros: (Fl.140/1, JG.3 e 11).
- Obs.: Este ou o tio Salvador de Souza pode ter cc. Felícia Barbosa Rangel, c.ger. em Moreiras. (CR.2.502).

     4 - 1. Rosa de Sousa Brito.

     4 - 2. Cap. Diogo de Sousa Brito.

     4 - 3. Antonia de Sousa Roxadel (em Rheingantz apenas o seu nome), cc. o Padre Domingos Antonio Roxadel, n. Itália, residia no Desterro, Ilha de Santa Catarina, SC, em 1728, f. antes de 1739, Vigário de Paranaguá, PR e, depois, de São Francisco do Sul, SC, pais de pelo menos: (Informações gentilmente enviadas por Denise Maria Gândara Alves, a partir da pesquisa e informações fornecidas à Lúcia Coelho).
- Obs.: O sobrenome original era Ricardelli ou Ricciardelli. Depois passou a ser grafado Reichadel, Reixadel, Rachadel, Raxadel, Roxadel, etc.

     5 - 1. Capitão Antonio Rodrigues Rochadel, b. 1722, Paranaguá, PR, f. 1808, residente em São José da Terra Firme, SC, que mudou o nome para Domingos em 1751, no crisma, e em 1757 entrou para a Ordem Terceira, c. 1750, no Desterro do Melo, Barbacena, MG (ou Desterro, Ilha de Santa Catarina, SC?), com Maria Clara de Jesus, n. Espírito Santo da Feteira, Ilha do Faial, Açores, Portugal, f. de Francisco Faria e Maria Faria, com pelo menos:

     6 - 1. Antônia de Jesus, b. Ilha de Santa Catarina ou São José da Terra Firme, SC, c. 1ª vez com Francisco de Souza Costa, n. Colônia, Uruguay, e, 2ª, 1780, na Catedral do Desterro, com Manoel José Ramos, n. 1739, Sé, Porto, Portugal, residente em Desterro, Escrivão e Provedor da Fazenda Real e Provedor da Irmandade do Sr. Jesus dos Passos, f. 1831, Santa Catarina, Brasil, f. de Antônio da Silveira Machado e Benta Jesus ou Vicência Maria, com pelo menos:

     7 - 1. Rita Maria da Conceição Ramos, c. 1820, Desterro, Ilha de Santa Catarina, com José Joaquim da Fonseca Miranda, n. 1794, Oliveira do Hospital, Penalva de Alva, Capitão do Exército Liberal, Condecorado como um dos Bravos do Mindelo, morto em batalha, f. de António José da Fonseca e Josefa Maria Saraiva, com pelo menos:

     8 - 1. Júlia Cândida da Fonseca Miranda, n. 1820, cc. Antonio José Pereira Júnior, n. Desterro, Ilha de Santa Catarina, f. Lisboa, com pelo menos:

     9 - 1. Guilhermina Amélia Teixeira Pinto Saraiva de Carvalho, n. e f. Lisboa, cc. Antonio José Vieira Pereira, com pelo menos:

     10- 1. Júlia Cândida Saraiva de Carvalho da Fonseca Pereira, n. e f. Lisboa, cc. Antonio Morais Ferreira Gândara, pais de:

     11- 1. Maria Júlia Pereira Ferreira Gândara, n. Lisboa, cc. José Augusto Ferreira Alves, n. Lisboa, f. Piracicaba, SP.

     4 - 4. Salvador de Sousa Brito ("na dúvida").

     3 - 4. Isabel Coutinho, c. Ilha Grande, com João Martins, pais de, entre outros: (BG.60.1.50).

     4 - 1. Frei Bernardo de Jesus, padre capucho, ex-definidor. 

                 Da 2ª mulher 5 filhos: 

                                                    Parágrafo 9º 

     2 - 9. Cônego João de Souza Pereira, f. Saquarema. 

                                                    Parágrafo 10º 

     2 -10. Jerônimo de Souza Botafogo, n. RJ, c. 1668, com Ana da Gram, b. Rio, 1646, onde f. 1698, de quem vivia desquitado por sentença, f. de Francisco da Gram e Domingas de Mendonça, com 1 filho e, após o desquite teve 2 filhos de Isabel Brandão e um de Guiomar de Noronha: (BG.60.1.50).

     3 - 1. Jerônimo de Souza (da esposa), b. Rio, 1666, f. pequeno.

                De Isabel Brandão:

     3 - 2. Antonio de Souza Botafogo, b. Rio, 1677, onde c. 1700, com Antonia Rodrigues, n. Rio, f. de Manoel Rodrigues e Francisca da Silva.

     3 - 3. Laura, b. Rio, 1679. (Candelária, 2.67).

                De Guiomar de Noronha:

     3 - 4. João de Souza Pereira, n. Irajá, Rio, onde c. 1738, com Antonia de Siqueira, n. Guaratiba, Rio, f. natural do Cap. Lourenço de Siqueira e Mendonça e Marcela de Siqueira. 

                                                    Parágrafo 11º 

     2 -11. Bárbara de  Sousa de Brito, b. Rio, 1650, onde c. 1672, com seu parente, Sebastião Barreto de Brito, n. Rio, f. de João Carvalho de Oliveira ou Figueiredo e Adriana Barreto, c.ger. adiante. (BG.60.1.51, CR.1.227 e 319). 

                                                    Parágrafo 12º 

     2 -12. Joana de Souza Brito, cc. o Cel. Francisco de Oliveira Gago, o velho (vide Oliveiras Gagos), residente na Ilha Grande, pais de: (BG.60.1.51).

     3 - 1. Cel. Francisco de Oliveira, o moço.

     3 - 2. Ana de Souza de Oliveira, c. Rio, 1680, com Simão Gago de Oliveira, f. do Cap. João Gago de Oliveira e Madalena Pimenta, c.ger. na Ilha Grande (em Oliveiras Gagos). (BG.60.1.51 e registro do casamento encontrado pelo genealogista Carlos J.M. Oliveira, de Barbacena).

     3 - 3. Isabel Velho, cc. Manoel Barbosa, "c.ger. na Ilha Grande". Parece que seriam os mesmos: Isabel de Oliveira, cc. Manuel Barbosa de Almeida, com pelo menos: (CR.3.140).

     4 - 1. Grácia de Souza, n. Ilha Grande, que enviuvando de Júlio Correia de Azevedo, c. 1718, Rio, com Antonio Rodrigues dos Santos, b. 1678, Rio, f. de Antonio dos Santos e Inês Rodrigues de Alvarenga. (CR.3.140). 

                                                    Parágrafo 13º 

     2 -13. Antonia de Azeredo (omitida em CR), n. RJ, c. 1688, com Antonio de Azevedo, n. por volta de 1642, Porto, f. 1693, RJ (c. 1672, com Domingas Correia, f. de Nicoláu Jorge e Constância de Castro, c.ger. em CR.1.170), f. de Antonio de Azevedo e Catarina Fernandes, naturais Porta do Olival, falecidos NS da Vitória, Porto. (B.72). 

                                                    CAPÍTULO 5º 

     1 - 5. Helena de Souza, n. por volta de 1588, RJ, c. antes de 1610, com Francisco de Caldas Telo, Cavaleiro Fidalgo, n. por volta de 1580, Ponte de Lima, pais de: (BG.60.1.51, CP.457 e CR.1.282).
- Obs.: Talvez descenda deste Capítulo o Alf. Francisco de Caldas Telo, cc. Maria Rangel (viúva de José Francisco Portela), pais de pelo menos: Rita Maria Rangel, n. Parati, RJ, cc. Vicente Coelho Valadão, f. de Miguel Gonçalves França e Maria dos Anjos, todos n. Cabo da Praia, c.ger. em VT.2.362. 

                                                    Parágrafo 1º 

     2 - 1. Maria de Caldas Telo, n. antes de 1611 e f. entre 1635 e 40, c. por volta de 1625, com Luiz da Silva Rangel ou Luiz da Silva Ferreira, f. antes de 1658, pais de: (BG.60.1.51, CR.1.3 e 3.103).

     3 - 1. Antonio da Silva Ferreira, b. Rio, 1626, f. antes de 1698, c. 1ª vez, Rio, 1645, com Paula da Costa, b. Rio, 1624, f. depois de 1652, f. de Paulo de Faria e Ana da Costa e, 2ª, pv. 1657, com Juliana de Oliveira de Abreu, n. por volta de 1640, Rio, onde f. 1694, f. de Pedro de Abreu Rangel e Juliana de Oliveira, e teve 11 filhos: (CR.3.102).
                Da 1ª mulher 4:

     4 - 1. Luiz da Silva Ferreira, b. Rio, 1645. (Candelária 1.74).

     4 - 2. Maria de Caldas Telo, b. Rio, 1650, onde f. 1719, c. Jacarepaguá, 1678, com Pedro de Abreu Rangel, n. por volta de 1645, na mesma cidade, onde f. 1706, f. de Pedro de Abreu Rangel e Maria Viegas, pais de: (BG.60.1.51 e CR.1.4).

     5 - 1. Antonio da Silva Rangel, b. Rio, 1679, f. antes de 1757, c. Campo Grande, 1711, com Teresa de Jesus Pinheiro, b. Rio, 1687, f. de Gabriel Pinheiro de Lemos ou Gabriel Pinheiro da Silva e Isabel de Morais de Távora, np. de Luiz Pinheiro Montarroio e Maria Viçoso, nm. de Antonio Vaz Viçoso e Beatriz da Silva, pais de: (CR.2.406, 3.64 e GS.253).

     6 - 1. Helena, n. por volta de 1712, solteira. (BG.60.1.51/2 e CR.3.64).

     6 - 2. Brás da Silva Rangel, n. por volta de 1715, Campo Grande, Rio, onde c. 1740, Candelária, com a prima em 8º gráu, Clara Barreto de Brito, n. por volta de 1720, Meriti, f. de Manoel de Barcelos Machado e Maria Pimenta de Melo, adiante, c.ger. em CR.3.103, entre os quais:

     7 - 1. Alf. Salvador de Abreu Rangel, n. Rio, c. SP, 1787, com Escolástica Joaquina de Godoi, omitida em Godois, f. de Antonio Bueno de Godoi e Ana Maria de Oliveira. (CR.1.4, 2l9, SL.6.58 e 9.195).

     6 - 3. Inês Maria de Abreu, b. Rio, 1717, f.solt. (gêmea Isabel).

     6 - 4. Isabel de Abreu Rangel, b. Rio, 1717, cc...., s.ger.

     6 - 5. Maria de Abreu Rangel, n. Campo Grande, 1719, c. Rio, 1743, com Manoel Martins Ferreira, n. S.Estêvão da Chancelaria, Vila Formosa, Portalegre, Portugal, f. de Miguel Martins Ferreira e Maria Vaz Matoso, c.ger. CR.3.104.

     6 - 6. Antonia Maria Viegas, b. Rio, 1724, f.solt.

     6 - 7. Antonio de Caldas, b. Rio, 1727, cc. Rita ..., pais de: Rita e José. (CR.3.104).

     6 - 8. Inácia Rangel de São Joaquim, b. Guaratiba, Rio, 1730, onde c. 1752, com seu parente o Cirurgião Mor Inácio Viegas Tourinho, b. Rio, 1731, f. de José Maciel Tourinho e Ana Rangel de Macedo, pais de entre outros:

     7 - 1. Ana Peregrina Rangel de Caldas Telo, n. Rio, 1759, c. 1ª vez, 1786, com o Sarg. Mor José Correia Rangel de Bulhões e, 2ª, 1803, com Manuel Marques Perdigão, do 1º descende:

     8 - 1. Amália Taborda de Bulhões, cc. o Dr. Bento Gonçalves Cruz, pais de: (CR.3.98 e 104).

     9 - 1. Dr. Osvaldo Gonçalves Cruz, grande político e cientista.

     6 - 9. Ana Narcisa Rangel da Silva, b. Rio, 1733, teve do seu parente, o Pe. Antonio Lopes de Amorim, n. Ouro Preto, MG, b. 1719, f. de outro do mesmo nome e Guiomar do Bonsucesso, a ger. acima.

     6 -10. Rosa Maria Rangel, n. por volta de 1723, Meriti, RJ, c. Rio, 1757, com Antonio Dias Nunes, n. Aldeia das Dez (São Bartolomeu), f. de João Nunes e Maria Dias. (CR.3.104).

     5 - 2. Rosa Maria de Abreu  ou Caldas (no batismo Juliana), b. Rio, 1681, c. mesma cidade 1717, com o Cap. Mor da Barra de Guaratiba, Salvador de Siqueira Rendon, n. Rio, ambos f. antes de 1749, f. de Lourenço de Siqueira Furtado de Mendonça e Bárbara da Fonseca Dória (em Rendons), com: (2.270, BG.60.1.52, CR.1.5, 2.157, 347 e SL.9.14).

     6 - 1. Salvador de Siqueira Rendon, Ten. Cel. de Cavalaria do RG do Sul, b. Rio, 1718, onde f. 1798, c. 1768, com Maria Inácia Veloso ou Carneiro da Fontoura, n. por volta de 1737, f. de João Carneiro da Fontoura, n. Chaves, e Isabel da Silva, de Torres Novas, np. de Antonio Carneiro da Fontoura e Francisca Veloso, nm. de Gabriel da Costa e Máxima Gouvea. (BG.60.1.52/3, CR.3.160, HP.192 e NobRS.61).

     6 - 2. Ângelo de Siqueira Furtado de Mendonça, b. Rio, 1720, onde f. 1736. (Guaratiba, 2.11). (CR.3.160 e HP.192).

     6 - 3. Francisco de Sales de Siqueira e Luna, b. Rio, 1723, f. 1776, c. antes de 1748, com Jerônima Mendes (Dória ou Vanzil), b. Rio, 1722, f. 1777/8, f. de Francisco Mendes Ribeiro e Helena Guterres Vanzil, residente em Itapuca, com: (CR.2.347).

     7 - 1. Fidélis Francisco de Siqueira, b. Guaratiba, 1757, onde f. 1774. (CR.3.161).

     7 - 2. Bernardo de Siqueira, b. Guaratiba, 1759. (HP.192).

     7 - 3. Rosa Maria de Abreu, n. Rio, f. Guaratiba, 1789, aí c. 1770, com o Sarg. Manuel Nunes Pereira, n. Fazenda NS do Pilar, f. do Cap. Bento Ferreira Barbosa e Antonia Nunes, com 5 filhos dos quais descobrimos:

     8 - 1. Antonia Maria, n. Guaratiba, onde c. 1791, com seu parente Antonio da Fonseca Rangel, n. por volta de 1761, nessa localidade, f. de Salvador Sebastião de Abreu Sardinha e Beatriz da Costa de Marins (em Rendons). (CR.1.12).

     7 - 4. Francisca Bernarda de Siqueira, b. Guaratiba, RJ, 1754, onde c. 1773, com seu primo Antonio Teles de Menezes, b. Rio, 1753, onde f. 1789, f. de Luiz Teles de Menezes e Bárbara Maria Viegas, com entre outros: (HP.183 e 192).

     8 - 1. Ana, n. Guaratiba, 1779, onde f. 1780. (CR.3.181).

     4 - 3. Antonio da Silva Ferreira, b. Rio, 1652, f. Jacarepaguá, 1682.

     4 - 4. Aurélia da Costa, n. por volta de 1654/6, Rio, f. 1705, onde c. 1687, com Domingos Dias de Aguiar, n. por volta de 1657, Paredes, Braga, f. Rio, 1707, f. de Antonio Dias e Catarina Ferreira, pais de: (CR.1.283).

     5 - 1. Dr. Sebastião Dias da Silva Caldas, procurador da Corte, b. Rio, 1691, f. após 1742, c. por volta de 1723, com Margarida de Matos Rangel de Mariz, pais de: (CR.3.283).

     6 - 1. José Bernandes de Abreu, Ten. de Infantaria, n. Rio, onde c. 1759, com Helena Violante Ferreira, n. Rio, f. de Francisco de Oliveira Branco e Mariana Vieira Mascarenhas.

                Da 2ª mulher 7 filhos:

     4 - 5. Pedro de Abreu Rangel, b. Rio, 1661, f.solt. (CR.1.4).

     4 - 6. Paula Rangel de Abreu, b. Rio, 1658, onde c. 1680, com Francisco Antunes de Atouguia, b. Rio, 1650, f. de João Antunes e Inês de Soberal (em Antas Moraes), pais de José, Luiz, Juliana e:

     5 - 1. Maria de Abreu Rangel (ou Maria Josefa de Jesus), b. Rio, 1686, c. 1ª vez, 1710, Meriti, RJ, com Luís Matoso de Azeredo, n. por volta de 1680, nessa cidade, f. antes de 1724, f. do Cap. Baltazar de Azeredo Coutinho e Catarina Vasques de Brito (em Azeredos Coutinhos), s.ger. e, 2ª, 1724, Rio, com José de Souza Barros, n. São Gonçalo, RJ, f. de Domingos Ribeiro e Antonia de Souza, com: Rita, b. 1724, e ainda: (BG.60.1.53, CR.1.103 e 429).

     6 - 1. Luíza Grinalda de Souza, b. Rio, 1727, onde c. 1754 com Antonio Soares de Azevedo, n. por volta de 1704, Rio, f. do Sarg. Mor Antonio Soares de Azevedo e Catarina de Sena.

     4 - 7. Helena, b. Rio, 1665. (Candelária, 2.17).

     4 - 8. Cap. Francisco da Silva Ferreira, b. Rio, 1667, f. SP, antes de 1743, c. Rio, 1698, com Clara Borges de Araujo, n. São João de Icaraí, Niterói, b. 1674, f. do Cap. Bento Borges de Araujo e Lucrécia Viegas Coutinho (em Azeredos Coutinhos), pais de:

     5 - 1. Juliana de Oliveira Ferreira, n. por volta de 1700, Sernambetiba, RJ, c. Rio, 1725, com o Ten. Diogo de Azeredo Coutinho, n. São Gonçalo, RJ, f. do Cap. Tomás Gomes Cabral de Távora e Maria de Melo Ferreira ou de Vasconcelos, c.ger. em Azeredos Coutinhos. (CR.1.159, 259 e 440).

     5 - 2. Inácio Rangel de Abreu, n. por volta de 1721, f. Itaboraí, RJ, 1743, com 22 anos.

     4 - 9. Pe. Mestre Frei João das Chagas,  capuchinho, b. Rio, 1669. (Candelária, 2.37).

     4 -10. Lourenço, b. Rio, 1671, solteiro. (Candelária, 2.42v).

     4 -11. Josefa de Oliveira, b. 1674, Jacarepaguá, Rio, f. 1700, c. 1699, com Inácio Ferreira Funchal (1ª esposa - Rendons), b. 1662, Rio, f. de Pedro Luiz Ferreira e Helena Pacheco, s.ger. (BG.60.1.53, CR.2.100, 3.103 e HP.190)

     3 - 2. Helena de Souza, b. Rio, 1629. (Sé, 2.96v).

     3 - 3. Luiz da Silva Ferreira, b. Rio, 1635, já f. 1663, aí c. 1658, com Isabel da Câmara (1º marido), n. por volta de 1637, Rio, f. 1667, f. de Alberto Gago da Câmara e Leonor Correia da Silva, s.ger. deste casamento. (CR.2.216). 

                                                     Parágrafo 2º 

     2 - 2. Pe. Francisco de Caldas Telo, clérigo do hábito de São Pedro, f. Rio, 1640. (Sé, 3.12v). 

                                                     Parágrafo 3º 

     2 - 3. Pe. João de Caldas Telo, clérigo do hábito de São Pedro. 

                                                     Parágrafo 4º 

     2 - 4. Mariana de Caldas, b. Rio, 1617. (Sé, 1.21). 

                                                     Parágrafo 5º 

     2 - 5. Antonio de Caldas Telo, n. RJ, b. 1618, c. SP, 1642, com Tomásia de Alvarenga, f. de Fernão Dias Borges de Cerqueira e Izabel de Almeida, com entre outros: (SL.3.514).

     3 - 1. Maria de Caldas de Alvarenga, c. por volta de 1669, com o Cap. Luiz da Costa Cabral, com entre outros: (CR.1.283).

     4 - 1. Antonio de Caldas Telo, n. por volta de 1670, Ilha Grande, residente nas Minas do Rio das Velhas em 1721, c. por volta de 1705, com Tomázia de Gusmão ou Tomázia de Souza Rangel, n. Parati, RJ, com:

     5 - 1. Francisco de Caldas Telo, n. por volta de 1715, Parati, c. Rio 1748, com sua parenta Isabel de Souza Sodré, n. Itaboraí, f. do Sarg. Mór Francisco Pereira Sodré e Guiomar de Souza, c.ger. adiante. (CR.1.283).

     5 - 2. José de Souza Caldas, n. Parati, c. Rio, 1760, com Antonia de Jesus, n. Ilha Grande, Angra dos Reis, f. de João Moreira e ... de Aguiar. (CR.1.283).

     4 - 2. Alcaide-Mór Simão de Caldas Cabral e Cerqueira, n. por volta de 1672, Ilha Grande, Angra dos Reis, f. Rio, 1721, c. por volta de 1702, Itu, com Catarina Rita Correia da Mota, n. Itu, f. Rio, 1721, f. do Cap. Mór Vasco da Mota Colaço e Ana Luiz do Passo (esta c. 2ª vez com Francisco Pacheco de Andrade), s.ger. (CR.1.283/4). 

                                                     Parágrafo 6º 

     2 - 6. Brites ou Beatriz de Caldas, f.solt. 

                                                     CAPÍTULO 6º 

     1 - 6. Maria de Souza Brito, n. por volta de 1592, c. antes de 1619, com o Cap. Heliodoro Ebanos Pereira, n. por volta de 1588, RJ, provavelmente f. do Cap. Heliodoro Ebanos, n. Santos, Vereador no Rio em 1569, 72, 84 e 85, que morreu lutando contra os Tamoios e franceses, em "1569" (seu cunhado Bartolomeu Fernandes, n. por volta de 1565, Bahia, morador Rio, f. de Jorge Fernandes e Francisca de Barros, participou dessa luta, cuja data correta deve ter sido 1596, chefiada por Martim Correia de Sá, n. por volta de 1572), e ...., de S.Vicente, np. de Leador ou Heliodoro Eobanos (Hessus), n. por volta de 1529, Viana do Castelo (ou do Minho), morador em São Vicente,  bp. de Hélio Eobanus Hessus, n. Boschendorf, Alemanha, 1480, poeta famoso, pais de: (2.231, AS.3.43, BG.60.1.54, CP.13, 169/73, 480, CR.1.394, 550, 2.26, DB.296, 305, IH.40, SL.5.508 e VT.1.111).
- Obs.: Alguns autores acham que existiram apenas dois Heliodoros, achamos que também seria possível. 

                                                     Parágrafo 1º 

     2 - 1. Gibaldo Ebanos Pereira (ou Tebaldo Ebanos Pereira), b. Rio, 1619, c. por volta de 1649, São Vicente, SP, com Inês de Moura Lopes, f. de Manoel Lopes Moreira de Moura e Inês Gonçalves, todos n. São Vicente, pais de pelo menos: (2.231/2, CR.1.550, GS.111, SL.5.508 e VT.1.111/2).

     3 - 1. ...., filho, f. solt. (BG.60.1.54).

     3 - 2. Isabel de Souza Ebanos Pereira Botafogo, n. por volta de 1655, Rio ou São Vicente, em 1726, já viúva, recebeu sesmaria na região de Baependi, c. por volta de 1680, São Vicente, com o Mestre de Campo Carlos Pedroso da Silveira, bandeirante, n. São Paulo, 1654, 1º a manifestar o descobrimento de ouro em MG, descobridor das Novas Minas de Cataguazes, provedor da Real Casa de Fundição do Ouro, em Taubaté, que antes fora Ouvidor e Cap. Mor. Em 1714 foi nomeado regente das 3 vilas de Taubaté (onde f. com testamento 1719, assassinado), Pindamonhangaba e Guaratinguetá, f. de Gaspar Cardoso Guterres e Grácia da Fonseca Rodovalho (em Toledos Pizas), com 7 filhos: (2.228, CR.1.550, DH.435, SG.52, SL.5.507 e VT.1.111/2).

     4 - 1. Gaspar Guterres da Silveira, habilitado de genere, São Paulo, 1705, Sarg. Mor em Santo Antonio do Val da Piedade da Campanha do Rio Verde, onde f. 1751, c. Pitangui, antes de 1719, com Feliciana dos Santos Barbosa Lima, c.ger. em Barbosas Limas. (2.233, BG.60.1.54, DB.388, DV.1.257, SG.30, 48 e SL.5.509).

     4 - 2. Leopoldo da Silveira e Sousa, f. 1771, Guaratinguetá, onde cc. Helena Maria da Silva Rosa, n. Taubaté, f. 1772, Guaratinguetá, f. de Miguel de Sousa Silva e Bárbara Maria de Castilho e Cruz (ou Bárbara Moreira de Castilho), com 10 filhos: (2.233, AS.10.59, BG.60.1.54, SL.5.433 e 510).

      5 - 1. Leopoldo Carlos Leonel da Silveira, que em 1772 estava ausente havia anos, cc....., em Paracatu, MG.

     5 - 2. Júlio Carlos da Silveira e Sousa, n. e b. Cunha, SP, c. 1ª vez, com sua prima Bernarda de Sousa Ebanos (ou Bernarda de Sousa Ferraz), já f. 1802, f. de Antonio Ferraz de Araujo e Bernarda ou Bernardina Pedroso da Silveira (em Ferrazes Araujos) e, 2ª, 1788, Cunha, SP, com Josefa Maria da Conceição, f. de Antonio Moreira de Souza e Maria Lucinda Chaves, c.ger. que SL não relaciona. Teve pelo menos, da 1ª esposa, os filhos abaixo, não relacionados em SL: (2.233, AS.10.59/60, 79, BG.60.1.55, SL.3.134 e 5.510).
- Obs.: 1) O 2º casamento encontramos apenas em AS.10.79.

     6 - 1. Ana Joaquina de Araujo, n. e b. Cunha, onde c. 1788, com Baltazar Rodrigues Franco, n. e b. Taubaté, f. de Antonio Rodrigues de Carvalho, n. Parnaíba, e Ana Soares da Mota, n. Taubaté, np. de Manuel Marques, n. Óbidos, Lisboa, e Isabel Rodrigues, n. Parnaíba, nm. de Álvaro Soares da Mota e Catarina de Tal, n. Taubaté. (AS.10.60).

     6 - 2. Antonio José da Silveira, n. Cunha, onde c. 1789, com Joaquina Maria de Jesus, f. de Antonio Rodrigues e Ana Soares, n. Taubaté. Testemunhas: Pe. Antonio Benedito da Assunção, José Pereira da Silva e Antonio Pereira da Silva. (AS.10.58).

     6 - 3. Helena de Souza Ferraz, n. Cunha, onde c. 1796, com Inácio Xavier de Moraes, n. e b. Ubatuba, SP, exposto em casa de Inácio Nunes. (AS.10.68).

     6 - 4. Maria Escolástica da Conceição, c. 1798, Cunha, com Antônio Máximo, exposto em casa de Diogo Lucas da Cunha. Testemunhas: Manuel Pereira de Toledo e Francisco José Barroso. (AS.10.59).

     6 - 5. Teodora Maria da Conceição, n. e b. em Cunha, onde c. 1802, com Antônio Moreira, n. e b. Guaratinguetá, f. de Antônio Moreira de Souza, já f. 1802, e Maria Lucinda Chaves. (AS.10.60).

     5 - 3. José da Silva Reis, c. 1ª vez com Maria Joaquina e, 2ª, Guaratinguetá, 1771, com Ana Maria, n. Colônia do Sacramento, s.ger. (2.233, BG.60.1.55 e SL.5.510).

     5 - 4. Rosália, suprimida por SL, f.solt., jaz na Capela de IMI, no Facão. (2.233)

     5 - 5. Leovigilda (suprimida por SL), cc. João de Sande Nabo, n. Ilha Grande, Angra dos Reis, f. Guaratinguetá, 1768 (irmão de José de Sande Nabo do 5-9?), s.ger. (2.233 e AS.2.125).

     5 - 6. Maria Miguel da Silveira, cc. José Borges dos Santos, f. de João Borges, n. Ponte de Lima, e Inês de Andrade e Silva, n. Guaratinguetá, com pelo menos (omitidos por SL): (2.233, AS.10.62, BG.60.1.55, SG.13/14 e SL.5.510).

     6 - 1. Inês de Andrade e Silva, 1ª mulher do Cap. Mor José Alves de Oliveira ou de Páramos, n. por volta de 1758, f. Cunha, 1828, f. de outro do mesmo nome, de Santo Tirso de Páramos, Feira, Porto, e Margarida da Silva Amaral, n. Paratí, RJ (em Álvares de Sousa), pais de: José, Manuel, Ana, e possivelmente: (AS.10.11 e SG.13/14).

     7 - 1. Inês de Andrade e Silva, recenceada em Cunha, com 31 anos, em 1821, cc. Manuel Alves de Oliveira, com 43 anos, que seria seu primo, possivelmente f. do Alf. Antonio Alves de Oliveira e Maria Antônia da Silva, np. de José Álvares de Oliveira, de Santo Tirso de Páramos, e sm. Margarida da Silva Amaral, n. Paratí, RJ, pais de: João, Maria, Zefrina, Feliciana e Jesuína (e mais José e Manuel, provavelmente já viúva). (AS.10.62, 80 e SG.13/14).

     6 - 2. Helena da Silva Rosa, c. Cunha, 1804, com o Cap. Mor José Alves de Oliveira, do 6-1, acima, viúvo da sua irmã, pais de: Maria, Carolina e Zarina. (SG.13/14).

     6 - 3. João Borges. (SG.13).

     6 - 4. Alf. Carlos Pedroso da Silveira, n. 1763 e b. Cunha, f. 1834, tio de Inês de Andrade e Silva, 6-1, 7-1, retro, agricultor no Bairro de Ribeirão das Cruzes, Queluz, c. Cunha, 1787, com Ana Antonia de Viveiros, n. 1765, Cunha, f. 1830, f. do Cap. Antonio Lopes Figueira e Bárbara Maria de Viveiros, n. Pouso Alto (em Machados Fagundes), pais de: João Carlos Leonel (o mesmo João Pedroso da Silveira, n. 1788, Cunha?), José Carlos Epifânio da Silveira, Luiz Antonio da Silveira, Jeremias Carlos da Silveira, Maria Rita de Viveiros, Francisca Rita de Viveiros, Ana Bárbara Profetiza de Viveiros e, ainda:  (AS.10.62, FS, SG.14 e 26).

     7 - 1. Antonio Possidônio do Espírito Santo (ou Pedroso da Silveira), n. Cunha, onde c. 1819, na Matriz, com Dina Eufrásia de Camargo, f. do Cap. Antonio José de Camargo e 1ª mulher, Ana Luíza do Amaral, c.ger. em Raposos Silveiras. (SG.26).

     7 - 2. Manuel Carlos da Silveira, n. Cunha, c. Queluz, 1823, com Liduína de Camargo, irmã de Dina Eufrásia, acima. (SG.28).

     6 - 5. Joaquim (este filho natural do marido). (SG.13).

     6 - 6. Matilde Leonor Eufrásia de Moraes. (idem, idem).

     5 - 7. Helena Angélica de Cassis, solt. 1772, com 40 anos.

     5 - 8. Antonia da Silveira e Sousa, c. Facão, com João Monteiro Ferraz, f. do Cap. do mesmo nome, de Mezanfrio, f. 1729, Guaratinguetá, e Ana Gomes de Sousa, da Ilha Grande, c.ger. em Oliveiras Gagos. (2.233, AS.10.57 e SL.3.37).

     5 - 9. Ana de Sousa, cc. José de Sande Nabo (f. com testamento 1768, Guaratinguetá? Não está relacionado em AS.2.125), f. do Cap. Antonio de Sande Nabo e Rosa Moreira da Lapa (ou Roza Moreira de Siqueira), de Angra dos Reis, s.ger. (FS e SL.5.510).

     5 -10. Ana Moreira, já f. 1772, cc. Agostinho Gago da Fonseca, n. Itu, f. 1795, Pindamonhangaba, já c. 2ª vez (com Ana do Rosário da Silva? Ver Ferrazes Araujos), f. de Luiz da Fonseca Simões e Felipa Rodrigues Gago Lobo (em Freitas), com 5 filhos: (2.234, AS.13.212, BG.60.1.55, SG.49 e SL.5.511).

     6 - 1. Luiz da Fonseca, c. Pindamonhangaba, com.... (SL.5.511).

     6 - 2. Ana Moreira de Moraes, solteira em 1795, com 34 anos.

     6 - 3. Agostinho José da Fonseca Moreira, habilitado de genere, solt., com 27 anos.

     6 - 4. Rita Ângela de Cássia, f. 1791, Pindamonhangaba, cc. o Furriel Francisco José Correia, tiveram 7 filhos: Maria, Francisco, José, Ana, Maria e: (SL.5.511).

     7 - 1. Agostinho José da Fonseca, n. Cunha, f. com testamento 1803, c. 1798, Pindamonhangaba, com Inês de Toledo Cortes, f. do Sarg. Mor José Carlos Vieira da Silva Cortes e Ana Leme da Silva, com f. único: (SL.5.511 e 7.359).

     8 - 1. Luiz Carlos Vieira Cortes, c. Pindamonhangaba, com Úrsula Moreira Cezar, f. de José dos Santos Silva e Ana de Cerqueira Cezar, tiveram:

     9 - 1. Inês Salgado Cortes, c. 1837, Pindamonhangaba, com o Alf. Benedito Salgado Cezar, viúvo, morador S.Bento de Sapucaí em 1832, f. de Salvador da Silva Salgado e Maria Madalena Leite. (SL.5.511 e 8.52).

     7 - 2. Manoel José Correia, c. 1794, Pindamonhagaba, com Rosa da Silva Ramos, f. do Cap. Mor Francisco Ramos da Silva e Inácia Águeda de Oliveira. (SL.5.511 e 6.333).

     6 - 5. Maria Joaquina da Fonseca, já f. 1795, cc. Joaquim de Sousa Moreira, com f. única: (SL.5.511).

     7 - 1. Joaquina, que tinha 15 anos.

     4 - 3. Leonel Pedroso da Silveira, clérigo de São Pedro, em MG.

     4 - 4. Maria Pedroso da Silveira, b. Taubaté, 1692, cc. o Cap. Francisco Álvares Correia (ou Francisco Álvares de Castilho), n. Ilha Grande, RJ, f. de Francisco Álvares Correia e Maria Bicudo (em Moreiras Castilhos), moradores em Taubaté, com 9 ou 10 filhos: (BG.60.1.55, SG.31, 53, SL.5.512 e VT.1.112).

     5 - 1. Sarg. Mor Estanislau da Silveira e Sousa, n. S.Caetano, onde cc. Clara Maria Leite, f. de Fernando Leite Pita, n. Viana, Braga, e Maria ou Mariana de Almeida, com 8 filhos (Fernando, Bento, Maria, Ana, Gertrudes, Leonarda, Rosa e): (2.234, SG.31, SL.5.512, VT.1.112 e 3.347).

     6 - 1. José, que por hipótese do genealogista Carlos da Silveira poderia ser o Dr. José da Silveira e Sousa, n. por volta de 1725, Tomar, Portugal, morador em SJ del Rei, MG, descendente de paulistas, cc. Maria Josefa Bueno da Cunha, c.ger. em Portes de El-Rei, pais da heroína da Inconfidência Mineira, Bárbara Heliodora, mas que outros autores dizem ser filho de Pantaleão de Souza e Maria de Nazaré. Achamos, ainda que a 2ª hipótese seja a correta, que o Dr. José seria, pelo pai ou pela mãe, descendente do MC. Carlos Pedroso da Silveira, acima.

     5 - 2. Floriano de Toledo Piza, subchantre da Sé de Mariana, n. e f. São Caetano.

     5 - 3. Patrício Correia da Silveira, n. São Caetano, f. Santa Bárbara do Mato Dentro, MG, onde cc. Rita Maria da Conceição, e teve: Antonia e Ana. (2.234, BG.60.1.55, SL.5.512 e VT.1.112).

     5 - 4. Pe. José Bento da Silveira, n. São Caetano, ordenado 1759.

     5 - 5. Pe. Carlos Pedroso da Silveira, n. São Caetano.

     5 - 6. Gibaldo, f. na infância.

     5 - 7. Leonor, f. na infância.

     5 - 8. Izabel de Sousa Castelhanos, n. São Caetano, Mariana, MG, onde cc. Manoel Monteiro da Veiga, n. São Lourenço de Souro-Pires, Pinhel, f. de José Monteiro e Maria da Veiga, com 11 filhos: Brígida e Ana, falecidas no recolhimento de Macaúbas, João, José Floriano (omitido por SL), n. S.Miguel do Piracicaba, b. 1750, Francisco, Manoel, Antonio José, Joaquim, Tomás e, ainda: (2.234, DV.1.254, SL.5.512 e VT.3.348).

     6 - 1. Pe. Estanislau da Silveira Ebanos, ordenado em 1759, vigário de Conceição de Antonio Dias, em 1771, e São Sebastião, por Carta Régia de 1781. (2.234 e VT.1.112).

     6 - 2. Ten. Floriano de Toledo Piza (truncado em SL), n. São Caetano, Mariana, b. na Capela de Águas Claras, no Inficionado, Fazendeiro em São Sebastião e no Furquim (Capela de Ponte Nova), cc. Juliana Pereira de Jesus (viúva do Sarg. João Ferreira Basto), f. de Francisco Gomes Pinheiro, n. Longos Vales, e Antonia Pereira de Araujo, b. 1719, Santo Antonio do Rio das Velhas, com filha única: (2.235, "Genealogias da Zona do Carmo", do Cônego R. Trindade, SL.5.512, VT.1.112, 297 e 313/14).

     7 - 1. Maria Floriana de Toledo Piza (omitida por SL), b. São Sebastião, 1784, c. 1798, com seu parente Francisco Isidoro Pereira (irmão de José Teodoro), n. Itaverava, f. de Manuel Pereira Guimarães, n. Guimarães, e Ana Maria Moreira, n. Ouro Branco, MG (em Toledos Pizas), pais de: (VT.1.112/3).

     8 - 1. Maria Teresa de Jesus, c. 1826, Antonio Dias, MG, com João Nepomuceno Dias Bicalho.

     8 - 2. Ubaldo José Pereira, c. 1826, Antonio Dias, com Carolina Rosa de Paula, pais de: (VT.1.113).

     9 - 1. Fernando e outros, c.ger. em Juquerí.

     8 - 3. Francisca Justiniana de Assis, cc. Camilo de Lélis Gomes Pereira. (VT.1.113).

     6 - 3. José Theodoro de Toledo Piza (não relacionado por SL), n. São Miguel, morou em Brumado, Barão de Cocais, depois foi nomeado Tabelião em Ouro Preto, cc. Izabel Caetana de Moraes, f. do Cap. João Correa da Silva e Maria Pedroso de Moraes, c.ger. em Gonçalves Lopes. (Ascendentes do genealogista Mauro Moura, de Itapira, Minas Gerais, que gentilmente enviou para o site).
- Obs.: Ele casou também com Marcelina Teles de Castro (ou Isabel Marcelina Teles de Castro), f. de Jerônimo de Castro e Souza e Francisca Vieira de Moraes (em Castro e Souza).

     5 - 9. Graciana da Fonseca Rodovalho (ou Francisca da Fonseca Rodovalho), c. São Caetano, MG, com Antonio Gomes Ferreira, n. Pernambuco, f. do Cap. Mor Manoel Gomes Ferreira e Tomásia Luíza da Cruz, s.ger.

     5 -10. João de Sousa Castelhanos (hipótese). (DV.1.254).

     4 - 5. Bernarda Pedroso da Silveira, f. Taubaté, 1710, cc. João Pedroso de Alvarenga (possivelmente 2º marido), que passou a Cuiabá depois de viúvo, onde casou 2ª vez, com f. único: (2.235, BG.60.1.56 e SL.5.513).

     5 - 1. Carlos Pedroso da Silveira, n. Taubaté, f. com testamento 1731 ou 41, Guaratinguetá, c. Araçariguama, com Maria Pedroso de Almeida (1º marido), f. de Paschoal Leite de Miranda e Izabel de Lara de Mendonça, com  4 filhos: José Correia da Silveira, Izabel, Maria, e: (SL.3.130).
- Obs.: Silva Leme esclarece que também pode ter sido filho de Francisco Álvares de Castilho e Bernarda de Sousa.

     6 - 1. Manoel Carlos da Silveira (e não Manoel Cardoso da Silveira, como está em SL), f. 1779, Guaratinguetá, cc. Maria Leme de Jesus, f. de Salvador da Mota Paes e Ana Maria Antunes do Prado, com f. única: (SG.10 e SL.5.513).

     7 - 1. Ana Maria, c. 1794, Guaratinguetá, com Gonçalo de Pontes Renato, f. de Francisco de Pontes Renato e Ana Nunes de Siqueira (em Garcias Velhos). (2.235, SG.10/11, SL.5.513 e 7.467).

     4 - 6. Tomásia Pedroso da Silveira, c. Taubaté, com o Cap. Domingos Álvares da Silva (ou Domingos Alves Ferreira Júnior), padrinho em Baependi em 1732, f. de Domingos Alves Ferreira, n. Ilha Grande, RJ, f. MG, 1709, e Andreza de Castilho, n. Mogi, c.ger. em Moreiras Castilhos. (2.235, SG.53, SL.5.431, 513 e VT.1.113 e informação gentilmente enviada pelo amigo, genealogista, Luiz Gustavo de Sillos).

     4 - 7. Ana Pedroso da Silveira, cc. Manoel da Costa Guimarães, f. de Diogo da Costa Borges e Joana da Silva, de Guimarães, tiveram pelo menos: (BG.60.1.57 e SL.5.513).

     5 - 1. Manoel da Costa Silveira, c. 1762, Nazaré, com Maria de Lima de Escudero, f. de Marcelo Rodrigues de Escudero e Luíza Vaz de Lima. (BG.60.1.57).

      3 - 3. José Pereira Ebanos (hipótese), que Taques mandou para Botafogos, cc. Joana da Cunha, com pelo menos: (1.214).

     4 - 1. José Pereira da Cunha, n. Santo Amaro, c. São Paulo, com Maria do Nascimento de Jesus, f. de Sebastião do Prado Cortez, este c. 1687, São Paulo, com sua prima em 3º gráu de consanguinidade, Maximiana de Marins, nm. de Francisco de Alvarenga Mariz, n. RJ (f. de Salvador Antunes Lobo, n. Ilha de São Miguel, e Beatriz Pereira de Mariz, do RJ), e Maria Pacheco Micel, n. SP (f. de Antonio Pacheco Jorge e Maria Micel). (1.214, SL.4.307 e 5.395).

      4 - 2. Antonia Pereira da Cunha, cc. Antonio Godinho Paes, f. de Manoel Godinho de Souza e Isabel Paes Tenório, com pelo menos: (SL.8.185).

     5 - 1. Florência Pereira da Cunha, c. 1768, Sto. Amaro, com Manoel Dias Vieira, f. de Francisco Dias da Rocha e Teresa Vieira Gonçalves, com 4 filhos em SL.8.185, onde observamos:

     6 - 1. Joaquim Vieira da Cunha, c. 1805 ou 1806, Santo Amaro, com Manoela Esméria Maciel, b. 1785, na mesma cidade, f. de Bento Domingues Maciel e Ana Pinheiro da Guerra (em Guerras). (FS, SL.8.185 e 251).

     6 - 2. Francisco Vieiras das Almas (não relacionado por SL), n. Santo Amaro, c. 1809, com Sorocaba, com Francisca de Paula de Sampaio (testemunhas: Antonio Dias Vieira e José de Camargo Bueno, casados), n. desta cidade, f. de José Francisco Carneiro e Ignez Maria de Sampaio (em Leites Mirandas). (FS, SL.8.185 e Matrimônios de Sorocaba, gentilmente enviados pelo genealogista Humberto Lopes, de São Paulo).

     5 - 2. João da Cunha Godinho, cc. Ana Pires, f. de João Pires Monteiro e .... Moreira, com pelo menos: (SL.8.451).

    6 - 1. Custódio Pires Godinho, c. 1802, Santo Amaro, com sua parenta Ana Maria, f. de Felipe Dias Furtado e da primeira esposa, Apolônia Duarte Cardoso (e não da segunda esposa, Maria do Nascimento de Jesus - vide Furtados). (FS e SL.8.451).

     4 - 3. Bento Pereira da Cunha, c. 1756, com Joana Broxado de Camargo, f. de Belchior da Cunha Broxado e Izabel Arzam de Camargo, com 4 filhos em SL.1.193:

     5 - 1. Jerônimo Pereira, c. 1787, Santo Amaro, SP, com Gertrudes Maria de Jesus, f. de Francisco da Costa Furtado e Anna Pereira das Neves (em Furtados), cuja geração SL não relaciona, tiveram pelo menos 3 filhos: José Pereira, b. 1787, Francisco Pereira, b. 1796, Maria Pereira, b. 1799, todos em Santo Amaro. (FS e SL.1.193).

     5 - 2. Domingos Pereira de Camargo, c. 1789, Santo Amaro, com Brígida Maria de Andrade, f. de Antonio Domingues de Pontes e Ângela Machado de Andrade (em Borbas Gatos), cuja geração SL não relaciona, tiveram pelo menos: Anna Pereira de Camargo, n. e b. 1810, São Roque, São Roque, SP. (FS, SL.1.193 e 4.436).

     5 - 3. Maria do Nascimento de Jesus, c. 1775, Santo Amaro, com João de São Boaventura, f. de José Pacheco Micel e Maria José, com 5 filhos em SL.5.388, entre os quais: Thereza de São Boaventura, b. 1786, Roza Maria de São Boaventura, b. 1788, ambas em NS da Assunção, Centro, São Paulo. (FS e SL.1.193).

     5 - 4. Anastácio Pereira de Camargo, c. 1792, São Paulo, com Maria Gertrudes Peregrina, f. de José Mathias Peregrino e Maria do Ó Leme, cuja geração SL não relaciona, tiveram pelo menos 8 filhos: Francisco de Camargo, b. 1794, Luiz de Camargo, b. 1804, Antonio de Camargo, b. 1812, Antonio de Camargo (outro), b. 1813, Ignacio de Camargo, b. 1814, Francisco de Camargo (outro), b. 1817, Gertrudes de Camargo, b. 1822, todos em NS da Penha, Araçariguama, e ainda: (FS, SL.1.193 e 5.390).

     6 - 1. Thereza Maria de Camargo, n. Araçariguama, onde c. 1819, NS da Penha, com Francisco da Motta Ramos, n. São Paulo, f. de José da Motta Ramos e Justa Maria de Oliveira, c.ger. em Oliveiras Leitões. (FS).

      4 - 4. Maria Pereira da Cunha, cc. Antonio Bicudo, f. de Sebastião Félix Bicudo e Isabel Leme, com pelo menos:

     5 - 1. Grácia Pereira, c. 1761, Santo Amaro, com o Alf. Jerônimo Dias Ribeiro (1ª esposa), f. de Estevam Ribeiro Machado e Maria Domingues de Figueiró. (SL.8.451).

      4 - 5. Tomás Pereira da Cunha, cc. Ana de Oliveira Prestes, f. de Pedro Nolasco de Oliveira e Maria José, com pelo menos: (SL.8.451).

     5 - 1. Gertrudes Maria do Passo, c. 1775, Santo Amaro, com Antonio Nunes Ribeiro, f. de Gaspar Nunes Sarmento e Maria Domingues de Figueiró, c.ger. em SL.8.451.

                                                     Parágrafo 2º 

     2 - 2. Simeão Ebanos Pereira, b. Rio, 1621. (Sé, 1.46v). 

                                                     Parágrafo 3º 

     2 - 3. Helena de Souza Ebanos, b. Rio, 1629, c. antes de 1649, com Sebastião de Azeredo Coutinho, n. por volta de 1616, f. Rio, 1655, f. de Domingos de Azeredo Coutinho e Melo e Ana ou Antonia Tenreiro da Cunha, c.ger. em Azeredos Coutinhos. (BG.60.1.57, DB.146, 296, CR.1.170, 550 e PP.65/6).

                                                     Parágrafo 4º 

     2 - 4. Bento Ebanos (hipótese), n. por volta de 1623, já f. 1703, c. por volta de 1653, com Francisca Coutinho, n. por volta de 1633, já f. 1703, com: Heliodoro, b. 1656, Manuel, b. 1661, Lourenço, b. 1662, todos em São Gonçalo, e ainda:

     3 - 1. Gonçalo Gomes Sardinha, b. 1654, São Gonçalo, RJ, onde c. 1678, com Joana da Costa, f. de Manuel Cardoso e Tomásia de Jesus. (CR.1. 549 e 2.273).

     3 - 2. Francisca Coutinho, b. 1659, São Gonçalo, c. 1703, Rio, com Geraldo da Cunha, n. por volta de 1673, São Vitor, Braga, f. de Antonio da Cunha e Bárbara de Azevedo, com: Teresa e Francisca

                                                     CAPÍTULO 7º 

     1 - 7. Úrsula de Brito Pereira, n. por volta de 1598, c. por volta de 1618, com o Cap. Antonio Pacheco Barreto, n. por volta de 1588, Vereador em 1641, pais de 7 filhos: (BG.60.1.57, CP.102 e CR.1.141).

                                                     Parágrafo 1º 

     2 - 1. Adriana Barreto, b. Rio, 1619/21, onde f. 1708, c. 1ª vez, mesma cidade, antes de 1643, com Antonio de Escobar Meireles, n. por volta de 1613, filho ou neto de Diogo de Escobar e Mecia Furtado, falecido de uma queda de cavalo, no Rio, em 1646 e, 2ª, por volta de 1648, com João Carvalho de Oliveira (ou João de Carvalho Figueiredo), n. por volta de 1617 (Chaves?), f. Rio, 1708, e teve 10 filhos:
                 Do 1º marido 2:

     3 - 1. Antonio de Escobar Barreto, n. por volta de 1644, Rio, onde c. 1674, com Felipa da Fonseca Cardoso, n. por volta de 1655, Rio, f. do Cap. Jorge Fernandes da Fonseca e Úrsula de Abreu Cardoso, com 16 filhos, n. Rio, em CR.1.551, entre eles: Francisco de Escobar, b. 1685, Antonio de Escobar, b. 1686, Matias de Escobar, b. 1690, e: (BG.60.1.57, CR.1.227 e 319).

     4 - 1. Úrsula de Abreu, b. 1678, cc. Domingos Carvalho.

     4 - 2. Isabel Rangel de Abreu, b. Rio, 1681, onde c. 1705, com Francisco das Chagas Marques, n. Santos-o-Velho, Lisboa, f. de Manoel Marques e Maria Gomes. (CR.1.551).

     3 - 2. Ana, b. Rio, 1646. (Sé, 3.82v). (BG.60.1.58).

                 Do 2º marido 8:

     3 - 3. João, b. Rio, 1648. (Sé, 3.92). (CR.1.319).

     3 - 4. Sebastião Barreto de Brito, b. Rio, 1650, onde c. 1672, com sua prima Bárbara de Sousa de Brito, acima, f. de Jerônimo de Souza de Brito e Ana de Azeredo, pais de 5 filhos, n. Rio: Antonio, Antonia, Maria, Adriana e Maria. (BG.60.1.58 e CR.1.319).

     3 - 5. Inácio Carvalho de Figueiredo, b. Rio, 1651, onde f. 1709, solteiro. (Candelária, 3.123).

     3 - 6. André, b. Rio, 1653. (Sé, 3.114).

     3 - 7. Teodósio Carvalho de Figueiredo, b. Rio, 1655, c. por volta de 1686, com Maria Pacheco de Lima, n. por volta de 1665, pais de:

     4 - 1. Bárbara, b. Rio, 1688. (Irajá, 6.63).

     4 - 2. Sebastiana Barreto Machado, n. por volta de 1690, Meriti, c. Rio, 1715, com Miguel Monteiro de Araujo, n. por volta de 1685, Rio, f. natural do Pe. João Monteiro e Jerônima Mendes de Brito (?). (BG.60.1.58 e CR.1.319).

     3 - 8. Diogo Barbosa Rego, b. Rio, 1657, c. por volta de 1681, com Inácia Machado, n. por volta de 1661, Rio onde f. 1710, talvez f. de Mateus Pacheco de Lima e Maria Gago, pais de: Mateus, Antonio, Ana, Clara (estas vivas em 1710) e: (CR.2.218).

     4 - 1. João Carvalho de Oliveira ou Figueiredo, b. Rio, 1682, onde c. 1711, com sua prima irmã, Maria Pacheco de Lima, n. Rio, f. de Pascoal Barbosa e Inês Pacheco de Lima ou Medeiros, adiante, pais de:

      5 - 1. Diogo, b. Rio, 1712 (Candelária 3º,97).

     5 - 2. Inês Carvalho de Figueiredo, n. por volta de 1720, Pacobaíba, RJ, c. Rio, 1747, na Igreja de S.José, com João Dantas de Abreu, n. Inhaúma, Rio, f. de Manoel Dantas Correia e Joana de Abreu. (BG.60.1.58, CR.1.319 e 2.219).

     4 - 2. Frei Diogo de Santo Inácio, n. por volta de 1685, vivia em 1710.

     4 - 3. ...., 2 filhas citadas no inventário da mãe em 1710.

     4 - 4. Cap. Luiz Gago Machado, b. Rio, 1705, morador Pacopaíba e Inhaúma, c. por volta de 1734, com Grácia de Jesus, n. Rio, 1708, f. do Sarg. Mor Felipe Soares Louzada e Helena de Jesus, pais de: Felipe José Machado, José Luiz Machado, Antonia (f. menor), Luíza Josefa de Jesus e: (CR.2.219).

     5 - 1. Josefa Maria de Jesus, b. Rio, 1735, onde c. 1766, com o Dr. José de Pinho Leão de Sá (viúvo de Gertrudes Matilde de Sá e Andrade), f. do Cap. Agostinho de Pinho e Silva e Cecília Maria de Sá, pais de: (CR.2.219).

     6 - 1. Antonia Maria de Pinho, n. Rio, onde c. 1795, com José Antonio de Macedo, n. Rio, f. do Guarda Mor Francisco de Macedo e Vasconcelos e Ana da Silva.

     3 - 9. Agostinho, b. Rio, 1659. (Irajá, 6.13v).

     3 -10. Pascoal Barbosa, b. Rio, 1660, onde f. 1697, c. por volta de 1681, com Inês Pacheco de Medeiros, n. por volta de 1661, pais de 9 filhos, entre os quais: (BG.60.1.59 e CR.1.319/20).

     4 - 1. Ana Barbosa, n. por volta de 1682, Rio, onde c. 1699, com Domingos da Silva Salgado, n. por volta de 1699, Porto (irmão de Manoel da Silva Salgado? Vide Ferrazes Araujos), f. de outro de igual nome e Maria de Almeida, pais de: Rosa e Domingos.

     4 - 2. Maria Pacheco de Lima, n. por volta de 1691, Campo Grande, Rio, c. 1711, com seu primo irmão, João Carvalho de Oliveira ou Figueiredo, c.ger. no 3-8, acima.

     4 - 3. José, b. Rio, 1697. (Candelária 3º, s/nº). 

                                                     Parágrafo 2º 

     2 - 2. Ascença Barbosa Barreto, b. 1621, Rio, f. antes de 1689, c. 1647, Rio, com Ambrósio de Andrade Barreto, b. 1613, Funchal, Ilha da Madeira, f. 1668, Rio, f. de Ambrósio Gonçalves de Aguiar e Maria de Andrade, pais de: (BG.60.1.59 e CR.1.87).
- Obs.: O batismo do Sr. Ambrósio de Andrade Barreto, foi encontrado por sua nona-neta, a genealogista Márcia Helena Miranda de Souza, n. Niterói, RJ, residente em Vila Velha, ES, que enviou para o site.

     3 - 1. Maria de Andrade, b. 1648, Rio, onde c. 1682, com Antonio de Albernaz Machado ou Veiga, b. 1651, Rio, f. 1721 (irmão no Par. 7º, adiante), viúvo de Beatriz da Silveira Vilalobos e f. de Gaspar de Azedias Machado e Inês de Albernaz Veiga, pais de 4 filhos, naturais do Rio: Gaspar de Azedias Machado, b. 1682, Beatriz da Veiga, b. 1687, ambos na Sé, Maria de Andrade, b. 1685, Irajá, viva em 1721, e ainda: (BG.60.1.59 e CR.1.142).

     4 - 1. João de Andrade Veiga, b. 1691, c. 1722, com Maria Tourinho Maciel, n. por volta de 1702, pais de: José e João.

     3 - 2. Ana, b. Rio, 1651. (Sé, 3.105).

     3 - 3. Pe. Antonio Barbosa, da Companhia de Jesus, n. por volta de 1654.

     3 - 4. Pe. Manoel Dias de Andrade, n. por volta de 1657, Coadjutor na Candelária.

     3 - 5. Francisco Barbosa Barreto (ou Francisco Barbosa de Brito), b. 1659, f. 1730, Rio, c. 1ª vez, Rio, 1689, com Margarida Machado de Albuquerque, n. Rio, f. 1707, f. de Francisco Machado Homem e Isabel Ferrão Pires e, 2ª, com Brites Francisca Ferreira (ou Catarina Francisca Ferreira ou Catarina Cabral Monteiro), b. 1692, f. de Pedro de Peralta da Fonseca e Beatriz Cabral de Távora, e teve: da 1ª: Francisco Barbosa de Andrade, b. Rio, 1690, Antonio, Maria, Manuel, Ascença, Luiz, Isabel e Antonia e, da 2ª: (CR.1.88 e 195).

     4 - 1. Pe. Frei Lucas, capucho, pregador e guardião. (CR.1.88). 

                                                     Parágrafo 3º 

     2 - 3. Diogo Barreto, b. 1624, Rio. (Sé, 2.21). 

                                                     Parágrafo 4º 

     2 - 4. Isabel Barbosa Barreto, b. 1626, Rio, f. antes de 1696, c. por volta de 1646 ou 1659, com Antonio Ferreira Travassos, senhor de engenho, n. por volta de 1621, f. 1696, Rio, pais de 5 filhos: (BG.60.1.59/60 e CR.2.117).

     3 - 1. Antonio Pacheco Barreto, b. 1660, Rio, residente Guapimirim, RJ, c. por volta de 1696, com Ana de Azedias Machado, n. por volta de 1675, f. Rio, 1715, f. de Aleixo Vaz Velho, n. por volta de 1644, Monte Lerim (ou Monte Leura), f. antes de 1704, e Águeda Pimentel de Rezende, n. Rio, np. de Antonio Vaz e Ana Vaz, pais de 10 filhos, entre os quais: (CR.1.143 e 3.195).

     4 - 1. Isabel Barbosa, b. Rio, 1697, cc. Felipe de Marins.

     4 - 2. Úrsula Maria de Azedias, n. por volta de 1703, Sernambetiba, RJ, f. 1741, c. 1ª vez, 1732, Rio, com José de Amaral, n. por volta de 1702, Itambí, RJ, f. por volta de 1734, f. de José Gonçalves de Araujo e Isabel do Amaral e, 2ª, por volta de 1736, com o Mestre de Campo Alexandre Álvares Duarte de Azevedo, n. por volta de 1706, Santa Senhorinha, Portugal, f. de Domingos Álvares de Azevedo e Mariana Duarte. (CR.1.143).

     4 - 3. Ana de Azedias Machado, n. por volta de 1705, Sernambetiba, RJ, c. 1725, Rio, com José da Serra, n. por volta de 1695, Magé, RJ, f. de José da Serra e Dorotéa de Alvarenga. (CR.1.143 e 3.147).

     4 - 4. Aleixo Vaz.

     4 - 5. Inácia Maria Tavares, n. Guapimirim, cc. o Sarg. Mor Francisco Sanches de Castilhos, n. Guarda, Portugal, f. de Jerônimo Sanches de Castilhos e Maria da Conceição Osório, c.ger.
- Obs.: Pelo sobrenome poderia ser sua descendente:

     5 - 1. Genoveva Sanches Botafogo, cc. "seu parente?" Manoel de Souza Pereira Botafogo, com pelo menos: (FS).

     6 - 1. Doraliza de Botafogo Freire, n. RS, onde c. Uruguaiana, com o Cap. de Fragatas George Americano Freire, n. RJ, f. de Elias Antonio Freire, já f. 1909, e Rosa Carolina da Silva Freire, com pelo menos:

     7 - 1. Izabel, n. 1909, São João Batista, Nova Friburgo, RJ. (Declarante: Luiza Botafogo Gonçalves da Silva, n. Rio, residente em Nova Friburgo, vizinha dos pais da criança).

     4 - 6. Águeda Pimentel de Azedias, c. por volta de 1730, com seu parente José Maciel da Costa, adiante (1ª esposa), n. por volta de 1705, Jacutinga, RJ, f. de João Maciel da Costa e Brígida da Guarda Maciel, pais de:

     5 - 1. José Maciel Gago da Câmara, n. por volta de 1735, Jacutinga, RJ, c. 1765, Rio, com Belisária Maria do Rego Quintanilha, n. Guapimirim, f. de Boaventura do Rego Quintanilha e Rosa de Jesus. (CR.2.496).

     5 - 2  Ana Angélica Maciel, n. Jacutinga, c. 1778, Jacarepaguá, com seu parente o Cap. Francisco Sodré Pereira Castelo Branco (2ª esposa), acima. (CR.3.164).

     3 - 2. Francisco Ferreira Travassos, n. por volta de 1663. (CR.2.118).

     3 - 3. Úrsula de Brito, b. 1660, Rio, f. antes de 1712, onde c. 1679, com Antonio da Fonseca Barcelos, n. por volta de 1654, Rio, f. antes de 1718, f. do Cap. Gregório Nazianzeno da Fonseca e Grácia de Barcelos, pais de João, Isabel Barbosa, Gregório, Francisco e, ainda: (CR.1.218 e 2.148).

     4 - 1. Grácia, b. Rio, 1683, f. menor. (Irajá 6º,52).

     4 - 2. Manoel de Barcelos Machado, b. 1687, Rio, onde c. 1712, com sua prima em 3º grau Maria Pimenta de Melo, n. Irajá, Rio, b. 1689, irmã de Francisca Pimenta de Melo, adiante, f. do Cap. Antonio Pereira Galvão e Teresa de Melo, pais de: (CR.1.218 e 2.117).

     5 - 1. Antonio Galvão de Brito, n. Campo Grande, Rio, b. 1713, c. 1744, na mesma cidade, com Francisca de Oliveira Cardoso, n. São Gonçalo, RJ, f. de Antonio Cardoso de Albernaz e Teresa de Alvarenga, pais de: João Manoel, Maria e ainda: (CR.1.218).

     6 - 1. Antonia Joaquina de Santana, n. por volta de 1745, Rio, onde c. 1766, com Francisco Cordeiro de Carvalho, n. São Gonçalo, RJ, f. de Antonio Cordeiro e Margarida de Souza.

     5 - 2. Úrsula de Brito e Melo, n. Campo Grande, b. 1715, c. Campo Grande, Rio, 1734, com Jacinto Lobo Frazão, n. por volta de 1707, Merití, RJ, f. de Feliciano Lobo Frazão e Brites Pinheiro da Silva, np. de Jacinto Lobo Pereira de Magalhães e Maria Barbosa, nm. de Gabriel Pinheiro de Lemos (ou Gabriel Pinheiro da Silva) e Isabel de Moraes de Távora, pais de: (BG.60.1.60, CR.2.187, 406 e 3.64).

     6 - 1. Brites Isidora de Melo, b. 1738, Rio, onde c. 1757, com o Alf. Francisco Pereira dos Santos, b. 1706, Irajá, Rio (viúvo de Francisca de Jesus e Araujo), f. de Manoel dos Santos Moreira e Antonia Pereira Vale (ou Antonia Pereira Bacelar). (CR.3.141).

     6 - 2. Nicácio Lobo Frazão, n. por volta de 1741, Guaratiba, RJ, c. 1761, Rio, com Joaquina Maria da Costa, n. por volta de 1741, Icaraí, Niterói, f. do Alf. José da Costa Peixoto e Maria de Faria dos Santos, com: (CR.2.187 e 406).

     7 - 1. Feliciano Lobo Frazão, n. por volta de 1778, Rio, onde c. 1808, com Ana Joaquina de Oliveira, n. por volta de 1788, f. de João Batista de Oliveira e Clara Narcisa. (CR.2.407).

     7 - 2. Claudina Maria da Conceição, n. por volta de 1784, Rio, onde c. 1804, com Inácio Francisco Braga, f. de outro do mesmo nome e Ana Maria da Conceição. (CR.2.407).

     6 - 3. Angélica Francisca de Paula, n. por volta de 1763, Itaguaí, RJ, c. 1783, Rio, com o Cap. Francisco Barbosa de Sá Leite, n. por volta de 1755, Rio, f. do Cap. Luiz Barbosa de Sá e Rosa Teresa de Vasconcelos (em Antas Moraes). (CR.1.202).

     5 - 3. Manoel de Barcelos Machado, n. Campo Grande, b. 1718, c. 1746, Rio, com Francisca de Marins, n. por volta de 1726, Inhaúma, f. de Crispim da Cunha de Lemos e Maria Barbosa, pais de Manuel, Maria e Brites. (BG.60.1.61 e CR.1.219).

     5 - 4. João, n. Campo Grande, Rio, b. 1719.

     5 - 5. Clara Barreto de Brito, n. Meriti, RJ, c. 1740, Candelária, Rio, com seu primo em 8º grau, Brás da Silva Rangel, n. por volta de 1715, Campo Grande, Rio, f. de Antonio da Silva Rangel e Teresa de Jesus Pinheiro, c.ger. acima. (CR.1.4 e 3.103).

     5 - 6. Catarina, n. 1725, Rio. (Candelária 5º, 27). (CR.1.219).

     5 - 7. Merência, b. 1726, Rio (Sé, 98).

     4 - 3. Antonio Ferreira Travassos, b. 1689, Rio, f. antes de 1742, c. 1716, Rio, com sua prima Francisca Pimenta de Melo, n. por volta de 1687, Irajá, Rio, irmã de Maria Pimenta de Melo, acima, e f. de Antonio Pereira Galvão e Teresa de Melo, pais de: (CR.2.117).

     5 - 1. Mariana de Melo (hipótese), n. por volta de 1716, c. por volta de 1734, com Francisco Pacheco Barreto, c.ger. em CR.2.117.

     5 - 2. Úrsula de Melo Brito, n. por volta de 1722, Campo Grande, Rio, onde c. 1742, com Joaquim Antonio Duarte, n. Santa Engrácia, Lisboa, f. de José Duarte e Maria da Conceição.

     5 - 3. Teresa Maria de Melo, n. por volta de 1730, Rio, onde c. 1750, com Salvador de Melo e Castro. (CR.2.117).

     5 - 4. ...., um filho f. 1732, Rio.

     5 - 5. Tomás Ferreira Travassos, n. por volta de 1735, Campo Grande, Rio, c. 1ª vez, 1765, na mesma cidade, com Ana Pimenta de Andrade, n. por volta de 1745, Jacutinga, RJ, f. por volta de 1775, f. de Gonçalo Pimenta de Carvalho e Ana Pacheco de Andrade e, 2ª, 1777, Rio, com Catarina Pacheco de Andrade, n. por volta de 175?, Campo Grande, Rio, irmã da 1ª esposa, e teve da 2ª: (CR.2.117/8).

     6 - 1. Josefa Maria de Melo, n. Rio, onde c. 1783, com Sebastião de Macedo e Vasconcelos.

     4 - 4. José Barcelos de Brito, b. 1690, Rio, onde c. 1717, na Candelária, com Catarina Machado, b. 1695, na mesma cidade, f. de Teodósio Moniz Barreto e Antonia de Alcaceba, pais de:

     5 - 1. João, b. 1724, Rio. (Sé). (BG.60.1.61 e CR.1.219).

     5 - 2. Bernardino, b. 1734, Rio. (Sé).

     5 - 3. Manoel de Barcelos de Brito, n. Campo Grande, Rio, c. 1771, São Gonçalo, RJ, possivelmente em segundas núpcias, com sua cunhada, Maria Ferreira de Carvalho, n. dessa cidade, f. de .... de Carvalho Lopes e Antonia de Souza.

     4 - 5. Ascença de Brito (depois Josefa de Brito), n. Irajá, Rio, b. 1685, onde c. 1718, com Inácio de Montarroio Pinheiro (viúvo de Ana de Barcelos e Beatriz Paes), f. de Diogo de Montarroio Pinheiro e Máxima Mendes, pais de: (BG.60.1.61).

     5 - 1. Vicente, b. 1721, Rio. (Campo Grande, 2.17).

     4 - 6. Grácia de Barcelos de Brito (outra), b. Rio, 1692, talvez a mesma casada por volta de 1710, com Damaso Pimenta de Oliveira (ver Rendons), n. por volta de 1679, f. 1734, c.ger. que não descobrimos. (CR.1.219 e 2.149).

     3 - 4. Bárbara Barreto de Brito, n. por volta de 1666, Rio, onde f. 1717, c. 1696, com o licenciado Marcelo da Silva Machado, n. por volta de 1660, Campo Grande, Rio, filho único do Cap. Manoel de Barcelos Domingues e Catarina da Silva, s.ger.

     3 - 5. Fernando, b. Rio, 1669. (CR.2.117). 

                                                     Parágrafo 5º 

     2 - 5. Pe. Sebastião Barreto de Brito, n. e f. 1693, Rio, b. 1628, vigário colado da Candelária e governador do bispado do RJ. (BG.60.1.62). 

                                                     Parágrafo 6º 

     2 - 6. Bárbara Barreto de Brito, b. 1629, Rio, onde f. 1673, c. por volta de 1672, com o Cap. Miguel de Azedias Machado (2ª esposa), b. Rio, 1618, provedor da Fazenda Real no RJ, f. de Manuel de Azedias Valadão e Vitória Rodrigues Machado, s.ger. (BG.60.1.62, CR.1.143 e 2.477). 

                                                     Parágrafo 7º 

     2 - 7. Clara Barreto de Brito, b. 1636, Rio, f. 1713, c. aos 42 anos, na mesma cidade, em 1678, com o Cap. Gaspar de Azedias Machado, b. 1645, Rio, f. 1714, Icaraí, Niterói, RJ, (vide irmão acima), viúvo de Ana Maria de Galegos, e f. de Gaspar de Azedias Machado e Inês de Albernaz Veiga, s.ger. (BG.60.1.62 e CR.1.141). 

                                                     CAPÍTULO 8º 

     1 - 8. Ana de Souza Brito (ou Ana de Souza Pereira), f. muitos anos após o marido, em 1679, n. por volta de 1600, RJ, onde c. por volta de 1623/4, com o Cap. Jordão Homem da Costa, n. por volta de 1590 (viúvo de Bárbara Nunes), Oficial da Câmara do Rio de Janeiro em 1635, f. de Luiz de Faria Homem e Ascença de Andrade, com: (BG.60.1.37, 62, 65.3.133, CP.258, 453 e CR.2.355).
- Obs.: 1) Achamos que a afirmação de que os descendentes de Jordão Homem da Costa também descendem de João de Sousa Pereira Botafogo não se refere aos filhos de Bárbara Nunes. (BG.65.3.133 e CR.3.23). 

                                                     Parágrafo 1º 

     2 - 1. Maria de Souza da Conceição, b. 1625, Rio, onde f. 1676, c. por volta de 1638/9, 1ª vez, com Lourenço de Figueiredo, n. por volta de 1608, f. por volta de 1664 e, 2ª, Rio, 1666, com dispensa de 3º grau mixto do 4º, com seu primo, o Cap. João de Araujo Caldeira, n. por volta de 1641, Rio, f. antes de 1723, f. de Francisco de Araujo Caldeira e Francisca de Araujo, ambos n. Ilha da Madeira, np. de João Frade e Maria de Araujo, s.ger. deste, teve do 1º matrimônio uma filha:

     3 - 1. Catarina de Figueiredo, b. 1639, Rio, c. por volta de 1660, com Manoel da Silva de Almeida, viviam em Santarém, Portugal em 1676. (BG.60.1.62, CR.1.130 e 2.355). 

                                                     Parágrafo 2º 

     2 - 2. Nicolásia, b. 1628/9, Rio. (Sé, 2.79v ou 107v). 

                                                     Parágrafo 3º 

     2 - 3. Isabel, b. 1629/31, Rio. (Sé, 2.107v ou 128). 

                                                     Parágrafo 4º 

     2 - 4. Joana de Andrade, b. 1631, Rio, onde f. 1701, c. por volta de 1649, com o Cap. Manuel da Guarda Muniz, n. por volta de 1619, f. 1700, Rio, pais de: (BG.60.1.62, CR.2.341 e 355).

     3 - 1. Isabel da Guarda de Souza, n. por volta de 1650, f. 1710, Rio, onde c. 1666, com João de Araujo de Souza, n. por volta de 1636, Rio, f. antes de 1703, f. de Manoel Lopes de Araujo e Maria de Souza, pais de: (CR.1.133 e 2.355).

     4 - 1. Rodrigo de Araujo de Andrade (ou Rodrigo de Araujo de Sousa), b. 1668, Rio, onde f. 1697, c. 1692, com Catarina de Andrade (1º marido), n. Rio, irmã de Ana Maria, adiante, f. do Cap. João Fernandes Branco e Custódia Moreira, de São João de Meriti, RJ, pais de: (CR.1.133 e 2.54).

     5 - 1. Custódia Moreira de Araujo, n. por volta de 1693, f. após 1697.

     5 - 2. Cap. João de Araujo e Souza, n. por volta de 1695, Jacutinga, RJ, c. 1736, Rio, com Maria de Souza Coutinho, b. 1708, na mesma cidade, f. de Manuel de Souza Coutinho e Ângela Bezerra.

     4 - 2. João de Araujo e Souza, b. 1671, Rio, pode ter sido casado, por volta de 1701, com Micaela ...., pais de: (CR.1.133).

     5 - 1. João de Araujo Souza, n. por volta de 1715, Santo Antonio de (Sá?), RJ, c. 1745, Itaborai, RJ, com Isabel Rangel de Abreu, n. por volta de 1725, nessa cidade, f. de João de Torres Quintanilha e Joana de Abreu Rangel, acima.

     4 - 3. Guiomar de Souza, b. 1674, Rio, f. antes de 1745, c. 1ª vez 1687, Rio, com Inácio Rider, b. 1666, na mesma cidade, onde f. 1703, f. do Cap. Antonio Rider e Mecia de Pina, e 2ª, com o Sarg. Mor Francisco Sodré Pereira,  b. 1680, Rio, f. de Duarte Sodré Pereira e Lucrécia Viegas, teve: (BG.60.1.63 e CR.3.163).
                 Do 1º, 4 filhos, todos naturais do Rio: (CR.3.120).

     5 - 1. Maria Rider, n. por volta de 1688, c. 1705, Rio, com Manuel...

     5 - 2. Inácio Rider, n. por volta de 1690, f. 1741, Rio, c. por volta de 1620, São Gonçalo, RJ, com Teresa de Melo, f. do Ten. Cel. Cristóvão de Almeida Gamboa e ..., s.ger.

     5 - 3. Mecia Rider, b. 1691, Rio.

     5 - 4. Cap. João Rider de Souza, n. por volta de 1694, c. por volta de 1724, com Joana Pacheco, n. Itaboraí, RJ, pais de:

     6 - 1. Inácia Rita de Pina, n. por volta de 1725, Rio, onde c. 1745, com o Cap. Domingos de Moraes Garcês, n. por volta de 1715, São Silvestre de Unhas, Lisboa, f. de Antonio Mourão Garcês e Antonia Ribeiro de Matos. (CR.3.120).

     6 - 2. Jacinto, b. 1740, Rio.

                 Do 2º os 3 filhos:

     5 - 5. Francisco Sodré Pereira, n. Itaboraí, RJ, onde cc. sua prima Inês de Oliveira Sodré (ou Inácia de Oliveira Sodré), n. por volta de 1697, Itambí, RJ, acima. (CR.1.134).

     5 - 6. Lucrécia Maria Viegas, b. 1713, Rio, c. 1742, Itaboraí, RJ, com Pedro Gomes da Costa, viúvo Micaela de Madureira Drumond. (CR.3.163).

     5 - 7. Isabel de Souza Sodré, n. por volta de 1717, Itaboraí, c. 1748, Rio, com seu parente Francisco de Caldas Telo, n. por volta de 1715, Parati, RJ, f. de Antonio de Caldas Telo e Tomásia de Gusmão (ou Tomásia de Souza Rangel), acima, com: Francisca. (CR.1.283 e 3.163).

     4 - 4. Inácio da Guarda e Souza, b. 1672, Rio, onde c. 1692, com Antonia da Fonseca, n. por volta de 1672, Rio, f. de Mateus de Moura Varela e Isabel de Andrade. (CR.2.341).

     4 - 5. Florência, b. 1679, Rio. (Sé, 4.138v).

     4 - 6. José de Araujo de Souza, b. 1680, Rio, onde c. 1703, com Bárbara de Melo, n. por volta de 1683, Rio, onde f. 1740, f. de Mateus Correia Pestana e Brites de Brito (ou Beatriz de Brito), com 4 filhos em CR.1.134/5.

     4 - 7. Cap. Luiz de Araujo de Souza, n. por volta de 1677, Rio, Capitão do Distrito de Tapacorá (ou Itapacorá), c. por volta de 1701, com sua prima Inácia de Oliveira Vargas, acima, b. 1681, Rio, f. do Cel. Inácio de Oliveira Vargas e Maria de Abreu Rangel, pais de 5 filhos, entre os quais: (BG.60.1.63 e CR.1.134).

     5 - 1. Isabel da Guarda e Souza, n. por volta de 1714, São Gonçalo, RJ, c. 1734, Rio, com Manoel da Costa Homem, n. por volta de 1704, São Gonçalo, irmão de Inácio Correia de Barros, adiante, f. de Salvador de Barros e Catarina Correia de Azevedo, pais de: Inácia, Manuel, Luiz e ainda: (CR.1.134, 238 e 2.341).

     6 - 1. Catarina Josefa de Oliveira, n. por volta de 1740, c. por volta de 1760, com Francisco Martins Coutinho Delgado (ou Francisco de Marins Coutinho Delgado), b. 1726, Rio, f. do Mestre de Campo Antonio Dias Delgado, n. Cezimbra, Lisboa, e Luísa Josefa Grinalda, n. São Barnabé, RJ, c.ger. em Azeredos Coutinhos. (CR.1.134, 165  239).

     5 - 2. Francisca de Oliveira de Abreu, n. por volta de 1717, Itaborai, c. 1736, Rio, com Inácio Correia de Barros, n. por volta de 1706, São Gonçalo, onde f. 1763, irmão de Manoel da Costa Homem, retro, pais de: Inácia e Ana. (CR.1.134 e 239).

     5 - 3. Maria de Abreu Rangel, n. por volta de 1716, Itambí, RJ, c. 1736, Rio, com o Ten. Sebastião Correia da Câmara, n. por volta de 1760, Icaraí (viúvo de Joana de Jesus), f. do Cap. Inácio Correia da Câmara e Ana da Câmara. (CR.1.134).

     5 - 4. João de Araujo Vargas (ou João de Abreu Vargas), n. por volta de 1702, Itambí, c. 1ª vez, 1732, Rio, com Maria de Menezes, n. por volta de 1700, nessa cidade, onde f. 1736, f. de José de Barros Ramires e Eugênia de Menezes e, 2ª, 1741, Meriti, RJ, com Inácia Maria de Madureira Coutinho, n. Rio, f. do Cap. Inácio de Madureira Coutinho Machado e Teresa Maciel Tourinho (em Regos), e teve: (CR.1.134, 240 e 2.504).
                  Da 1ª mulher:

     6 - 1. Eugênia de Menezes, b. 1733, Rio. (Candelária 5º, 128).

                  Da 2ª mulher:

     6 - 2. João de Araujo Vargas Coutinho, b. 1745, Rio (Sé 10º, 19v). Um deste nome cc. Maria Pimenta de Menezes, com pelo menos: (CR.2.651).

     7 - 1. Ten. Cel. Antonio Telo Barreto de Araujo Vargas Coutinho, n. por volta de 1794, Jacarepaguá, Rio, f. 1866, Rio, c. 1829, São José, Rio, com sua prima-irmã, Dorotéia Augusta Muniz Telo, n. por volta de 1801, Jacarepaguá, f. de Francisco Muniz Telo de Sampaio e Ana Joaquina Barbosa de Sá Freire (em Regos).

     4 - 8. Manoel, b. 1682, Rio. (Sé, 5.25v).

     4 - 9. Joana de Andrade, n. por volta de 1684, f. 1710, Rio, c. por volta de 1703, com o Ten. João de Paiva Mascarenhas, n. por volta de 1673, Lisboa, f. Rio 1742, f. de Tomé de Paiva Mascarenhas e Joana Ritter, com 4 filhos em CR.1.135.

     4 -10. Bartolomeu, b. 1685, Rio. (Sé, 5.47v).

     3 - 2. Pe. João de Nazaré, n. por volta de 1655, religioso de Santo Antonio.

     3 - 3. Cap. Manoel da Guarda Maciel, n. por volta de 1660, Rio, onde f. 1701, c. 1690, com Ana Maria, n. por volta de 1670, Rio, irmã de Catarina de Andrade, acima, pais de: Brigida da Guarda, Joana de Andrade, Maria da Guarda, Andreza da Guarda. (BG.60.1.64, CR.2.54 e 3.355).

     3 - 4. Brígida da Guarda Maciel, n. por volta de 1665, Rio, onde c. por volta de 1692, com João Maciel da Costa, n. por volta de 1662, NS de Montserrat, Viana do Castelo, Braga, f. 1723, Rio, f. de Pedro Moreira e Joana Maciel da Costa, pais de: (CR.2.342).
- Obs.: João Maciel da Guarda, n. 18.07.1664, em Santa Maria Maior, Viana do Castelo, e não em NS de Montserrat, na mesma freguesia, conforme pesquisa do genealogista Álvaro Cordeiro, de Portugal.

     4 - 1. Florência da Guarda Maciel da Costa, n. por volta de 1699 e f. Jacutinga, c. 1719, Rio, com o Sarg. Mor João Antunes Lopes Martins, n. São Simão de Sarnadas, Certã, Crato, Portugal, f. de Luiz Martins Pegueiro e Leonor Antunes, pais de: Eugênia, Inácio, Desidério, Josefa, e ainda: (BG.60.1.64).

     5 - 1. Francisca Antunes Maciel da Costa, b. 1732, Sé, Rio, onde c. 1747, na Capela de Santa Rita, com o Cap. Antonio Antunes ou Antonio Lopes da Costa, n. 1714, Rio Mau, Vila do Conde, b. São Pedro de Rates, Póvoa de Varzim, arcebispado de Braga, f. João Lopes e Andreza Gonçalves, pais de: (BG.60.1.64 e pesquisa do genealogista Álvaro Cordeiro, de Portugal).

     6 - 1. Pedro, n. 1750, Rio. (Candelária, 6.305v).

     6 - 2. José, n. 1754, Rio. (Candelária, 6.365). É o mesmo José Fidélis Lopes da Costa, que foi oficial da Marinha, e quando Capitão-tenente foi o 2º comandante da Nau de Linha D. Maria I, durante a Guerra de 1793/1815. Em janeiro de 1798, por provisão de D. Maria I, foi nomeado Intendente da Marinha no Brasil. Casou em 1780, Lisboa, na freguesia da Encarnação, com Mariana Joaquina Rita de Cássia, n. 1763, nessa mesma freguesia, com pelo menos 2 filhos: (Pesquisa do genealogista Álvaro Cordeiro, de Portugal, que enviou também a geração do casal).

     7 - 1. Bernardo José Fidelis, f. 1797, jovem ainda, na Encarnação.

     7 - 2. Francisca Antunes da Costa Maciel, n. 1784, na Freguesia de São José, em Lisboa, c. 1809, na Encarnação, com Francisco Alberto Rubim (da Fonseca e Sá Pereira), n. 1768, na freguesia de Santa Isabel, em Lisboa, f. 1843, Governador da Capitania do Espírito Santo, de 1812 até 1819, e da Capitania do Ceará, de 1820 até 1821. Tiveram pelo menos:

     8 - 1. Ana Francisca da Costa Rubim (trisavó, pelo lado paterno, do Sr. Álvaro Cordeiro, acima), b. na Capitania do Espírito Santo, c. 1842, na Encarnação, Lisboa, com Natalino José Moreira de Abreu Lima e Sousa, n. 1808, na freguesia de Ameixoeira, Lisboa.

     8 - 2. Brás da Costa Rubim, n. 1812, f. 1871, intelectual, com livros publicados no Brasil, fundador da Biblioteca Pública do Espírito Santo em 1855.

     6 - 3. Ana Francisca Rosa Maciel da Costa, Baronesa de São Salvador de Campos, n. 1757, Rio, onde c. 1772, com o Cel. Brás Carneiro Leão, n. 1732, São Salvador de Meixomil, Porto, f. de Manoel Martins Carneiro e Rafaela Carneiro Leão, c.ger. em Carneiro Leão, da Região Serrana do RJ. (AN, AZ, BG.60.1.64/5, CR.2.495, Ef.373/4, GP, NG.35, PS.76 e Tes.96).

     6 - 4. João, n. 1759, Rio. (Candelária, 7.25v).

     6 - 5. Rosa Luíza Maciel da Costa, n. Rio, onde c. 1780, na Capela do Rio Comprido, com o Ten. Gal. Camilo Maria Tonelet, n. 1749, Lisboa (São Nicolau), f. de Cláudio Tonelet e Maria Benigna, s.ger.

     6 - 6. Maria Florência Maciel da Costa, n. 1762, Rio, onde c. 1790, com o Sarg. Mor José Botelho de Lacerda, n. 1744, Colônia do Sacramento, f. do Cap. Manoel Botelho de Lacerda e Arcângela Maria de Vasconcelos, s.ger.

     4 - 2. Escolástica da Guarda Maciel da Costa, n. por volta de 1703, Jacutinga, RJ, c. 1ª vez, 1721, Rio, com Inácio Pinto de Torres, n. Santa Marinha de Vilanova de Gaia, Porto, f. por volta de 1729, f. de Carlos Pinto e Maria de Jesus e, 2ª, 1730, Rio, com Luiz de Souza Cassão, n. Paço de Souza, Penafiel, Porto, f. de José Ferreira de Souza e Catarina Antonia.

     4 - 3. José Maciel da Costa, n. Jacutinga, c. por volta de 1730, 1ª vez, com sua parenta Águeda Pimentel de Azedias, c.ger. acima.

     4 - 4. João Maciel da Costa, n. Jacutinga, c. 1723, Rio, com Isabel de Menezes, n. desta cidade, f. de Manoel Antunes dos Reis e Ana Cabral de Menezes.

     4 - 5. Páscoa da Guarda Maciel da Costa, n. Jacutinga, c. 1728, Rio, com Cristóvão Mendes Leitão, c.ger.

     4 - 6. Teresa de Jesus Maciel, n. Jacutinga, c. 1725, Rio, com Tomás de Abreu Silva, n. São Miguel da Foz de Arouce, Louçã, Coimbra, f. de Tomás de Abreu Silva e Águeda Monteiro.

     4 - 7. Francisco Maciel da Costa (hipótese), um dos primeiros povoadores de Ouro Preto, MG. (DV.1.260). 
- Obs.: Um Cap. Francisco Maciel da Costa, cc. Feliciana Mendes de Araujo, tiveram pelo menos: (JR.6.1).

     5 - 1. Antonio Maciel de Araujo, Licenciado, cc. Rosa Angélica da Glória, f. de José de Araujo e Joanna Francisca da Silva, com pelo menos:

     6 - 1. Maria, b. 1762, Queluz (atual Conselheiro Lafaiete, MG).

                                                     Parágrafo 5º 

     2 - 5. Jordão Homem, b. 1635, Rio. (Candelária, 1.4v). 

                                                     Parágrafo 6º 

     2 - 6. Luiz, b. 1638, Rio. (Candelária, 1.25). 

                                                     Parágrafo 7º 

     2 - 7. Ana de Souza Pereira (Ana de Souza Brito, ou Ana da Fonseca de Brito), n. por volta de 1626, Rio, c. por volta de 1646, com João Antonio Malio, n. Santos, onde foi escrivão das datas de sesmarias em 1608, f. de João Batista Malio, Genovês, e Catarina Conqueiro (em Garcias Velhos), pais de: (AS.11.112, CR.2.356 e GS.253/4).

     3 - 1. Jordão Homem da Costa (ou Jordão Homem de Souza), n. por volta de 1647, Rio, f. antes de 1711, que Taques diz ser da família Botafogo, c. Rio, 1672, com Maria Pinheiro de Lemos, Mônica Pinheiro de Lemos, a velha, ou Páscoa Pinheiro de Lemos (viúva de Sebastião de Oliveira Sampaio), n. por volta de 1647, Rio, f. após 1711 (irmã de Gabriel Pinheiro de Lemos, acima), f. de Luiz Pinheiro Montarroio e Maria Viçoso (ou Maria Viçosa), com: (3.97, AS.11.113, CR.2.356, 3.64, GS.364 e SL.2.482).

     4 - 1. Pe. Alexandre Pinheiro Homem, b. São Sebastião, 1673 ou 83, ordenou-se no RJ, em 1707, onde foi coadjutor da Sé, por muitos anos. (3.97, AS.2.142, 11.113 e GS.147).

     4 - 2. Beatriz da Silva Pereira (ou Brites da Silva Pereira), b. São Sebastião, 1692, onde f. 1748, aí c. 1702/8, com João Leite de Faria Sodré (ou João Leite da Silva Sodré), b. 1680/6, f. de Antonio de Faria Sodré e Inês de Oliveira Leite ou Inês de Oliveira Cotrim (em Raposos Bocarros), com  8 filhos, n. São Sebastião: (3.97, GS.90, 102, 147, 240, 458 e GL.1.91).

     5 - 1. Inês de Oliveira Leite, n. "1710", São Sebastião, onde f. com testamento 1779, c. por volta de 1720/31, com o Cap. Mor Julião de Moura Negrão, sênior, n. 1698, f. com testamento 1780, nessa Ilha, f. do Cel. Joaquim de Moura, que depois de crismado chamou-se Salvador Ferreira de Moraes, n. RJ, e Maria Gomes da Costa Rocha (em Aguirres), com pelo menos: (3.97, GL.1.92, 2.258/9, GS.89, 189, 284, 316/18, 471, SL.2.482 e 9.32).

     6 - 1. Inácia Gomes de Moraes (aparece também como Maria Gomes Moreira, o que pode ser engano), n. "1720?", São Sebastião, onde f. 1779/802, cc. seu parente o Sarg. Mor Manoel Dias Barbosa, senior, n. 1707, São Sebastião, onde f. 1778, f. de André Gonçalves Martins e Josefa Gomes Rosado, acima, com pelo menos: (3.97, GL.1.91, GS.90, 97, 99, 101, 505 e SL.2.483).

     7 - 1. Maria Dias Barbosa, n. 1751/2, cc. José Pacheco de Freitas, n. 1743, Parati, c.ger. em GS.310 e 355, entre os quais: Francisca, n. 1772, Ana, n. 1776, Sebastião, n. 1776, e ainda: (GS.100, 189 e SL.2.483).

     8 - 1. José Antonio Pacheco, também conhecido por José Pacheco do Nascimento (viúvo de Maria Mendes, e aparece casado também com Inocência Maria de São José), c. em Vila Bela, com Donária Antonia de Freitas, n. da mesma localidade, onde f. depois de 1900, f. de Manuel Gonçalves da Silva Freitas e Ubaldina Dias Pinto, com pelo menos desta: Euclides, Leovigilda (Nha Gida), Zulmira (Mimi), Alice (Mocinha), e ainda: (GS.77, 206, 311 e 356).

     9 - 1. Edviges (Nhavige), cc. seu primo, Pedro Canedo Pacheco (conhecido também por "Pedro Margarida"), f. de Antonio Pacheco e Antonia Margarida.   

     8 - 2. Antonio Henrique Vaz Ornelas (hipótese de João Gabriel de Santana), n. 1790 ou 92, f. aos 81 anos, em Vila Bela, SP, c. 1ª vez, com Ana Rafael Pinto da Rocha, f. do Cap. Rafael Pinto da Rocha e Ana Antonia de Jesus e, 2ª, com Maria Angélica do Nazaré Barbosa (de Moraes?), c.ger. de ambas em Aguirres. (GS.40, 41 e 346/7).

     8 - 3. Antonia Pacheco, cc. Evaristo Gomes do Amorim, com pelo menos 4 filhos: (GS.77).

     9 - 1. Cerotina Evangelista do Amorim, cc. Manoel de Góes Moreira Júnior, f. de Manoel de Góes Moreira, prestigioso Chefe Político na Ilha de São Sebastião, proprietário de terras na região da Cachoeira da Água Branca, e Dionísia Furtado, com pelo menos: (GS.224/5, 294 e 299).

     10- 1. Francisco de Góes Moreira, c. em Vila Bela da Princesa, com sua parenta, Dina Pacheco de Freitas, f. de Benedito Italiano Pacheco e 1ª esposa, Emília Ribeirão de Freitas, adiante, pais de: Nadir (Zizinha), Iraides, Lourival, Carmelita, Lauro, Emília e Ivonette, todos nascidos entre 1900 e 1910, em Vila Bela (atual Ilha Bela), SP. (GS.206 e 294).

     9 - 2. Leopoldina Gomes do Amorim, c. 1ª vez, com Sérgio de Moura Santana (ou Sérgio Santana de Moura), n. Vila Bela, f. de Manuel Aprígio de Santana e Ana Antonia de Moura Negrão, adiante, s.ger. e, 2ª vez, com Pedro Figueira dos Santos (ou Pedro Figueiredo dos Santos), residentes no Perequê, s.ger. (GS.310 e 434).

     9 - 3. Evangelina Nenê Cerotina do Amorim, f. solteira, 1895 (ou 1795?), na Ilha de São Sebastião, de Febre Amarela.

     9 - 4. Ernestina Brígida do Amorim, cc. Joani Capa, f. de Ângelo Capa, n. da Itália.

     7 - 2. Ana Maria Pinheiro (Antonia Maria Pinheiro ou Antonia Maria de Jesus), n. 1758/60, São Sebastião, f. 1802, cujo casamento SL omite, aí c. 1783, com o Sarg. Mor Antonio Luiz Lourenço de Freitas, n. 1752/8, São Miguel da Fronteira, Valença do Minho, Braga, f. de José de Freitas e Luíza Lourenço, np. de Bento de Freitas e Mariana Ferreira, todos naturais de São Miguel, Portugal, nm. de Antonio Lourenço (ou nm. de Manuel Dias Barbosa Sênior e Inácia Gomes de Moraes), com 10 filhos, entre os quais: Inês de Oliveira Leite, Ana Josefa Barbosa de Moraes, Maria Lourenço de Freitas, Antonio, Rita, Escolástica, José, e ainda: (GS.100/1, 189, 314, 442, 510 e SG.56).

     8 - 1. Gertrudes Maria de Jesus (ou Gertrudes Lourenço de Freitas), n. 1787, Vila Bela, c. 1806, Vila Bela, com seu primo, o Cap. Manuel Dias Barbosa, neto, n. 1786, Ilha Bela, residente na "Paragem dos Castelhanos", na Ilha de São Sebastião, SP, f. de Manuel Dias Barbosa Sobrinho e Maria Leite da Silva, a moça, c.ger. adiante. (GS.100).

     8 - 2. Padre Manuel Lourenço de Freitas, n. 1796.

    8 - 3. Dr. Francisco Lourenço de Freitas (cujos pais SL omite), n. 1802, São Sebastião, formado em Direito em 1824 em Coimbra, negociante, Magistrado em Itu, SP, Deputado Provincial em 1846, aposentado em 1873, c. 1829, com Ana Leopoldina de Oliveira Santos (depois, Anna Leopoldina de Oliveira Freitas), f. de Manoel Gonçalves de Oliveira Santos Sênior e Anna Eufrozina de Santana Lopes, c.ger. em Toledos Pizas. (FS, GS.189 e SG.56).

     7 - 3. Ana Josefa Barbosa, n. 1739/40, São Sebastião, cc. o Cap. Mor Manoel Lopes da Ressurreição (ou Manuel Lopes da Ressurreição), n. 1721/5, na mesma localidade, onde f. 1808, f. do Ten. Cel. Domingos Lopes de Oliveira, n. 1669, Santa Maria do Olival da Feira, Porto, f. 1766, e Maria Nunes Moreira (ou Maria Gomes Moreira), n. 1700, São Sebastião, SP, acima, com: (GS.100, 169, 189, 297/8 e 396).

     8 - 1. Manoel de Santana Lopes, n. 1763, c. 1785, São Paulo, com Engrácia Maria de Toledo Ribas, n. 1767, f. de José Bonifácio Ribas, n. RJ, e Ana Maria de Toledo Oliveira, c.ger. em Toledos Pizas. (GS.247, 258, 511, SL.2.483 e 5.502).

     8 - 2. Rita de Santana Lopes (hipótese), cc. Manuel Marques, c.ger. em GS.334.

     7 - 4. Josefa Gomes de Araujo (ou Josefa Gomes de Moraes), n. 1755, omitida em SL, f. 1788, cc. seu parente Domingos Lopes de Azevedo, f. do Alf. Domingos Lopes de Azevedo e Maria Leite da Silva, c.ger. adiante. (GL.1.91, GS.90 e SL.2.484).

     7 - 5. João Francisco de Moura Negrão (ou José Francisco de Moura Negrão), n. 1743, Ilha de São Sebastião, omitido em SL, cc. Rita Maria Gomes (ou Rita Maria de Jesus), n. 1735/44, nessa Ilha, f. de Ana Gomes (de Moraes?), n. 1710, com pelo menos: Ana, n. 1776, Maria, n. 1777, Josefa, n. 1778, Manuel Francisco de Moura, n. 1785, Antonio, n. 1788, Francisco, n. 1791, e ainda: (GS.99, 275, 308, 314/15, 393, 478 e 530).

     8 - 1. Antonio Mendes do Rego n. 1787 ou 89 (ou seria o Antonio, n. em 1788?), Ilha de São Sebastião, onde cc. Ana Gomes de Moraes, neta (também conhecida por Ana Luiza do Nascimento e por Ana Mendes), f. de Manuel Alves de Moraes e Maria Gomes Moreira, com pelo menos: (GS.276).

     9 - 1. Rita Mendes do Rego, cc. seu parente, José Dias do Rego Barbosa (Zé Dias), f. de Manuel Dias Barbosa Sobrinho e Gertrudes Maria de Jesus (adiante), com pelo menos: (GS.276 e 392/3).

    10- 1. Gertrudes Dias Barbosa (Nhá Tude Dias), cc. seu primo, João de Souza, f. de Joaquim Antonio de Souza e Maria Mendes do Rego, abaixo.

     9 - 2. Maria Mendes do Rego Sobrinha, n. 1774, cc. Joaquim Antonio de Souza, com pelo menos: (GS.276).

    10- 1. João de Souza, cc. sua prima, Gertrudes Dias Barbosa, f. de José Dias Barbosa e Rita Mendes do Rego, acima. (GS.276).

     9 - 3. José Mendes do Rego, cc. Antonia Maria ...., com pelo menos: Amélia, Ana, Maria, José, Antonio e Benedito. (GS.393).

     7 - 6. Manuel Dias Barbosa, n. 1744/5. (GS.100, 189 e 314).

     7 - 7. Francisca, n. 1753/4.

     7 - 8. Antonio Pinheiro Santana, n. 1751/8, f. com testamento 1783, solteiro.

     7 - 9. Francisco Nunes Moreira, n. 1761/2.

     7 -10. Antonia Pinheiro Santana, n. 1759, São Sebastião, cc. João Inácio de Santana, n. por volta de 1750. (GS.100, 428 e 509).

     6 - 2. Maria Pinheiro de Oliveira, f. São Sebastião, 1747, cc. o Cap. de Infantaria Francisco Aranha Barreto (1ª esposa), f. 1794, que mais tarde foi Sarg. Mor e Comandante das Praças de Iguatemi e também de Santos, f. do Alf. Alexandre Barreto Aranha, de Braga, e Francisca Sales, de Santos, s.ger. deste casamento. (3.97, SL.1.244 e 2.483).

     6 - 3. Sarg. Mor Julião de Moura Negrão, filho, n. 1727/9, f. com testamento 1804, um  dos fundadores de Vila Bela, c. 1750, com sua parenta Inês Gomes de Moraes, n. 1729, São Sebastião, f. do Cel. Manoel Martins Álvares de Moraes (Navarro?) e Maria Gomes Moreira Marzagão (em Affonsos Gayas), np. Domingos Lopes de Azevedo e Ana Gomes de Moraes (Maria Gomes de Moraes, ou Maria de Jesus), nm. do Sarg. Mor Manuel Gomes Pereira Marzagão e Bárbara da Mota Moreira da Gaia, com 15 filhos (SL lista apenas 4): (GL.1.92, 2.258/9, GS.93, 227, 238, 288, 313, 319, 505, 519, SL.2.483 e 8.436).

     7 - 1. Pe. Manoel de Moura Negrão do Monte Carmelo, n. 1750, São Sebastião. (GS.320/1).

     7 - 2. Maria Antonia Pinheiro, n. 1751, São Sebastião, cc. Antonio Alves Moreira (ou Antonio Luiz Alves Moreira), n. 1739, com: Escolástica e Mateus, n. 1765. (GS.293 e 319).

     7 - 3. Ana Gertrudes de Moura Negrão, n. 1752, c. 1775, São Paulo, com seu parente Manoel de Jesus Azevedo (ou Manoel de Jesus Pedroso), n. 1751/9, f. de Domingos Lopes de Azevedo e Maria Leite da Silva (ou Maria Leite de Moraes), do 5-4, 6-3, com: Francisco, José, Joaquim, Maria, Ana, e: (GL.1.92, GS.313, 319, 365 e 431).

      8 - 1. Luiz Pereira de Santana (afilhado da sua parenta Maria da Silva Cruz, cc. José de Oliveira Matos - Em Lopes Silvas). (GS.365 e 369).

      7 - 4. Teodora Gomes (ou Teodora de Moura), n. 1755. (GS.319 e 321).

      7 - 5. Inês Gomes de Moraes, a moça, n. 1756, cc. Joaquim Antonio, da Ilha Grande, Angra dos Reis, RJ. (GS.319).

     7 - 6. Sarg. Mor Julião de Moura Negrão, neto, n. 1757/8, Vila Bela, São Sebastião, c. 1ª vez 1775, São Paulo, com sua parenta Maria Escolástica Moreira, f. de Sebastião de Góes Ramos Moreira e Maria Correia Nunes de Freitas, c.ger. desta em Affonsos Gayas e, 2ª, 1819, com Ana Teresa da Luz (ou Maria Teresa da Luz), f. de José Manuel da Luz e Francisca Marcolina da Silva. (GS.93, 223, 250, 293, 319, SL.2.483 e 8.438).

     7 - 7. Zacarias José de Moura Negrão, n. 1759. (GS.319 e 321).

     7 - 8. Zelinda de Moura Gomes Pinheiro, n. 1760. (GS.319 e 321).

     7 - 9. Tobias de Moura Negrão, n. 1761. (GS.319).

     7 -10. Rosa Gomes Pinheiro, n. 1762. (GS.319 e SL.2.484).

     7 -11. Cap. Elói de Moura Negrão, sênior, n. 1763, f. antes de 1804, possuidor de terras e de engenho de cana, cc. Maria Caetana do Amaral, n. 1767, c.ger. em GS.313, entre os quais: Manuel de Moura, n. 1791, casado, Bento de Moura, n. 1794, Julião, n. 1796, Maria de Moura, 1796, e José de Moura, 1797, e ainda: (GS.313 e "Família Antunes Maciel", de Américo de Moura, in Revista do Instituto Heráldico Genealógico, fls. 47, gentilmente enviada pelo amigo, genealogista, Alan Camargo).

     8 - 1. Elói de Moura Negrão Filho, n. 1788, cc. Luiza Antonia Rosada.

     7 -12. Otávio Mariano de Moura Negrão, n. 1764, cc. Teresa Maria Jesuína, com pelo menos: Sebastião, Jordão, Eduardo, e ainda: (GS.319, 322 e 524).

     8 - 1. Otávio Mariano de Moura Negrão Júnior, n. 1796, cc. ...., pais de: José Mariano Negrão, n. 1843, Sebastião Mariano Negrão, n. 1844, Claudino Mariano Negrão, n. 1849, Jordão Mariano Negrão, n. 1853 e Eduardo Mariano Negrão, n. 1854. (GS.322).
- Obs.: Um Otávio Mariano de Moura Negrão, n. Vila Bela, cc. Ana Antonia de Moraes, com pelo menos: (GS.430).

     9 - 1. Bárbara Maria de Jesus, c. 1870, com José Joaquim Santana, f. de Manuel Joaquim de Santana, de Vila Bela, e Inácia Gomes de Moraes. (GS.430)

     7 -13. Francisco José de Moura Negrão, n. entre 1767/74, c. 1790, com sua prima, Maria Joana Leite de Moraes, n. 1762, c.ger. adiante. (GS.240, 308, 319 e 490).

     7 -14. Maria Escolástica Gomes de Moraes (ou Escolástica Maria de Jesus), n. 1766/9, cc.... (GS.319, 321 e 525).

     7 -15. Antonia Maria de Jesus, n. 1769/70, cc. o Cap. Baltazar Manuel Gonçalves, o velho, n. 1770, Lisboa, morador Vila Bela, "1878", agricultor e administrador dos contratos de pesca de baleias em São Sebastião, com pelo menos: Antonio, Maria Cândida, Marcelino, Afonso, Rosa e ainda: (GS.134).
- Obs.: Este ramo está confuso, pode ter informações misturadas com as do Baltazar Manuel Gonçalves, o moço, adiante, seria necessário confirmar.

     8 - 1. Benedito Baltazar Gonçalves de Carvalho, n. 1850, f. 1915, negociante no Itaguaçu, cc. Benedita Ribeiro, com pelo menos: (GS.134).

     9 - 1. Marcelino Bartazar Gonçalves, cc. Lica Esteves, c.ger.

     9 - 2. Maria Baltazar Gonçalves de Carvalho, cc. João Garcez.

     8 - 2. Antonio Marcelino Gonçalves de Carvalho, n. 1860, Vila Bela da Princesa, cc. Ana Dias de Freitas, n. 1871, na mesma Vila, f. de Bento Dias Barbosa e Emília Lourenço de Freitas, adiante, com pelo menos: Teresa de Carvalho, n. 1893, Vila Bela, e ainda: (GS.134).

     9 - 1. Aidano Martiniano de Carvalho, cc. Helena de Moura. (GS.134).

     9 - 2. Antonia, f. 1936, cc. Pascoal Copa.

     9 - 3. Sebastião Geraldo de Carvalho, cc. Iara Azaíra Nunes.

     9 - 4. Elpídio Martiniano Gonçalves Dias de Carvalho, cc. Edvina Augusta Marques, n. 1907, em Espírito Santo do Pinhal, f. de Adolfo Augusto Marques e Anna Arruda Vilas Boas, com pelo menos: Vicente, n. 1931, José, n. 1934, Sebastião Jarbas, n. 1935, Antonio, n. 1936. (GS.134).

     8 - 3. Baltazar Manuel Gonçalves, o moço, n. 1820, Ilha Bela, f. 1900, São Sebastião, com 80 anos, c. 3 vezes, a 1ª com Antonia de Tal, a 2ª, com Maria Antonia de Tal e, 3ª, com Maria Eugênia Pacheco Vaz Ornelas, com pelo menos: Antonio Baltazar Gonçalves, Maria Cândida Baltazar Gonçalves, n. 1865, solteira, Marcelino Baltazar Gonçalves, Afonso Baltazar Gonçalves, Rosa Baltazar, e ainda: (GS.227).
- Obs.: Ou casou 2 vezes, a 1ª com Maria Antonia de Tal, residente no Topo (irmã de Angélica, José, Bernardo, "e outros") e, 2ª vez, com Maria Eugênia Pacheco Vaz Ornelas (em Aguirres), s.ger. desta? (GS.227).

     9 - 1. Antonio Marcelino de Freitas, n. 1860, Vila Bela, c. na Ilha de São Sebastião, com Ana Dias de Freitas, n. 1871, Vila Bela, f. de Bento Dias Barbosa e Emília Maria da Conceição (ou Emília Lourenço de Freitas), acima, com pelo menos: Teresa, Aidano, Antonia, Sebastião e Elpídio ("os 4 últimos casados e com geração"). (GS.227).

     6 - 4. Fábio Mariano de Moura Negrão (omitido em SL), n. 1762, São Sebastião, SP, f. após 1806, cc. Teresa Maria de Jesus, n. 1786, com: Fábio, com 7 anos em 1806, Maria com 9, Inês com 5, e Teresa com 2, todos naturais de São Sebastião. (GS.102, 313 e 317).

     6 - 5. Zacarias José de Moura Negrão (hipótese), n. 1734, cc. Maria Moreira, n. 1737, com: Teresa, n. 1757, Escolástica, n. 1759, Inês, n. 1761, e Ana, n. 1763. (GS.324).

     5 - 2. Inácia Pinheiro de Lemos, n. por volta de 1703, c. 1719 com o Cap. Mor Domingos Borges da Silva, n. 1675, São Sebastião (viúvo de Marta de Faria Sodré), f. de Antonio da Silva Borges, do RJ, e Fabiana Ortiz, n. São Sebastião, c.ger. em Lopes Silvas. (3.97, GL.1.91, GS.273, 452, SL.2.484 e 9.31).

     5 - 3. Mônica Pinheiro de Lemos, neta, cc. Mateus Barbosa de Carvalho, n. da Nova Colônia do Sacramento, c.ger. (GL.1.91, GS.364, 458 e SL.2.484).

     5 - 4. Maria Leite da Silva (Maria Leite Pereira ou Maria Leite de Moraes, a velha, b. São Sebastião, 1723, já f. 1784, aí c. 1750, com o Alf. Domingos Lopes de Azevedo, n. São Paulo, 1733, f. São Sebastião, antes de 1794, f. do Sarg. Mor João Nunes de Freitas e Catarina Pedroso de Moraes, com 10 filhos (5 omitidos em SL): Pe. Bartolomeu Lopes de Azevedo, b. 1768, João Lopes de Azevedo, n. 1754, Maria, n. 1755, f.menor, Floriano Lopes de Azevedo, n. 1761, Francisco Lopes de Azevedo, n. 1769, Antonio Lopes de Azevedo, n. 1765 e, ainda: (GS.89/90).

     6 - 1. José Floriano de Azevedo, n. 1760, c. 1787, com sua parenta Mariana Teresa da Luz Mendes, n. 1759, f. de Mateus Mendes e Maria Álvares Pereira (em Raposos Bocarros). (GL.1.91, GS.89, 92 e SL.2.484).

     6 - 2. Domingos Lopes de Azevedo Júnior, n. 1756, f. 1788, São Sebastião, cc. sua parenta Josefa Gomes de Araujo (ou Josefa Gomes de Moraes), acima, f. de Manuel Dias Barbosa e Inácia Gomes de Moraes, com  filho único: João.

     6 - 3. Manoel de Jesus Azevedo, n. 1751, c. 1775, São Paulo, com sua prima Ana Gertrudes de Moura Negrão, n. 1752, f. do Ten. Julião de Moura Negrão (filho), e Inês Gomes de Moraes, acima. (GL.1.91, 92, GS.89 e SL.2.484).

     6 - 4. Maria Leite da Silva (ou Maria Pedroso de Moraes), a moça, n. 1757/60, cc. seu parente Manuel Dias Barbosa (sobrinho), n. 1750, f. de João Gonçalves Barbosa e Eugênia Ribeiro do Monte Carmelo, acima, com pelo menos: (GS.90 e 100).

     7 - 1. Cap. Manuel Dias Barbosa, neto (também aparece como sobrinho), n. 1786/7, em Ilha Bela, residia na "Paragem dos Castelhanos", na Ilha de São Sebastião, c. 1806, Vila Bela, com sua prima Gertrudes Maria de Jesus ou Gertrudes Lourenço de Freitas (também apareceu como Maria Dias Barbosa, ou ainda, Maria Lourenço de Freitas), n. 1786/7, Vila Bela, f. do Sarg. Mor Antonio Luiz Lourenço de Freitas e Antonia Maria Pinheiro, acima, com 13 filhos em 100/1: Hermano, n. 1827, Bernardino, n. 1828, e ainda: (GS.96, 144, 393, 478 e 512).

     8 - 1. Bento Dias Barbosa, n. 1822, Vila Bela, cc. Emília Maria da Conceição (ou Emília Lourenço de Freitas), f. de Domingos Gonçalves da Silva Freitas e Inácia Antonia da Conceição, com pelo menos: Bárbara, Ponciano, Maria, Benedito, Bento, "outros", e ainda: (GS.101 e 227).

     9 - 1. Ana Dias de Freitas, n. 1871, Vila Bela, c. na Ilha de São Sebastião, com Antonio Marcelino de Freitas, n. 1860, Vila Bela, f. de Baltazar Manuel Gonçalves, o moço, c.ger. acima. (GS.227).

     8 - 2. Antonia Lourenço de Freitas (ou Antonia Dias Barbosa), n. 1806, Vila Bela (nos censos também aparece como n. em 1812), cc. José Caetano Pinto, Sênior, n. 1804, Portugal, com pelo menos: Maria, Bernardina, f. menor, Maria (outra), f. solteira, e ainda: (GS.101, 333 e 381).
- Obs.: Uma das filhas pode ter c. também com José Pinto da Rocha, "que seria cunhado de Inácia Lourenço de Freitas, adiante" (em Aguirres).

     9 - 1. José Caetano Pinto Filho, n. 1838, cc. Inácia Ferreira, com pelo menos: Augusto, Adolfo, falecidos solteiros, Alice, e ainda: (GS.381 e 382).

    10- 1. Alda Vidinha Pinto, cc. Sebastião Caetano Pinto da Silva (ou Sebastião Caetano da Silva Pinto), f. 1910, São Sebastião, f. de Benedito Rabelo da Silva e Maria Feliciana da Silva, nm. de Feliciano José da Silva e Ana Rita de Santana Espinhel, com pelo menos: (GS.200 e 382).

    11- 1. Olímpia Pinto da Silva, n. 1900, Itaguaçu, Ilha de São Sebastião, c. São Paulo, com Álvaro de Magalhães, proprietário da Livraria Editora Magalhães, da mesma cidade, f. de Pedro de Magalhães e Augusta Magalhães, "com 4 filhos": Maria de Lurdes, Aristides, Laura, e ainda: (GS.251).

    12- 1. Fernando Magalhães, cc. Genoveva ....

    10- 2. Alzira Pinto, cc. Fernando da Silva Santos.

    10- 3. Adélia Pinto, cc. ....., no Rio de Janeiro, onde residia.

    10- 4. Arlindo Pinto, n. 1870, casado.

     9 - 2. Francisco Caetano Pinto, n. 1844, Vila Bela, SP, cc. Ana de Paula Moraes (depois Ana de Moraes Pinto), "Mocinha", n. 1867, Vila Bela, f. 1930, Santos, f. de Francisco de Paula Moraes e Umbelina Gonçalves de Freitas, com pelo menos: Olívia (Nhá Li), Professora Municipal em 1920, Santos, f. solteira, Nícia, f. menor, Eduardo de Moraes Pinto, f. solteiro, Funcionário da Alfândega de Santos em 1920, e ainda:(GS.378 e 382).

    10- 1. Júlio de Moraes Pinto, cc. Zulmira Correia Petronilha, de família que morava na Praia Deserta, na Ilha de São Sebastião, "com 6 filhos": Benedito, Agrípio, Maria, Servate, Jacob, e Lurdes, falecida menor.

    10- 2. Maurício de Moraes Pinto, n. Vila Bela, c. 1ª vez, com Pedrina Ramos Gonçalves da Silva Freitas, f. de José Ramos Gonçalves da Silva Freitas e Benedita .... e, 2ª, com sua cunhada, Otília Ramos Gonçalves da Silva Freitas, ambas filhas de José Ramos Gonçalves da Silva Freitas e Inácia Antonia da Conceição de Jesus, s.ger. desta, teve pelo menos da 1ª esposa: Maria, Marina, Mauro, e ainda: (GS.192 e 382).

    11- 1. Maurício de Freitas Moraes Pinto (ou de Freitas Moraes Pinto), c. 1906, São Sebastião, com sua prima, Rita Orsélli de Freitas (ou Rita Orsélle de Freitas), f. de Benedito Braz Ramos de Freitas e Carmem Orsélli ("Sinhazinha"), n. Itália, np. de José Ramos Gonçalves da Silva Freitas e Benedita de Tal (ou sua esposa, Benedita Germano do Espírito Santo?), nm. de Carlos Orsélli, n. Itália, e Rita de Tal, n. Caraguatatuba. (GS.205 e 382/3).
- Obs.: Benedita de Tal, deve ser engano, mais tarde encontrou o nome todo da esposa.

    10- 3. Maurílio de Moraes Pinto, cc. Maria da Silva Fonseca, "com 5 filhos". (GS.380).

    10- 4. Benjamim de Moraes Pinto, n. 1896, Vila Bela, c. 1927, São Paulo, com sua parenta, Jandira de Oliveira Pinto (ou Jandira Pinto de Oliveira), n. 1905, Vila Bela, Funcionária da Secretaria da Fazenda do Estado, f. de Manuel Antonio de Oliveira (ou Manuel Antonio da Silva) e Verônica Ludovina de Oliveira Pinto (ou Verônica Dias Pinto), naturais de Vila Bela, adiante, "com 4 filhos": Elisa, f. menor, Teresa, "solteira", e ainda: (GS.340 e 378/380).

     11- 1. João Batista Pinto, n. 1929, Jornalista e Radialista, cc. Maria Miquelina Pinto Bitencourt, n. 1927, São Paulo, Igor Otaviano Pio Camargo Bitencourt e Maria Júlia Pinto, nm. de Maria Pinto de Moraes, n. Itu, c.ger. em GS.379.

     11- 2. Ana de Oliveira Pinto, n. 1934, Santos, cc. Delcides Mendes Cardial, n. 1930, Vila Bela, f. de Benedito Cardial Sobrinho e Cristina Mendes, c.ger. em GS.379.

     10- 5. Francisco de Moraes Pinto Júnior, cc. Silvana Saldanha, "com 7 filhos": Henriqueta, José, Maurício, Maria José Pinto, Nelson. (GS.379).'

     11- 1. Valdimir Pinto, cc. Celina.

     11- 2. Ida Pinto, cc. Ernesto Chaves.

     10- 6. Galdino de Moraes Pinto, cc. Elvira de Azevedo, "com 10 filhos": Maria, José, Djalma, Isabel, Teresa, mais 3, e ainda: (GS.380).

     11- 1. Benedito Pinto, cc. Dinorá de Resende.

     11- 2. Ari Pinto, cc. Berenice Cavalheiro.

     10- 7. Benedito Teodoro Pinto, cc. Maria Egídia Passos, Santinha, f. de Egídio Passos e ...., "c.ger.". (GS.380).

     9 - 3. Benedito Caetano Pinto, cc. Ana da Motta.

     9 - 4. Cândida Caetano Pinto, cc. seu primo, Benedito Manuel Correia.

     9 - 5. Ubaldina Dias Pinto, n. 1830, Ilha Bela, cc. Manuel Gonçalves da Silva Freitas (que passou a chamar-se Manuel Ribeirão Gonçalves de Freitas), n. cerca de 1830, na Ilha de São Sebastião (Perequê), f. de Domingos Gonçalves da Silva Freitas e Inácia Antonia da Conceição de Jesus, com pelo menos:  (GS.193, 206 e 414/15).

    10- 1. Benedito Ribeirão de Freitas, n. 1854, Vila Bela, f. 1929, São Paulo, c. 1876, Vila Bela, com Maria Joaquina Borges de Sampaio, n. 1857, Vila Bela, f. 1925, São Paulo, f. de Joaquim Borges de Sampaio e Maria Francisca de Paula Moreira, np. de José da Silva Borges, de Paranaguá, e Ana Sampaio, nm. de Francisca de Assis (esta irmã de Ana Luiza do Nascimento, Sebastiana e Inocência), com pelo menos: Maria (Nenê), f. aos 16 anos em 1895, Vila Bela, Maria Eulália, f. com 7 dias, Manuel, f. com 14 dias, e ainda: (GS.193/4 e 206).

    11- 1. Gertrudes Borges de Freitas, n. 1877, Vila Bela, f. São Paulo, cc. seu parente, Augusto Flávio Santana, n. 1872, Vila Bela, f. 1916, São Paulo, f. de  Manuel Aprígio de Santana e Ana Antonia de Moura Negrão, c.ger. adiante. (GS.194 e 310).

    11- 2. Pedro Ribeirão de Freitas, n. 1884, Vila Bela, São Paulo, c. 1909, São Sebastião, com Benedita Andreza Feliciano da Silva, n. 1886, Vila Bela, f. 1929, Santos, f. de Francisco Feliciano da Silva e Francisca Margarida da Silva, np. de Feliciano José da Silva e Ana Rita de Santana Espinhel, com pelo menos: (GS.210/11 e 340).

    12- 1. Nice Ribeirão de Freitas, cc. seu primo, Artur Pinto Brasileiro (ou Artur de Oliveira Brasil), n. Vila Bela, f. de Manuel Antonio de Oliveira e Verônica Ludovina de Oliveira Pinto, adiante, "c.ger.". (GS.340).

    11- 3. Brígida Borges de Freitas, n. 1888, ainda vivia em 1976, residia em São Paulo.

    11- 4. Maria Hermogênia de Freitas, n. 1896, Vila Bela, f. no Paraná, c. 1922, São Paulo, com João Pereira Maia, n. 1893, Natal, Rio Grande do Norte, f. São Paulo, Oficial do Exército, com: Maria Aparecida de Freitas Maia, n. 1924, São Paulo, Maria José de Freitas (gêmea da anterior), solteiras, e ainda:

    12- 1. Maria de Lourdes de Freitas Maia, n. 1925, cc. Nereu Costa, c.ger. em GS.252.

    12- 2. Maria Auxiliadora de Freitas Maia, n. 1927, São Paulo, cc. ...., c.ger. em GS.252.

    12- 3. Maria do Carmo, n. 1930, cc. José Coelho, c.ger. em GS.252.

    12- 4. Maria das Neves Freitas Maia, n. 1935, Rio de Janeiro, funcionária da Secretaria de Agricultura de São Paulo.

    12- 5. João Pereira Maia Júnior, n. 1929, f. 1931. (GS.252).

    11- 5. Júlia Julieta de Freitas, n. 1897, Vila Bela, f. 1928, São Paulo, solteira.

    10- 2. Donária Antonia de Freitas, n. Vila Bela, onde f. depois de 1900, e onde cc. José Antonio Pacheco, também conhecido por José Pacheco do Nascimento (viúvo de Maria Mendes, que casou também com Inocência Maria de São José), f. de José Pacheco de Freitas, n. 1743, Parati, RJ, e Maria Dias Barbosa, c.ger. acima. (GS.206, 311 e 356).

    10- 3. Antonia Ribeirão de Freitas, cc. Manuel Zeferino. (GS.206).

    10- 4. Francisco Ribeirão de Freitas ("Chiquinho Ribeirão"), n. de Vila Bela da Princesa, onde cc. Antonia Amélia Leite, f. de João Leite de Moraes e Rita Maria de Oliveira (ou Rita Leite), np. de João Claro e Francisca de Moraes, nm. de Alexandre Martins de Oliveira e Maria Felizarda, com pelo menos: Isabel, f. menor, e ainda: (GS.200, 206 e 286).

    11- 1. Agenor Ribeirão de Freitas, "Santo", cc. Lucília Leite da Mata, "c.ger.".

    11- 2. Olímpio Ribeirão de Freitas, "Zico", cc. Alzira de ...., com pelo menos: Alzira, Olímpio, Orlando, Elvínia, Elísia (ou Elisa), Elza e Osvaldo. (GS.200).

    11- 3. Leonor Ribeirão de Freitas, "Iazinha", cc. .....

    10- 5. Emília Ribeirão de Freitas, cc. Benedito Italiano Pacheco (1ª esposa), f. de João Italiano Pacheco, com pelo menos: (GS.206).

    11- 1. Dina Pacheco de Freitas, c. em Vila Bela da Princesa (atual Ilha Bela), SP, com seu parente, Francisco de Góes Moreira, f. de Manuel de Góes Moreira Júnior e Cerotina Evangelista Amorim, c.ger. acima. (GS.294).

     9 - 6. Antonia Pinto, cc. Rafael Pinto da Rocha Júnior (ou Neto), f. do Cap. Rafael Pinto da Rocha e Ana Antonia de Jesus (em Aguirres).

    9 - 7. Gertrudes Dias Pinto, cc. Sebastião Garcia da Veiga Oliveira (que c. 2ª vez, 1874, com Eugênia de Oliveira Rocha), f. de João Garcia da Veiga Oliveira, n. 1788 ou 98, e Antonia Garcia de Oliveira, com pelo menos: João, Sebastião, e ainda: (GS.335/6 e 343).

    10- 1. Maria Eugênia Garcia, residente em São Paulo, onde faleceu. (GS.343).

     9 - 8. Bernarda Ludovina Pinto, cc. João Francisco de Oliveira, conhecido por "João Libaina", com pelo menos: (GS.335).

    10- 1. Verônica Ludovina de Oliveira Pinto, cc. Manuel Antonio da Silva (ou Manuel Antonio de Oliveira), n. Vila Bela (que depois cc. Benedita ....), pais de: Manuel, f. menor, Francisco Pinto (ou Francisco de Oliveira), n. 1917, São Paulo, f. solteiro, cerca de 1920, na mesma cidade, "aos 17 anos?", e ainda: (GS.335 e 340).

    11- 1. Jandira de Oliveira Pinto, cc. seu parente, Benjamim de Moraes Pinto, f. de Francisco Caetano Pinto e Ana de Paula Moraes (Mocinha), acima, "c.ger.". (GS.340).

    11- 2. Artur Pinto Brasileiro (ou Artur de Oliveira Brasil), n. Vila Bela, cc. sua prima, Nice Ribeirão de Freitas, f. de Pedro Ribeirão de Freitas e Benedita Andreza Feliciano da Silva, "c.ger.". (GS.340).

               Manuel Antonio teve da 2ª esposa: Manuel, n. 1912, Tereza, n. 1914, Pedrina, n. 1918, todos em Vila Bela. (GS.340).

    10- 2. Fantina Oliveira Pinto, cc. seu parente, Prazildes Brasil Garcia de Oliveira, com pelo menos:

    11- 1. Efigênia Pinto Brasil, cc. Edgar Freitas, n. Vila Bela, c.ger.

    10- 3. Francisco Pinto, f. solteiro, 1925, São Paulo.

    10- 4. Efigênia de Oliveira Pinto.

     9 - 9. Emília Dias Pinto, cc. Joaquim Garcia da Veiga Oliveira (2ª esposa), n. 1816, Vila Bela, f. de João Garcia da Veiga Oliveira, n. 1798, e ..., com pelo menos: (GS.335).

    10- 1. Horácio Garcia da Veiga Oliveira, e Maria Barbosa de Moraes, f. de Antonio Henrique Vaz Ornelas e Maria Angélica do Nazaré Barbosa (de Moraes?), c.ger. em Aguirres. (GS.101, 333 e 335).

    10- 2. Joaquim Epaminondas Garcia de Oliveira, Vereador e Chefe Político em Vila Bela, c. 1ª vez, com Benígna de Moraes e, 2ª, com Maria Antonia Ribeirão de Freitas (Mocinha Ribeirão), com pelo menos: Ester e Theresa, solteiras, e ainda: (GS.336).
                Da 1ª esposa:

    11- 1. Maria Melânia de Oliveira, cc. João Espinhel.

    11- 2. Ana Garcia de Oliveira (Anita), cc. Benedito Salles Bittencourt, residente em Santos, c.ger. (GS.337).

    11- 3. Raquel Garcia de Oliveira, f. 1908, Vila Bela, casada.

               Da 2ª esposa: Joel de Oliveira, Áurio, e ainda:

     11- 4. Malaquias de Oliveira, formado em Direito pela Faculdade do Largo de São Francisco, São Paulo, em 1908, casado.

     9 -10. Manuel Caetano Pinto, n. 1841.

     9 -11. Inácia Dias Pinto (ou Inácia Lourenço de Freitas), cc. Manuel da Mota, "pai de 10 filhos", entre os quais:

    10- 1. Etelvina, 2ª esposa de Isidoro das Neves Santana (antes cc. Edviges Ribeirão de Freitas, neta de Antonio Ribeirão Gonçalves de Freitas, c.ger. em Affonsos Gayas), f. de Manuel Joaquim Santana e Maria Gertrudes das Neves. (GS.425).

     8 - 3. Gertrudes Dias Barbosa, n. 1807, solteira aos 103 anos.

     8 - 4. Claudino Dias Barbosa, n. 1810, cc. ....., com pelo menos: Claudino, Antonio e Antonia. (GS.101).

     8 - 5. Ana Dias Barbosa (ou Ana Pinheiro de Freitas).

     8 - 6. Maria Lourenço de Freitas (ou Maria Dias Barbosa), n. 1812, cc. José Gonçalves da Silva Freitas, sênior, com pelo menos: (GS.204).

     9 - 1. José Gonçalves da Silva Freitas, júnior, que tinha 115 braças de terras "nos Castelhanos". (GS.204).

     8 - 7. Antonio Lourenço de Freitas, n. 1817, cc. ....., "c.ger.".

     8 - 8. Bernardo Dias Barbosa, n. 1820, cc. Gertrudes de Souza.

     8 - 9. José Dias do Rego Barbosa (Zé Dias), n. 1824, cc. Rita Mendes do Rego, f. de Antonio Mendes do Rego, n. 1789, e Ana Gomes de Moraes, neta, c.ger. acima. (GS.276 e 392/3).

     8 -10. Manuel Dias Barbosa Júnior, n. 1825, cc. Antonia de .....

     8 -11. Benedito, n. 1826, cc. ....., "c.ger.".

    5 - 5. Jordão Homem Pedroso, n. 1720, São Sebastião, onde cc. Ana Pedroso de Moraes, n. 1725, São Sebastião, irmã do Alf. Domingos Lopes de Azevedo, supra, com  entre outros: Francisca, Daniel, Catarina, Jordão, Ana e: (GS.364).

     6 - 1. Beatriz Pereira da Silva, b. 1747, São Sebastião, cc. Antonio José Cordeiro, b. 1741, São Sebastião (que c. também com Joana Ribeiro, n. 1730), f. de Antonio José de Borba, n. 1715, Angra, Ilha Terceira, e Joana Correia de Moraes, com pelo menos: Manuel Antonio Cordeiro, Inácia Cordeiro, e ainda: (3.97, GS.141, 363 e 367 e SL.2.484).

     7 - 1. Francisca de Paula Leite, n. 1779, São Sebastião, onde cc. Diogo Pereira, n. 1776, na mesma localidade, f. de Valentim Pereira e Isabel Pires da Silva, com pelo menos: (GS.141).

     8 - 1. Padre Jordão Homem Pedroso, bisneto, n. e b. 1816, São Sebastião (padrinhos: Manuel Antonio Cordeiro, Inácia Cordeiro, tios maternos). (GS.363).

     6 - 2. Maria Homem Pedroso, n. 1749, São Sebastião, onde cc. Francisco Xavier da Mota, c.ger. acima.

     5 - 6. Sebastião Pinheiro Leite, n. 1726, c. São Sebastião, com Bárbara da Mota (Bárbara Gomes Moreira da Gaia, ou Bárbara Gomes Moreira de Moraes), omitida em Gayas, n. 1730, f. do Cel. Manoel Martins Álvares de Moraes e Maria Gomes Moreira, Maria Gomes de Jesus ou Maria Gomes de Moraes (em Affonsos Gayas), com: João, n. 1752, Manuel, n. 1754, Maria, n. 1755, José, n. 1756, Ana, n. 1757, Sebastião, n. 1759, Bárbara, n. 1759, Ezequiel, n. 1760, Ângelo, n. 1761, Brites (ou Beatriz), n. 1763, e: (GL.1.91, 2.258/9, GS.96, 238, 288, SL.2.484/5 e 8.436).

     6 - 1. Rosália Leite, cc. seu parente André Gonçalves Barbosa, n. 1713, São Sebastião, f. de João Gonçalves Barbosa e Eugênia Ribeiro do Monte Carmelo, acima. (GS.96).

     6 - 2. Maria Joana Leite de Moraes, n. 1762, c. 1790, com seu primo Francisco José de Moura Negrão, n. 1767/74, f. de Julião de Moura Negrão e Inês Gomes de Moraes, acima, com: (GS.240, 308, 313 490).

     7 - 1. Francisco José de Moura Negrão, n. 1791, cc. Maria Leite, com pelo menos: (GS.312 e 323).

     8 - 1. Porfírio José de Moura Negrão, f. aos 56 anos, morador de Itapetininga e em Tatuí, onde desempenhou cargos públicos, c. 1850, com Anna Leopoldina dos Prazeres, com pelo menos 10 filhos: (GS.312 e 323).

     9 - 1. Francisco José de Moura Negrão Neto, n. 1862, Itapetininga.

     9 - 2. Ernesto José de Moura.

     9 - 3. Pedro Lupércio de Moura, casado três vezes.

    9 - 4. Ambrosina de Moura, c. 1ª vez, com Maximiniano Augusto Ferreira, f. de Domingos Leonel Ferreira e, 2ª, com Ernesto Lopes da Silva, f. de Joaquim Lopes da Silva e Maria Augusta Nóbrega de Oliveira Lima, "da família dos Técos" de São Bernardo do Campo.

     9 - 5. Maria José, c. em Tatuí, com o Dr. Rego, Médico, baiano.

     9 - 6. Virgínia de Moura Negrão, cc. Manuel Coque, n. Portugal, com pelo menos:

     10- 1. Leocádia Coque, cc. o Tabelião Farani, de Casa Branca, "com 4 filhos". (GS.141).

     9 - 7. Florismila, cc. Luiz dos Santos.

     9 - 8. Esterlina, cc. Luiz Afonso de Camargo.

     9 - 9. Florisbela de Moura Negrão, cc. Joaquim de Paula Arruda, de Sorocaba, onde residiram, com pelo menos: Nicanor, Leônidas, Maria, Edmundo de Paula Arruda, e ainda: (GS.87, 312 e 323).

     10- 1. Carmosina, cc. o Dr. Norman Bernardes, Engenheiro da Prefeitura Municipal de São Paulo, de importante família de Itapetininga. (GS.87).

     9 -10. Anunciato de Moura Negrão, n. 1864, cc. Maria Carvalho, pais de: Aristóteles, João, Argemiro, Ismênia e Julieta, estas Professoras em São Paulo, Noêmia, Professora em Tatuí, e ainda: (GS.312 e 324).

     10- 1. Porfírio José de Moura Negrão Neto.

     7 - 2. Maria Francisca Leite de Moura Negrão, n. 1793, cc. Joaquim da Silva Pinto, f. de Maria Joaquina Pinto. (GS.313, 321 e 381).

     7 - 3. José Francisco de Moura Negrão, n. 1808/9, cc..., com 3 filhos: Benedito, Emídio e José. (GS.313).

     7 - 4. Baltazar Manuel Gonçalves (Suas informações podem ter sido entendidas como sendo do Baltazar Manuel Gonçalves, o moço, acima).

     7 - 5. Manuel de Moura Negrão, n. 1816, Vila Bela (ou São Sebastião), c. 1839, São Sebastião, com Antonia Maria de Jesus Vaz Ornelas (que enviuvando cc. Manuel Antonio dos Santos, c.ger. em Aguirres), n. 1826, f. de Antonio Henrique Vaz Ornelas e Ana Rafael Pinto da Rocha (em Aguirres), com pelo menos: (GS.308, 310, 314, 321, 490, 529 e 532).

     8 - 1. Ana Antonia de Moura Negrão, n. 1840, Vila Bela, onde c. 1863, com Manuel Aprígio de Santana, n. 1830 ou 32, na mesma localidade, f. 1895, São Sebastião, f. de Manuel Joaquim Santana e Maria Gertrudes das Neves, com pelo menos: (GS.321, 331 e 417).
- Obs.: Dois filhos adotivos: Isidoro das Neves (Santana?) e Maria Santana (provavelmente sobrinhos, ou Maria Santana poderia ser a própria irmã de Manuel Aprígio). (GS.431 e 432).

     9 - 1. Augusto Flávio de Santana, n. 1872, Vila Bela, f. 1916, São Paulo, c. Vila Bela, com sua parenta, Gertrudes Borges de Freitas, n. 1877, Vila Bela, f. de Benedito Ribeirão de Freitas e Maria Joaquina Borges de Sampaio, acima, com pelo menos: Josina, Josino, Juveni, Joanina, Josina (outra), José, falecidos crianças, e ainda: (GS.321 e 310).

    10- 1. João Gabriel de Santana, n. 1901, São Sebastião, autor da obra "Genealogia Sebastianense", tão útil aos genealogistas, cc. Ana Cândida Pinto Ferreira de Andrade, n. 1909, São Paulo, f. de José Pinto Ferreira de Andrade, n. Lamego, Portugal, e Joaquina Adell, n. Monroio de Teruel, Espanha, np. de Manuel de Andrade e Henriqueta Pinto Ferreira, nm. de Blas Adella e Joaquina Izaura, naturais da Espanha, c.ger. em GS.427.

    10- 2. Juventina Patrícia Santana, n. 1903, São Sebastião, f. 1944, São Paulo, dedicada educadora, teve o seu nome dado a um Grupo Escolar e também a uma rua da Capital paulista. (GS.418).

    10- 3. Jader Severiano de Santana, n. 1905, São Sebastião, c. 1ª vez, com Berta Bettle Zoeth, n. 1905, em Staia, Áustria, f. 1946, Tremembé, SP, f. de Agostinho Bettle Zoeth e "Juliana Zoethl" e, 2ª vez, com Maria de Oliveira Costa, n. 1924, em Silveiras, f. de Antonio Luiz da Costa e Geraldina de Oliveira, com pelo menos: (GS.387, 417 e 426).
               Da 1ª esposa: Geraldo Santana, n. Taubaté, f. menor, Roberto, n. Taubaté, e ainda:

    11- 1. Ari Zoeth Santana, n. Araçariguama, "distrito de Parnaíba", cc. Enedina de Souza, n. São José dos Campos, f. de Dionísio Santana e Plantila de Souza, c.ger. em GS.417.

     11- 2. Hilda Santana, cc. José Gilberto Meireles, "c.ger.". (GS.426).

               Da 2ª esposa: Irene, n. Tremembé, e ainda:

    11- 2. Iraides Costa Santana, n. Taubaté, cc. Ivanir Carlos Rabelo, n. Cordislândia, MG, f. de Antonio Carlos Rabelo e Maria Mendes Rabelo, np. de João Carlos Rabelo e Etelvina de Jesus Rabelo, nm. de Francelino Silvério Mendes e Guilhermina Silvério Mendes. (GS.387 e 426).

    10- 4. Jocelim Maximiano Santana, n. 1906, São Sebastião, funcionário da Secretaria de Agricultura de São Paulo, c. 1934, São Paulo, com Luiza Costábile, n. 1910, nesta cidade, f. de Francisco Costábile, n. Bosque Reale, Itália, f. São Paulo, e Luiza Supino, n. Itália, f. 1918, São Paulo, com pelo menos: Lucília, n. 1936, São Paulo. (GS.418 e 430).

    10- 5. Juvenina Petronilha de Santana, n. 1908, São Sebastião, cc. Nelson Manso Saião, n. 1906, Santa Teresa de Valença, RJ, f. do Dr. José de Góes Manso Saião e Placídia de Andrade, np. de João Tomás Correia Manso Saião e Laurentina de Carvalho Malta Saião, nm. de Boaventura Plácido Lameira de Andrade e Carolina Leuenroth, c.ger. em GS.411 e 447.

    10- 6. Jesuina Hilária Santana, n. 1914, São Paulo, f. 1964, cc. Henrique Sihle, n. 1914, Tartu, Estônia, f. de Rodrigo Sihle, f. São Paulo, e Ella Schroeder, naturais de Tartu, np. de Heinrich Sihle, n. Letônia, e Helena Scuim, n. Estônia, nm. de Otto Schroeder, n. Bavária, Alemanha, c.ger. em GS.448. (GS.418).

     9 - 2. Sérgio Santana de Moura, n. Vila Bela, cc. sua parenta, Leopoldina Gomes do Amorim (que c. 2ª vez com Pedro Figueira dos Santos (ou Pedro Figueiredo dos Santos), residentes no Perequê, s.ger.), f. de Evaristo Gomes do Amorim e Antonia Pacheco, acima, "s.ger.". (GS.310 e 432).

     9 - 3. Virgínia de Moura Santana, n. 1864, Vila Bela da Princesa f. 1832, Piracicaba, cc. Manuel Gonçalves de Oliveira Santos Neto, n. 1865, Vila Bela da Princesa, f. 1913, São Sebastião, f. de Manuel Gonçalves de Oliveira Santos Filho e Josefa Maria de Santana Lopes, c.ger. em Toledos Pizas. (GS.129, 187, 230 e 310).

     9 - 4. Lídia de Moura Santana, solteira, agente dos Correios em São Sebastião, onde f. 1920. (GS.310).

     8 - 2. Teresa de Moura, n. 1842, Vila Bela, cc. Jorge Ferreira do Vale. (GS.321).

     8 - 3. José de Moura, o "Juca Cobertor", n. 1843, em Vila Bela, comerciante abastado em Santos, onde f. solteiro, em 1907. (GS.322).

     8 - 4. Manuel de Moura, n. 1845, f. solteiro. (GS.322).

     5 - 7. João Pinheiro Leite, f. quando estudante. (SL.2.485).

     5 - 8. Pe. Alexandre Pinheiro Homem, n. São Sebastião, f. RJ, Habilitado de Genere em São Paulo. (GS.90, 458 e 471).

     4 - 3. Maria Pinheiro, n. por volta de 1673, f. Itambí, RJ, 1760, cc....

     4 - 4. Jordão Homem da Costa, n. por volta de 1681, Campo Grande, Rio, c. 1711, nesta cidade, com Maria Barbosa da Candelária, n. Rio, f. de Valentim Barbosa e Margarida de Souza, do RJ. (CR.2.356). 

                                                     CAPÍTULO 9º 

     1 - 9. Juliana de Souza (hipótese), cc. Jorge Neto Falcão, que morou em Santos, e em 1598 vendeu terra no Gerebati, a Antonio Castelão. Dois anos depois comprou de Luís Álvares as terras do Tatuapé, SP, que o Cap. Pedro Cubas, reivindicava como suas. Em 1621, já viúva, tinha terras no Jurubatuba, Santos, com 3 filhas: (PP.124/5). 

                                                     Parágrafo 1º 

     2 - 1. Felipa Pereira de Sousa. (PP.125). 

                                                     Parágrafo 2º 

     2 - 2. Maria de Souza, cc. Simão Fernandes, sertanista de SP, que fez parte da expedição de 1616 a Sta. Catarina, chefiada por Lázaro da Costa. (DB.161 e PP.125).

                                                     Parágrafo 3º 

     2 - 3. Generosa de Souza, viúva de .... (PP.125). 

                                                     ENCAIXAR:

     2 -  . Guiomar de Souza (hipótese), cc. Duarte Sodré Pereira, naturais de Águas Belas, c.ger. em CR.2.280 e 3.163.

                                                         xxx 

   ? 3 -  . Ana de Souza Pereira, n. por volta de 1636, c. por volta de 1656, com Bento Garcês de Araujo (viúvo de Feliciana Fróes de Abreu? Vide CR.2.163), b. 1617, Rio, f. 1676, f. de Bento Garcês e Justa da Costa, com: Francisco, Ana de Souza Pereira, Bento, Catarina e,

     4 -  . Luzia de Faria, n. por volta de 1665, Jacutinga, RJ, f. Rio, 1722, onde c. 1685, com João de Barcelos Machado, n. por volta de 1655, f. antes de 1720, f. de João de Barcelos e Beatriz Fernandes ou Vaz, c.ger. em CR.2.225. (CR.1.219).

                                                         xxx 

   ? 7 -  . Thome de Souza Pereira, cc. Maria de Jesus, com pelo menos:

     8 - 1. Francisco de Souza Pereira, n. e b. na freguesia de NS do Amparo de Maricá, RJ, c. 1779, Santo Antonio de Sá, RJ, com Rosa Maria da Silva, n. e b. na freguesia de São João de El-Rei, do Rio das Mortes, MG, f. de Domingos da Silva e Rita Maria de Lemos de Oliveira. (Antigos Registros Paroquiais de Casamento do Leste Fluminense, Vol. 2, fls. 173, de Marcelo Barbio Rosa).

                                                         xxx 

   ? 7 -  . Boaventura Pereira de Souza, cc. Caterina Tereza, com pelo menos:

     8 - 1. Francisco Pereira de Souza, c. 1785, com Antonia Maria da Conceição, f. de Antonio Freire Ribeiro e Izabel Furtado de Mendonça.  (Antigos Registros Paroquiais de Casamento do Leste Fluminense, Vol. 2, fls. 195, de Marcelo Barbio Rosa).

                                                         xxx 

     8 -  . Hermogênio Pereira da Silva, casado com Cândida Tibre Pereira da Silva, pais de pelo menos: (Artigo de Arthur Leonardo de Sá Earp, on-line, Wikipédia e informações da Sra. Heloisa Gaio de Castro, de Norwalk, Connecticut, USA) .

     9 - 1. Hermogênio Pereira da Silva, Médico, Jornalista e Político, n. 1848, na Fazenda do Engenho Novo do Retiro, na Freguesia de Cordeiros (hoje Ipiba), atualmente no Município de São Gonçalo, RJ, f. 1915, Petrópolis, participou da Guerra do Paraguai, foi Presidente da Câmara de Vereadores de Petrópolis, RJ, de 1901 até 1904 (com poderes de Prefeito), e em outras legislaturas, casou 1ª vez com Maria Antonia Abreu e Souza (depois, Maria Antonia Pereira da Silva) e, enviuvando, casou 2ª vez em 1885 com Carolina de Sá Carvalho (depois, Carolina de Sá Pereira da Silva), teve 7 filhos da 1ª e 3 da 2ª esposa, entre os quais:

     10- 1. Eduíno Pereira da Silva, que, segundo a sua neta, Sra. Heloisa Gaio de Castro são descendentes diretos de João de Souza Pereira Botafogo, acima.

 

Nota nº 1:

Este Título foi baseado, principalmente, no trabalho do genealogista Carlos Rheingantz, publicado em BG.60.1.37 e na obra "Primeiras Famílias do Rio de Janeiro", do mesmo autor, onde podem ser vistos maiores detalhes.

 

Ir para: Página Principal,    Índice Geral,     Região Serrana,    Imigração árabe,     Tiradentes,     Batch Numbers,      Bibliografia e códigos