GENEALOGIA BRASILEIRA
Estado de São Paulo - Os Títulos Perdidos

 

                                                      Lênio Luiz Richa (lenioricha@yahoo.com.br)

 

 

                                               GÓES MENDONÇAS 

 

     - Domingos de Góes, n. Ilha da Madeira, f. 1627/30, São Paulo, veio com sua 1ª mulher Catarina de Mendonça para São Vicente, em 1545 e, depois, foram dos primeiros casais que povoaram a cidade de São Paulo, não descobrimos outros filhos além dos 2 que vieram com os pais: (1.81, 213, 3.40, EA.503, PP.95/7 e SL.6.455). 

                                    Izabel de Góes ............... Cap. 1º

                                    Francisco de Mendonça .... Cap. 2º

 

                                                  CAPÍTULO 1º 

     1 - 1. Izabel de Góes, que veio já cc. Domingos Gonçalves de Mendonça ou Domingos Gonçalves da Maia, f. com testamento em 1627, São Paulo (c. 2ª vez com Mecia Rodrigues, f. de Garcia Rodrigues e Izabel Velho, c.ger. em Garcias Velhos e, 3ª, com Marta de Mendonça, f. de Antonio Bicudo "Carneiro" e Izabel Rodrigues, c.ger. em Garcias Velhos). Ele foi f. de Pedro Vicente e Maria de Faria, nm. de Manoel Machado Pereira e Rosa Faria Santos, e teve, da 1ª esposa: (2.253, 269, PP.95, SL.6.455 e 7.451).
- Obs.: Os pais de Izabel Rodrigues, não constantes em SL, seriam Fellipe Rodrigues e Maria Pires, conforme informação gentilmente enviada pela amiga, genealogista, Jussara Fernandes Carvalho, de Varginha, MG, entretanto, existe outra versão (vide Garcias Velhos).

                                                  Parágrafo 1º

     2 - 1. Francisco de Mendonça (versão de Américo de Moura, já que Taques o considerava irmão de Izabel de Góes, acima), n. São Vicente, f. 1630, São Paulo, c. 1ª vez com Maria Diniz, n. após 1585, f. de Domingos Dias e Clara Diniz (em Dias Teveriçás) e, já c. 2ª vez, 1625, com sua sobrinha Maria de Góes, n. por volta de 1605, f. com testamento em 1675, São Paulo, f. de Domingos de Góes e Joana Nunes de Mendonça, do Par. 2º, adiante, e teve: (1.81, 3.40, AS.1.160, 166, EA.499 e PP.96).
                 Da 1ª mulher filha única:

     3 - 1. Catarina de Mendonça, c. 1629, SP, com Belchior de Godoy, f. 1649, f. de Baltazar de Godoy, castelhano, e Paula Moreira, com 10 filhos em SL.6.3. (PP.96).

                 Da 2ª mulher pelo menos 8 filhos, encontramos nos autores os abaixo:

     3 - 2. Catarina de Mendonça (outra), f. 1692, cc. Salvador da Cunha Lobo, naturais de São Paulo, f. do Cap. Henrique da Cunha Gago, o moço, e Maria de Freitas, com 10 filhos em SL.5.95, entre os quais: (PP.96).

     4 - 1. Cap. Francisco da Cunha Lobo, aí b. 1656, c. 1687, NS da Conceição de Guarulhos, com Leonor de Siqueira Moniz, n. 1665, f. 1748, já viúva, com inventário em 1750, f. de Pedro Vaz Moniz e Joanna Simoa Rodrigues, c.ger. em Rodrigues Lopes. (AS.5.232, SL.5.112 e 8.361).

     4 - 2. Beatriz da Cunha Lobo, f. com testamento em1748, Mogi das Cruzes, cc. Pedro Vaz Moniz, b. 1662, f. de outro do mesmo nome e Joanna Simoa Rodrigues (em Rodrigues Lopes), s.ger. (AS.5.232 e SL.8.361).

     4 - 3. Anna Maria da Cunha, f. 1710 em Mogi das Cruzes, cc. José Basson Maciel, c.ger. em Rodrigues Lopes. (SL.3.300 e 5.108).

     3 - 3. Margarida de Mendonça, f. 1668, São Paulo, onde c. 1638, com Amador Bueno, o Moço, n. por volta de 1611, São Paulo (e não Ilha da Madeira, como está em SL), f. 1683, São Paulo, Juiz de Orfãos, bandeirante que participou de diversas entradas ao sertão, f. do Cap. Mor Governador Amador Bueno da Ribeira, o Aclamado, e Bernarda Luiz Camacho (em Dias Teveriçás), com 5 filhos: (1.81, AS.1.160, DB.88, EA.496, PP.96 e SL.1.419).

     4 - 1. Maria Bueno de Mendonça, f. com testamento em1709, c. São Paulo, com Baltazar da Costa Veiga, n. dessa cidade, onde f. 1700, "que serviu todos os cargos da república, foi potentado em arcos, e abundante em suas lavouras de trigo e outros mantimentos, com grande criação de gado", f. de Jerônimo da Veiga e Maria da Cunha (Ver Bicudos Castanhos), com 11 filhos, naturais de São Paulo: (1.82, 2.16, SL.1.420 e 3.202).

     5 - 1. Amador Bueno da Veiga, n. por volta de 1665, SP, f. no sertão do Rio Pardo em 1719 (na depois fazenda de Jaguarí, município de Casa Branca), constituído Cabo Maior do exército paulista, em 1709, para lutar contra os emboabas, nos levantamentos havidos nas Minas Gerais, cc. Marta de Miranda de El-Rei, f. de Bartolomeu da Cunha Gago e Maria Portes de El-Rei, c.ger. em Portes de El-Rei. (2.17, EA.493 e SL.3.203).

     5 - 2. Antonio Bueno da Veiga, cc. Izabel Fernandes da Rocha, f. de Antonio Bicudo Camacho e Maria da Rocha, com pelo menos: (2.18, FS e SL.3.204)

     6 - 1. Amador Bueno da Rocha, n. SP, c. 1744, Curitiba, com Maria Leme da Costa (ou Maria Leme da Silva, ou ainda, Maria Leme de Jesus), b. 1719, NS da Luz da Catedral, Curitiba, f. de José da Costa e Dionízia Leme da Silva (em Martins Bonilhas), com pelo menos: Antonio da Rocha, b. 1745, Maria da Rocha, n. e b. 1748, Izabel da Rocha, b. 1750, todos em NS da Luz da Catedral, Curitiba, e ainda: (FS, SL.1.438 e 3.204).

     7 - 1. Manoel Bueno da Rocha, cc. Gertrudes Maria de Jesus, f. de Pedro Antonio Moreira, n. Lisboa, e Joana Franco Moreira (em Pretos), de São José dos Pinhais, PR, com pelo menos: (FS e SL.1.438).

     8 - 1. Manoel Lourenço Bueno, n. São José dos Pinhais, c. 1798, Curitiba, com Izabel Maria Teixeira, f. do Alf. Antonio Teixeira de Freitas, de Portugal, e Maria Rodrigues das Neves, c.ger. em Freitas. (FS, SL.1.438 e 3.296).

     6 - 2. Maria Bueno da Rocha, f. 1777, cc. João Carvalho de Assumpção, f. 1761, São José dos Pinhais, PR, f. do Cap. Manoel Picão de Carvalho e Maria Leme da Silva, c.ger. em Martins Bonilhas. (FS e OC.242).
- Obs.: Na versão de SL.3.204 ela foi colocada como filha de Amador Bueno da Rocha e Maria Leme da Costa, acima, mas, pelas datas de nascimento e de casamento dos filhos dela, não seria possível.

     5 - 3. Jerônimo da Veiga Bueno, que segundo Silva Leme, não casou com Maria Moniz de Miranda, como escreveu Taques, a qual foi cc. outro Jerônimo da Veiga, seu tio mas, sim, a 1ª vez com Felipa da Silveira, f. 1704, SP (viúva de Antonio Vaz Cardoso), f. de Antonio Raposo da Silveira e Maria Raposo de Siqueira, c.ger. em Raposos Silveiras e, 2ª, com Mariana da Luz Cardoso, com pelo menos: (2.18, SL.3.205 e 215).

     6 - 1. Catarina Bueno da Luz, c. 1ª vez, 1736, com Antonio Rodrigues Fróes, n. Mogi das Cruzes, morador em Atibaia, f. do Cel. Pedro Rodrigues Fróes, n. Alcobaça, e Izabel Barbosa de Moraes, c.ger. em Martins Bonilhas e, em 1760 tirou dispensa para casar 2ª vez com seu parente Antonio dos Santos, n. Nazaré, f. de Cosme Damião Ribeiro e Úrsula Pereira, adiante. (SL.3.205, 5.128 e 7.278).

     5 - 4. Miguel Bueno da Veiga, c. 1702, SP, com Jerônima do Couto de Camargo, f. de Mateus de Leão e Leonor Domingues de Camargo, com pelo menos: (2.18, SL.1.317 e 3.205).

     6 - 1. Antonio Bueno de Camargo, cc. Ana Maria Cardoso, f. de Antonio Cardoso de Macedo e Teresa Ribeiro, com p. menos:

     7 - 1. Germano Bueno de Camargo, c. 1765, SP, com Francisca Pires de Siqueira, f. de Bernardo Machado e Izabel Pires.

     5 - 5. João da Veiga Bueno, que em 1739, comandou uma bandeira em Goiás, descobriu ouro no Rio Caiapó e, por desentendimento com os demais, aprofundou-se no sertão onde faleceu, cc. Gertrudes Cardoso, f. de Antonio Cardoso da Silveira e Joana da Silva (em Raposos Silveiras). (2.18, DB.90, SL.3.205 e 338).

     5 - 6. Cap. Baltazar da Veiga Bueno, c. 1ª vez com sua prima em 4º gráu de consanguinidade, Ana Maria da Silveira, f. 1731, f. de Salvador Cardoso de Almeida e Ana Maria da Silveira, c.ger. em Raposos Silveiras e, 2ª, com Rosa Freire de Godoy, f. de Lourenço Correia de Moraes e Maria Freire de Godoy (em Martins Bonilhas), e teve, desta, filha única: Izabel Bueno de Godoy. (2.18, SL.3.205/6 e 210).

     5 - 7. Catarina Bueno do Prado, n. São Paulo, f. com testamento em1764, cc. Lourenço Correa Pires (ou Lourenço Correa Paes), f. 1739, SP, f. de Manoel João de Oliveira e Francisca de Lira de Moraes, com 8 filhos em SL.7.130 (Tít. Moraes), entre os quais: (FS).

     6 - 1. Rosa Maria Bueno de Moraes, c. 1720, com Antonio de Moura, f. de Luiz de Moura e Luiza Monteiro, de Santos, cuja geração SL não relaciona, tiveram pelo menos: (FS e SL.7.131).

     7 - 1. Maria Cleofa Bueno, f. antes de 1747, cc. João Gonçalves de Mello, n. Braga, Portugal,  f. 1772 (que casou também com Ana Quitéria de Souza), com pelo menos: (FS).

     8 - 1. Maria Cleofa Bueno, b. 1747, Conceição da Barra, MG (ou ES?), f. 1824, cc. José Ferreira da Silva, n. Coimbra, Portugal, f. 1810, f. de Rafael Fernandes da Silva (ou Rafael Ferreira da Silva), n. freguesia de Albergaria a Velha, e Maria Marques da Silva, n. freguesia da Ribeira de Fragoas, bispado de Coimbra, com pelo menos: (FS).

     9 - 1. Manoel Ferreira da Silva, cc. Mariana Moreira de Souza, f. de Antonio Moreira Ribeiro, n. Braga, e Juliana de Souza Soares, com pelo menos: (FS).

    10- 1. Maria Madalena da Silva, f. 1870, cc. João da Silva Pereira Gomes, f. de Gomes da Silva Pereira e Ana Praxedes de Paiva Magalhães, com pelo menos: (FS).

     11- 1. Mariana Cândida de Jesus, f. 1894, c. 1ª vez, com Francisco Kapler e, 2ª, antes de 1870, com José Marcelino Pereira (viúvo de Micaela Jesuína da Anunciação), f. 1877, f. de Maria Pereira de Sousa, com pelo menos, do 1º marido: (FS).

     12- 1. Mariana Cândida Kapler, b. 1848, São João de El-Rei, MG, f. 1894, cc. Antonio Homem de Almeida, com pelo menos: (FS).

     13- 1. Antonina de Almeida, cc. Francisco de Paula Neves, com pelo menos: Presidente da República Tancredo de Almeida Neves, n. 1910, São João de El-Rei, f. 1985, importante político brasileiro. (FS).

     9 - 2. Maria Cleofa da Silva, c. 1ª vez, 1806, São João de El-Rei, com Braz Freire de Siqueira, f. 1815, f. de João Vaz de Siqueira e Gertrudes de Moraes Freire e, 2ª, antes de 1825, com Manoel da Silva Soares, com pelo menos, do 1º marido: (FS).

     10- 1. Iria Augusta de Siqueira, cc. Manoel Antonio da Silva Reis (que também c. 1839, Barra Mansa, RJ, com Luiza Augusta Marcondes), f. de Antonio Monoel de Freitas e Teodora Francisca dos Reis, c.ger. em Nunes Siqueiras. (FS).

     8 - 2. José Ferreira da Silva, f. 1828, cc. Custódia Ferreira de Jesus, f. 1866, f. de Manoel Ferreira Carneiro e Feliciana Cardoso de Andrade, pais de: (FS).

     9 - 1. Ana Zeferina de Resende, f. 1847, cc. Francisco Joaquim de Resende, f. 1851 (que foi casado também com Ana Teresa de Jesus), c.ger. no site Family Search. (FS).

     8 - 3. Mariana Ferreira da Silva, c. 1798, São João de El-Rei, com João José da Rocha, f. de outro do mesmo nome e Izabel de Almeida e Silva. (FS).

     6 - 2. Francisca de Lira Bueno, cc. João Machado da Silva, f. 1757 nas minas de Paranapanema, f. de .... de Sousa Madeira e Escholastica Machado de Candia, com 9 filhos em SL.7.131, entre os quais:

     7 - 1. Estácia Leme da Silva, cc. Manoel de Lima, n. Ponte de Lima, Portugal, com 5 filhos: Anna, Filippe, Francisca, e: (SL.7.132).

     8 - 1. Theresa de Jesus de Moraes (também Thereza Maria de Jesus e Thereza de Jesus Maria Buena), n. Paranapanema, c. 1776, São Paulo, com Jorge Moreira Garcia (viúvo de Leonor Borges de Cerqueira), f. de João Moreira Garcia e Maria de Eyros, com pelo menos 9 filhos: Manoel Moreira Garcia, b. 1777, NS da Conceição, Guarulhos, SP, José Moreira, b. 1780, Escolástica Moreira Garcia, b. 1784, Antonio Moreira Garcia, b. 1785, Miguel Moreira Garcia, b. 1786, Gertrudes Moreira Garcia, b. 1789, João Moreira, b. 1790, Pedro Moreira Garcia, b. 1791, todos estes em NS da Assunção, Centro, São Paulo, e ainda: (FS, SL.7.132 e 8.393).

     9 - 1. Cap. Francisco Jorge Antunes Lima, único relacionado por SL (no batismo, Francisco Moreira Garcia), b. 1792, NS da Assunção, Centro, São Paulo, c. 1814, Santana, Mogi das Cruzes, com Gertrudes Cipriana de Camargo, f. de Antonio de Souza Moraes e Cipriana Maria de Camargo. Residiram em Bragança, SP, e seus filhos foram depois para Belém de Jundiaí (hoje Itatiba), onde tiveram importantes fazendas de café. C.ger. em SL.7.115, onde não constou: (FS e SL.8.393).

     10- 1. Francisco Antunes Lima, n. Bragança, SP, c. 1861, NS das Dores, Ibiúna, SP, com Jesuína Maria da Roza, f. de Jesuíno George de Camargo e Maria Francisca da Roza. (FS).

     8 - 2. Maria Antonia Barbosa, c. 1781, São Paulo, com Antonio da Cunha Abreu, f. de Francisco Cubas Furtado e Margarida da Cunha Leme (em Cunhas Abreus). (SL.7.132).

     5 - 8. Cap. Guilherme da Veiga Bueno, cidadão de SP, f. 1734, c. SP, 1706, com Isabel de Sousa Araujo, f. 1753, f. de José de Sousa de Araujo e Páscoa Domingues Paes, com 10 filhos, n. SP: (2.18 e SL.3.211).

     6 - 1. Maria Bueno da Veiga ou de Araujo, f. 1766, SP, cc. Antonio Correia Pires Barradas, republicano de SP, com 6 filhos, em SL.3.212 (Tít. Prados). (2.18 e 152).

     6 - 2. Bento de Sousa Bueno, f. com testamento em1774, c. 1754, com sua parenta por afinidade, Gertrudes de Moraes da Cunha (viúva de João Franco Bueno), f. do Cap. Cristóvão da Cunha Barros e Joana do Prado de Menezes, com 2 filhos: José e Joaquim.

     6 - 3. Escolástica Bueno de Jesus, carmelita, do Recolhimento de Santa Teresa, faleceu como freira. (2.18 e SL.3.213).

     6 - 4. Antonio Bueno de Sousa, n. SP, onde c. 1729, com Luiza Martins Bonilha (ou Luzia Martins Bonilha), irmã do Cap. Salvador Martins Bonilha, f. de Francisco Martins Bonilha e Maria Gonçalves da Costa (em Martins Bonilhas), com pelo menos: (2.18 e SL.3.211).
- Obs.: O notável genealogista Jarbas Jaime, no Vol. 1, fls. 291, a fez casada com o pai do marido, o que deve ter sido simples engano, pois no Vol. 4, fls. 251, ele seguiu Taques e Silva Leme.

     7 - 1. Maria da Encarnação, n. SP, c. Pirenópolis, GO, 1767, com Bartolomeu Bueno da Silva, o 3º Anhanguera, f. 1776 (viúvo de Maria Teresa Izabel Paes), Cel. do Reg. de Cavalaria de Vila Boa, atual Goiás (em Buenos Anhangueras), s.ger. (2.18, JJ.1.65 e SL.3.211).

     7 - 2. Teresa Maria de Jesus, omitida em SL, de Meia Ponte, GO, cc. Manuel Francisco Garcês, n. Porto, f. Goiás, 1804, f. de Antonio Francisco de Sousa e Rosa da Mota Garcês, pais de: (FP.4.251).

     8 - 1. Mariana, n. e f. 1764. (FP.4.251).

     8 - 2. Manuel Francisco Garcês, fazendeiro, cc. Inês Maria Caetano (ou Inês Correia de Figueiredo), de Meia Ponte, GO, f. de Matias Correia de Figueiredo (conhecido como Alexandre Pinto Lobo de Sá) e Escolástica dos Santos Robalo, sorocabana (em Vaz Guedes), com: Maria Francisca Garcês, Teresa Francisca Garcês, n. 1794, Bernardino de Sena Garcês e Caetano Francisco Garcês, e ainda: (FP.4.251).

     9 - 1. Luiza Francisca da Trindade, n. 1793, c. 1828, com Antonio José de Abrunhosa Campos, f. do Sarg. Mor Antonio José de Campos e Ana Timótea Curado. (FP.4.251).

     8 - 3. Luíza Francisca Garcês, b. 1770.

     8 - 4. Francisco Fortunato Garcês Bueno, f. 1844, não casou mas de Angélica Rodrigues de Siqueira, n. Silvânia, GO, f. 1859, teve a ger. de FP.4.252.

     8 - 5. Maria Garcês de Jesús, cc. João Vaz Cardoso, f. de José Raposo da Silveira, n. NS. da Penha, SP, e Isabel Bueno de Camargo, de MG, c.ger. em Lopes Silvas.

     6 - 5. Isabel Bueno de Sousa, beata no Recolhimento de Santa Teresa, em SP. (SL.3.213).

     6 - 6. Antonia Maria de Sousa Bueno, solt. no estado de celibato, que escolheu. (SL.3.213).

     6 - 7. Baltazar da Veiga Bueno ou da Silva, c. 1759, Pindamonhangaba, com Ana Ribeiro de Araujo (viúva de Félix da Cunha Portes), f. do Cap. Miguel de Godoi Moreira e Maria Leite de Araujo (em Ferrazes Araujos), com pelo menos: (SL.2.549, 3.211 e 5.198).

     7 - 1. Cap. José Joaquim de Godoi, c. 1790, Atibaia, com Ana de Godoi Moreira, f. de Jorge Ferreira de Camargo e Francisca Cordeiro do Amaral. (SL.1.368 e 3.211).

     7 - 2. Ana Joaquina de Araujo, c. 1788, Guaratinguetá, com Joaquim Gomes de Siqueira, n. Cunha, SP, f. do Alf. Félix Gomes de Siqueira e Joana Maria da Silva.

     6 - 8. Margarida Bueno, f.solt. em 1748. (2.18 e SL.3.213).

     6 - 9. Mariana Bueno da Veiga, c. 1748, SP, com o Cap. João Rodrigues do Prado, de Taubaté, f. MG (onde c. 2ª vez com ....), f. de Domingos Rodrigues do Prado e Violante de Siqueira Gil, s.ger. (2.18 e SL.3.213).

     6 -10. José de Sousa, foi para as minas de Cuiabá.

     5 - 9. Maria da Veiga, c. 1ª vez com Estêvão Sanches de Pontes, n. SP, f. 1686, Sarg. Mor da leva de D. Rodrigo de Castel Blanco, em 1681, aos sertões da Sabaraboçu, f. de Estêvão Sanches de Pontes e Mécia Soares Correia, c.ger. em Pontes e, 2ª, com Manoel Vieira. (2.19, DB.310 e SL.3.213).

     5 -10. Maria da Cunha, cc. o Alf. Luiz Correia de Lemos (ou Luiz Correia de Moraes), morador São Miguel, f. do Cap. Francisco Correia de Lemos e Maria de Moraes, com 7 filhos, entre eles: (SL.3.215).

     6 - 1. Maria Bueno de Moraes, f. 1752, c. 1ª vez com Salvador Barbosa de Lima, f. 1748, SP, quando a esposa estava grávida, f. de Onofre Jorge Velho e Maria Barbosa de Lima, c.ger. em Anes Sobrinhos e, 2ª, 1751, SP, com João Martins Pedroso, f. 1768, f. de José Martins Cesar e Ana Leme de Brito, c.ger. em Chassins.

     6 - 2. Baltazar da Costa e Moraes, cc. Messia Franco de Camargo, f. de Martinho Delgado de Camargo e Izabel Franco da Costa, com pelo menos 6 filhos, n. Atibaia: (SL.7.143).

     7 - 1. José Correa de Moraes, de Atibaia, f. com inventário em1835, c. 1755, Atibaia, com Ignacia Ortiz de Camargo, f. de Francisco de Camargo Ortiz e Joana Correia Paes (em Camargos), com pelo menos: Francisco Correa de Moraes (não relacionado por SL), b. 1760, São João Batista, Atibaia, e ainda: (FS e SL.7.143).

     8 - 1. Lourenço Correa Bueno, c. 1ª vez, 1775, Jaguarí (depois Bragança), com Maria Pires do Prado, f. de João Pires Benito e Marta de Miranda Antunes, com 7 filhos em SL.7.143 e, 2ª, 1827, Atibaia, com Ana Izabel de Moraes, f. de Bartolomeu da Cunha Lobo e Maria Rosa de Faria, s.ger. desta. Entre os 7 filhos da 1ª esposa:

     9 - 1. José Bueno de Camargo, n. Nova Bragança, já f. 1835,  c. 1805, NS da Conceição, Bragança Paulista, com Joanna Cardoso de Oliveira, n. Atibaia, f. de Manoel de Oliveira Preto e Anna Domingues (em Pontes), com 6 filhos em SL.7.143: Manoel Bueno, casado, Clementino Bueno, casado, José, João, e ainda: (FS).

     10- 1. Joaquina, cc. Joaquim Rodrigues Bueno. (SL.7.143).

     10- 2. Maria, cc. Salvador de tal. (SL.7.143).

     9 - 2. Joaquim Mariano Bueno, n. Bragança, c. 1809, NS da Conceição, Bragança Paulista, com Maria de Cerqueira Cesar, n. Bragança, f. do Alf. Ignacio Xavier Cesar e Maria Cardoso de Oliveira. (FS e SL.7.143).

    9 - 3. Bernardino de Sene Bueno, n. Bragança, c. 1814, NS da Conceição, Bragança Paulista, com Jacinta Maria do Espírito Santo, n. Bragança (cujos pais SL não descobriu), f. de José Joaquim de Siqueira e Ângela Maria de Santa Roza, com pelo menos: (FS e SL.7.143).

     10- 1. Jacintho José Bueno, c. 1843, Atibaia, com Florência Maria de Oliveira, f. do Cap. José Joaquim de Oliveira e Anna de Oliveira. (SL.7.144).

     9 - 4. Anna Bueno de Camargo, já f. 1835, c. 1808, NS da Conceição, Bragança Paulista, com Manoel Joaquim de Siqueira ou Manuel Joaquim de Oliveira (cujos pais SL não descobriu), f. de José Joaquim de Siqueira e Ângela Maria de Santa Roza, nm. de João Afonço Pereira e Maria Machado de Lima (estes de Mogi das Cruzes), com: (FS e SL.7.144).

     10- 1. Gertrudes, cc. João de Oliveira ("em Santa Rita da Extrema"). (SL).

     10- 2. Francisca, cc. Antonio de Oliveira. (SL).

     8 - 2. Ana Ortiz de Camargo, c. 1776, Jaguarí, com Antonio de Carvalho Pimentel, f. de Luiz Gomes de Carvalho, de Portugal, e Teresa Pires de Siqueira, nm. de José Pires Pimentel e Ana Pires Ribeiro. (SL.7.144).

     7 - 2. Antonio Correa de Moraes, c. 1759, Atibaia, com Anna de Lima do Prado, f. de Francisco Pinheiro Garcês e Leonor Domingues de Camargo, c.ger. em Jorges Velhos.

     7 - 3. Ana Maria Bueno, c. 1759, Atibaia, com Marcelino de Camargo da Silveira, viúvo de Ana de Godoi Moreira, f. do Cap. Francisco de Camargo Pimentel e Izabel da Silveira Cardoso, s.ger. (em Raposos Silveiras), 2ª, 1765, Atibaia, com Domingos Rodrigues Leme, f. de Francisco Jorge de Siqueira e Francisca Leme de Brito e, 3ª, 1779, com Manoel de Sousa, f. de Francisco Lopes de Medeiros e sua 1ª mulher Rosa de Sousa (em Furtados). (SL.7.145).

     7 - 4. Maria da Cunha Franco, c. 1769, Atibaia, com José Paes de Oliveira, n. MG, f. de Francisco Paes de Brito e Josefa Cardoso de Oliveira. (SL.7.145).

     7 - 5. Mariana Bueno, c. 1771, Atibaia, com José Pires do Prado, irmão de Maria Pires do Prado, do 7-1, 8-1, retro.

     7 - 6. Francisco Bueno de Moraes, f. 1809, invent. Atibaia, c. 1772, Nazaré, com Maria Gonçalves da Cunha, f. de Antonio Correia Marques e Rita Gonçalves da Cunha, c.ger. SL.7.145.

     6 - 3. Catarina Bueno de Moraes, cc. Salvador Cardoso de Távora, f. 1756, irmão de Marcelino de Camargo da Silveira, acima, com 5 filhos: Ângela Cardoso Bueno, f. 1785, Atibaia, Izabel da Silveira Bueno, Inácia, Luiz, falecidos solteiros, e ainda: (SL.1.368).

     7 - 1. Josefa Cardoso Bueno, cc. João Franco Bueno, f. de João Bueno da Silva e Messia Ferreira Franco, c.ger. em Buenos Anhangueras. (SL.1.503).

     5 -11. Margarida Bueno da Veiga de Mendonça, f. com testamento em Taubaté, 1741, c. 1ª vez SP, 1696, com Bartolomeu da Cunha Gago, n. Taubaté, onde f. 1710, Cap. Mor do descobrimento de prata, ouro e pedras, em 1680, irmão de Marta de Miranda, do 5-1, c.ger. em Portes de El-Rei e, 2ª, com Manoel da Cruz, s.ger. (2.19 e SL.3.215).

     4 - 2. Cap. Bartolomeu Bueno de Mendonça, paulista, tomou parte numa bandeira em 1682, e foi dos primeiros devassadores das Minas Gerais, onde foi morto pelos emboabas, sendo inventariado, já viúvo, em Taubaté, em 1702, cc. Domingas Ribeiro da Silva (ou Domingas Ribeiro do Prado e Silva), n. Guaratinguetá, com 6 filhos: Amador Bueno, Domingos Bueno, Bartolomeu Bueno, e ainda:
- Obs.: No testamento de 1717, em Taubaté, de Bartolomeu Bueno de Mendonça, encontrado pelo genealogista Rosano Marcondes, constam ainda 2 filhos "bastardos": Antonio e Marianna.

     5 - 1. Felipa Gago ou Felippa Bueno de Mendonça (cujos casamento e geração SL não descobriu), cc. José Leitão de Abreu, com pelo menos: Manoel da Fonseca, habilitado em genere. (Pesquisa do genealogista Rosano Marcondes, no FS).

     5 - 2. Diogo Bueno de Mendonça, n. por volta de 1695, Pindamonhangaba, f. 1773, cc. Gertrudes da Maia (em Vieiras Maias), n. Irajá, Rio, f. 1763, Cunha, SP, com pelo menos 8 filhos (não constante dos autores), na Revista da ASBRAP, nº 14, fls. 186, entre os quais: (1.82, AS.10.78, 87, DB.250 e SL.1.420).

     6 - 1. Córdula Maria Bueno, n. Cunha, SP, f. 1789, moradora em Cunha, cc. José Pereira de Sousa, n. Paramos, termo da Feira, Portugal, f. de João Álvares de Oliveira e Teresa Maria Pereira de Sousa, naturais de Paramos, com filho único: (AS.10.78 e SL.1.420).

     7 - 1. José Pereira de Sousa (em SL apenas o seu nome), n. Cunha, onde c. 1788, com Maria Felizarda da Silva, n. da mesma cidade, f. de Lourenço Monteiro Ferraz e Maria Francisca Ramos (em Toledos Pizas). (AS.10.78 e SL.1.420).

     6 - 2. Escolástica Ribeiro (ou Escolástica Bueno), n. Cunha, SP, tinha 40 anos no censo de Guaratinguetá de 1765 (realizado na Freguezia de NS da Conceição do Facam, hoje cidade de Cunha), c. 1742, Guaratinguetá, com Nicolau da Fonseca, n. Passo de Limiar, Lisboa, que tinha 63 anos em 1765, f. de Antonio Fernandes e Antonia Henriques, de Portugal, cuja geração SL não relaciona, tiveram pelo menos 6 filhos: ..... (filho ou filha), n. por volta de 1757, e ainda: (SL.1.420 e informações gentilmente enviadas pelo genealogista Rosano Marcondes, de Taubaté, descendente do casal, incluindo toda a geração).
- Obs.: Existe uma pequena discrepância nas idades registradas nos censos de 1765 e 1776, como é normal acontecer.

     7 - 1. Nicolau da Fonseca Bueno, 25 anos no censo acima, solteiro, soldado de ação, 34 anos no censo de Cunha de 1776.

     7 - 2. Lourenço Bueno da Assumpção, 18 anos no censo acima, solteiro, soldado a cavalo, 32 anos no censo de Cunha de 1776.

     7 - 3. Mariana Joaquina de Jesus, n. Cunha, solteira, com 17 anos, no censo da mesma cidade de 1776, c. 1781, na Matriz de São Luiz de Paraitinga, com Joaquim Antonio de Carvalho, f. do Sarg. Mor Manuel Antonio de Carvalho e sm. Inês de Toledo Cortez. (Resumo de casamentos da citada Matriz, por Joaquim Roberto Fagundes, gentilmente enviados pelo genealogista Rosano Marcondes).

     7 - 4. Antonio Henriques da Fonseca, 12 anos no censo acima, solteiro, Sargento da 1ª esquadra, da 5ª Companhia de Cunha, aos 22 anos, no censo de 1775 no censo de Cunha, SP, casou em São Luiz do Paraitinga, SP, com Joanna da Fonseca Telles (solteira em SL.5.277), f. de Pedro Peixoto da Silva e Maria da Fonseca Telles (SL.3.275), com 7 filhos: Escolástica, 19 anos, Maria do Sacramento, 17 anos, Freira, Luíza do Sagrado Coração de Jesus, 15 anos, Beata, Gertrudes do Sagrado Coração de Jesus, 7 anos, Beata, Cecília do Sagrado Coração de Jesus, 5 anos, Beata (todas as idades conforme o censo da Vila de São Francisco das Chagas de Taubaté de 1804), e ainda:
- Obs.: Pedro Peixoto da Silva, citado, f. com testamento 1794, c. 2ª vez com Anna Maria da Silva (este casamento não está em SL), com: Carlos, Antonio, Maria, Anna, Pedro, Luzia, Isabel e João. (Pesquisa do genealogista Rosano Marcondes, no Arquivo de Taubaté).

     8 - 1. Joaquim José do Sacramento, 11 anos (no censo da Vila de São Francisco das Chagas de Taubaté de 1804), cc. Maria Clara Moura de Jesus, f. de Bento de Moura Ferreira e Anna Joaquina de Souza, c.ger. em Moreiras Castilhos.

     8 - 2. José Joaquim do Sacramento, gêmeo do anterior conforme o censo, casou 3 vezes: 1ª vez, com Maria Leopoldina, f. de Salvador de Freitas Cordeiro e Anna Marcondes de Sá; 2ª vez, com Anna Moreira de Castilho, f. de José Pedro Moreira e Clara Maria de Jesus e, 3ª vez, com Gertrudes Maria de Jesus, f. de José Vianna dos Santos e Escolástica Ribeiro.

     7 - 5. Rafael da Fonseca, n. Cunha, onde c. 1782, com Mariana Francisca de Jesus, n. Parati, RJ, f. de Nicolau Ferreira Freire e sm. Francisca de Jesus, n. Parati, np. de Felipe Freire e Margarida Freire, naturais desta cidade, nm. de Domingos da Silva Camacho, n. Ilha da Madeira, e Ana de Freitas, n. Parati. (AS.10.87).

     6 - 3. Margarida da Silva Bueno, n. Guaratinguetá, cc. Antonio Martins de Melo, n. Melo, Vizeu, com pelo menos:

     7 - 1. Antonio da Silva Bueno, n. Cunha, SP, c. 1787, com Maria do Rosário, n. da mesma cidade, f. de Antonio Rodrigues de Carvalho, n. Parnaíba, morador Taubaté, e Ana Soares da Mota, n. por volta de 1732, Taubaté (em Portes de El-Rei). (Casamentos da Matriz da Vila de Cunha, de Joaquim Roberto Fagundes).

     5 - 3. Francisco Bueno. Este ou outro primo do Cabo Maior Amador Bueno da Veiga, acima, de igual nome, comandou uma das alas do exército paulista, juntamente com Luiz Pedroso Castanho (ou Luiz Pedroso de Barros) e, com este, desobedecendo às ordens do Cabo Maior, atacou os emboabas em São João de El-Rei, foi casado e teve pelo menos um filho que também participou dessa guerra. (Bu.25, 29 e DB.64).

     4 - 3. Francisco Bueno de Mendonça, cc. Ana de Siqueira de Albuquerque, e foram pais de pelo menos: (1.82 e SL.1.420).

     5 - 1. Ana Buena de Albuquerque, cc. José da Costa de Camargo f. São Paulo, 1763, morador do Bairro da Penha, São Paulo, f. do Cap. Manoel da Costa Duarte e Ana Maria de Camargo, c.ger. em Camargos. (1.82 e SL.1.314).

     4 - 4. Domingos Luiz Bueno, f. na sua fazenda de Canduguá, em 1721, cc. Josefa Paes do Prado, f. de Antonio Paes e Ana da Cunha, com 2 filhas: (1.82 e SL.1.420).

     5 - 1. Margarida Bueno da Silva, cc. João Rosado Pires, do Além Tejo, com pelo menos: (1.82, SL.1.297 e 420).

     6 - 1. Josefa Bueno Paes, c. 1732, SP, com José Vitorino Borges, f. de Fernando de Camargo Pires e Izabel Borges da Silva, c.ger. em Lopes Silvas.

     6 - 2. Izabel Rosado Bueno, tirou provisão para casar, em 1762, com José de Lemos e Moraes (2ª esposa), f. de outro do mesmo nome e Luzia Bueno da Silva (em Buenos Anhangueras). (SL.1.420 e 510).

     5 - 2. Ana Bueno da Luz, que era solteira em 1721 (ano em que pediu dispensa de parentesco para casar-se com Cosme do Rego de Castro, f. do Cap. Antonio Pacheco Gato), c. depois com João da Rocha Matos, com pelo menos, deste: (1.82, FS e SL.1.421).

     6 - 1. Manoel de Matos Bueno, c. 1755, Atibaia, com Maria de Godoy Bueno, f. de Antonio de Camargo Ortiz (ou Antonio de Godoy Ortiz) e Maria Bueno da Rocha (em Buenos Anhangueras), com 6 filhos: Anna, b. 1756, Atibaia, e ainda: (FS e SL.1.312 e 421).

     7 - 1. Maria Esméria da Assumpção (no batismo, Maria Bueno), b. 1763, São João Batista, Atibaia, c. 1782, na mesma cidade, com Antonio de Siqueira Franco, b. 1746, na mesma cidade, f. de Lucas de Siqueira Franco e Izabel da Silveira e Camargo, c.ger. em Canhamares. (SL.1.421 e 2.50).

    7 - 2. Bento Manoel de Godoy (no batismo, Bento Manoel Bueno), b. 1770, São João Batista, Atibaia, c. 1791, na mesma cidade, com Theresa Maria de Jesus, f. de Simplício Álvares da Cunha e Marcella de Oliveira Pontes, com 4 filhos em SL.5.24, onde observamos: (FS e SL.1.421).

    8 - 1. Francisco Manoel de Matos (cujo casamento SL não encontrou), n. Atibaia, onde foi b. 1796, São João Batista, c. 1812, NS da Conceição, Bragança Paulista, com Gertrudes Maria da Conceição, n. Bragança, f. de Pedro Vaz Pires e Anna Joaquina de Godoy. (FS).

     8 - 2. Jacinta de Godoy (não relacionada por SL), b. 1794, São João Batista, Atibaia. (FS).

     8 - 3. Jacinta de Godoy (outra), b. 1801, São João Batista, Atibaia, provavelmente a que já era f. 1820. (FS e SL.1.421).

     8 - 4. Jaintho, já f. 1820. (SL.1.421).

     8 - 5. Gertrudes de Godoy, b. 1799, São João Batista, Atibaia, cc. Francisco Pires. (FS e SL.1.421).

     7 - 3. Escolastica Josepha de Mattos (ou Escholastica Jacintha), b. 1768, São João Batista, Atibaia, c. 1791, na mesma cidade, com Ignacio Leite de Faria, b. na mesma cidade, f. de Amaro das Neves de Moraes e Maria Leite de Araujo, c.ger. em Ferrazes Araujos. (FS, SL.1.421 e 2.540).

     7 - 4. Ignacio Xavier de Mattos (no batismo, Ignacio Bueno), b. 1774, São João Batista, Atibaia, c. 1797, na mesma cidade, com Ignacia Joaquina de Oliveira (ou Ignacia Alves da Cunha), f. de Simplício Álvares da Cunha e Marcella de Oliveira Pontes, cuja geração SL não relaciona, tiveram pelo menos: José de Mattos, b. 1798, São João Batista, Atibaia, Manoel de Matos, b. 1800, NS da Penha, Araçariguama, SP. (FS e SL.1.421).
- Obs.: O mesmo ou outro do mesmo nome, cc. Anna Joaquina de Camargo, com pelo menos: Benedito de Matos, b. 1817, João de Mattos, b. 1819, ambos em NS da Penha, Araçariguama. (FS).

     7 - 5. Joaquim Mariano Bueno, b. 1765, São João Batista, Atibaia, foi, provavelmente, o mesmo Joaquim Mariano de Mattos, de Atibaia, cc. Izabel Maria de Jesus (ou Izabel Bueno), com pelo menos: José de Mattos, b. 1785, Anna de Mattos, b. 1787, ambos em NS da Penha, Araçariguama, e ainda: (FS, SL.1.421 e 3.434).

     8 - 1. Rita Antonia de Camargo (no batismo, Rita de Matos), b. 1786, NS da Penha, Araçariguama, cc. José Rodrigues Fam, f. de Manoel Rodrigues Fam e Izabel Paes de Barros, com pelo menos: (SL.3.434).

    9 - 1. Joaquim José Rodrigues, c. 1836, Parnaíba, com Anna Margarida de Castro, f. de Antonio Correa de Lemos e Maria Vicência de Castro, de Cabreúva. (SL.3.434).

     8 - 2. Joaquim Mariano de Mattos (o mesmo ou outro), cc. Anna Moreira, com pelo menos: (FS).

     9 - 1. Raimundo José da Cruz, n. 1826, c. 1852, NS das Dores, Ibiúna, SP, com Maria Joaquina Soares Machado, n. 1832, f. de Francisco José Machado e Maria Soares. (FS).

     4 - 5. Amador Bueno, f. solteiro. (1.82).

     3 - 4. Isabel de Mendonça, cc. Manuel da Cunha Gago (que enviuvando, c. 2ª vez com Maria Garcia Rodrigues - em Garcias Velhos), f. 1677, sertanista, f. do Cap. Henrique da Cunha Gago, o moço, e sua 1ª esposa, Maria de Freitas, com 4 filhos: Henrique, Francisco e João de Mendonça, todos sem geração, e ainda: (DB.177, PP.96/7, SL.1.464 e 5.59).

     4 - 1. João da Cunha Lobo, f. 1711, Mogi das Cruzes, cc. Agostinha Rodrigues, s.ger. (SL.5.59).

     3 - 5. Domingos de Góes de Mendonça, f. 1684, Mogi das Cruzes, cc. Mariana da Cunha, f. de Henrique da Cunha Gago, o moço, e sua 2ª mulher, Maria Vaz Cardoso, com 9 filhos:

     4 - 1. Maria da Cunha de Mendonça, cc ...., viúva em 1684.

     4 - 2. Izabel de Góes. (1.81, PP.97 e SL.5.127).

     4 - 3. Henrique da Cunha de Mendonça, cc. Luiza Sardinha, com pelo menos: (SL.5.28).

     5 - 1. Cosme Damião Ribeiro, c. 1734, Mogi das Cruzes, com Úrsula Pereira, f. natural, inventariada 1798, S.João de Atibaia, com 9 filhos: (SL.5.128).

     6 - 1. "Romão da Cunha Ribeiro, morador em Santana do Sapucaí, cc...". Foi, provavelmente, o do mesmo nome c. 1ª vez com Catarina Maria de Oliveira e, 2ª, com Joana Maria de Toledo, com pelo menos: (FS).
             Da 1ª esposa: José Ribeiro, b. 1778, Eugênia Ribeiro, b. 1780,
Gertrudes Ribeiro, b. 1781, Francisco Ribeiro, b. 1784, Maria Ribeiro, b. 1786, Ana Ribeiro, b. 1788, todos em Santana, Silvianópolis, MG. (FS).

               Da 2ª esposa: Rita Ribeiro, b. 1794, Úrsula Ribeiro, b. 1796, Faustina Ribeiro, b. 1801, todas em Santana, Silvianópolis, MG.

     6 - 2. Antonio dos Santos, n. Nazaré, viúvo de Catarina Bueno da Luz, f. de Jerônimo da Veiga Bueno e Mariana da Luz Cardoso, retro. (SL.3.205 e 5.128).

     6 - 3. Manoel da Cunha Ribeiro, c. 1769, Atibaia, com Joana Ortiz de Camargo, f. de João Garcia de Louveira e Maria Pires de Camargo (em Betim), cuja geração SL não relaciona, tiveram pelo menos: (FS, SL.5.128 e 7.454).

     7 - 1. José da Cunha Ribeiro, c. 1795, NS da Conceição, Bragança Paulista, com Gertrudes Maria de Jesus, f. de João Pires Maciel e Efigênia Rodrigues. (FS).

     7 - 2. Antonio da Cunha Lima, n. Atibaia, c. 1812, NS da Conceição, Bragança Paulista, com Albina Franca, n. Bragança, f. de Miguel de Camargo Neves e Joana Franca ou Barbosa Pimentel. (FS e SL.2.157).

     6 - 4. João da Cunha Pereira, c. 1769, Atibaia, com ... (SL).
Obs.: Foi, provavelmente o mesmo João da Cunha Pereira, b. 1742, São João Batista, Atibaia, como João Ribeiro, cc. Luiza Maria, com pelo menos: (FS).

     7 - 1. Francisca Pereira, b. 1784, São João Batista, Atibaia. (FS).

     6 - 5. Maria da Cunha de Jesus, f. 1798, Atibaia, viúva, foi a 2ª mulher do Cap. Domingos Leme do Prado, f. na mesma cidade, 1794, onde foi Juiz Ordinário, tendo sido convidado pelo Governador para organizar e comandar um batalhão com destino ao Iguatemi, f. do Cap. Pedro Fernandes de Avelar e Maria Dias da Silva, c.ger. em Dias da Silva. (SL.3.303).

     6 - 6. Gertrudes da Cunha Cardoso, f. 1794, Atibaia, onde c. 1769, com Antonio Garcia Borba, irmão de Joana Ortiz de Camargo, do 6-3, acima, com 9 filhos, e não 7, como constou em SL: João Borba, b. 1769, já f. 1794, Joana Borba, b. 1770, tinha 24 anos em 1794, Maria Borba, b. 1772, vivia em 1794, Ângela, Constantino, Águeda Borba, b. 1775, Leonardo Borba, b. 1777, João Borba, b. 1779, Modesto Borba, b. 1788, tinha 6 anos em 1794, todos de São João Batista, Atibaia. (FS e SL.5.128 e 7.455).

     6 - 7. Leonor da Cunha Cardoso, c. 1772, Atibaia, com Jorge Rodrigues Velho, irmão de Antonio Garcia Borba, do nº precedente, com pelo menos 4 filhos: Antonio Velho, b. 1776, Manoel, b. 1777, Elesbão Velho, b. 1779, todos em São João Batista, Atibaia, e ainda:

     7 - 1. Rosa Maria, cc. José Rodrigues de Freitas, b. 1766, São João Batista, Atibaia, f. de Manoel Rodrigues Machado e Joana da Silva de Brito, c.ger. (FS e SL.7.455).

      6 - 8. Timótea, n. por volta de 1741, solteira. (SL.5.128 e 7.453).

     6 - 9. Engrácia da Cunha Cardoso (ou Eugênia da Cunha Cardoso), c. 1788, Atibaia, com José Garcia Rodrigues (ou José Garcia de Louveira), f. de Inácio Garcia de Louveira e Catarina Cordeiro do Amaral (em Betim). (FS, SL.5.128 e 7.453).

                                                  Parágrafo 2º 

     2 - 2. Domingos de Góes, n. por volta de 1577, São Paulo, f. com testamento em 1661, Mogi das Cruzes, pode ter sido c. 1ª vez com...., da família Furtado e, 2ª, por volta de 1602, com Joana Nunes de Mendonça, n. por volta de 1583, São Paulo, f. com testamento em 1625, Mogi das Cruzes e, pode ter sido ainda o mesmo que foi Almotacel em 1598, cc...., f. de Diogo Fernandes, "que em 1618 tinha casas na vila, vizinhas de João de Oliveira, tendo sido, ainda, curador dos órfãos no inventário do seu cunhado João Gomes, até 1625, quando tinha mais de 7 filhos", entre eles: (3.44, AS.1.160, 166, EA.503, PP.95/6, SL.1.419/20 e 2.6).
                 Da 1ª mulher?:

     3 - 1. Maria Furtado, n. por volta de 1616, cc. Francisco Pires de Brito, f. de Diogo Pires e Izabel de Brito, com pelo menos: (AS.1.167, PP.96 e SL.2.6).

     4 - 1. João de Brito Furtado, f. com 70 anos, 1735, Parnaíba, c. 1ª vez com Maria de Lara, f. de Francisco Martins Bonilha e Ana de Lara e, 2ª, 1696, nessa cidade, com Mariana de Lima, f. 1726, na mesma cidade, f. de João Machado de Lima e Maria Leme da Silva, e teve: (SL.1.50 e 2.6).
               Da 1ª mulher: Francisco de Salles de Brito e Anna de Lara.

               Da 2ª mulher: Maria Pires, Izabel de Brito, Francisco de Brito, Escholastica de Brito, Ignez de Brito, e ainda:

     5 - 1. Marianna de Lima, c. 1731, Parnaíba, com João Vieira Machado, f. de Manoel Vieira Machado e Anna Ribeiro Soares, c.ger. em Machados Barros. (SL.2.8 e 8.201).

     3 - 2. João Furtado, n. por volta de 1619, f. 1652, c. por volta de 1650, com Ana Teixeira da Cunha (1º marido), n. por volta de 1635, f. 1692, f. de Antonio da Cunha Abreu e Izabel da Silva, c.ger. em Cunhas Abreus. (AS.1.167, PP.96 e SL.6.250).

                 Da 2ª mulher:

     3 - 3. Isabel de Góes, n. por volta de 1607, já c. 1625, com Francisco Leme da Silva, f. 1657, São Paulo, f. de Mateus Leme e Antonia de Chaves, moradores em sua fazenda de Juaguaperuba, SP, com pelo menos 3 filhos: (3.44, AS.1.167, PP.96 e SL.2.349).

     4 - 1. Maria das Neves Leme, c. São Paulo, 1644, com Antonio Lourenço Cardoso, f. 1682, Taubaté (1ª esposa), f. de Antonio Lourenço Camacho, 2º padroeiro da Capela de NS. da Luz, e sua 2ª mulher Isabel Cardoso Vaz Guedes (em Vaz Guedes). (3.44, SL.1.83 e 2.349).

     4 - 2. Maria Leme da Silva, f. 1714, cc. o Cap. Antonio Ribeiro Baião, irmão de Estêvão Ribeiro Baião Parente, comandante das lutas contra os índios no sertão da Bahia, f. de João Maciel Valente e Maria Ribeiro, foram de morada para Curitiba, onde tiveram 13 filhos: (3.44, SL.2.349 e 8.259).
- Obs.: Antonia Ribeiro da Silva, cc. José Martins Leme, n. Curitiba, omitida em SL é neta deste casal (c.ger. em Martins Bonilhas). (3.44).

     5 - 1. Antonio Ribeiro Baião (ou Antonio Ribeiro da Silva), de Curitiba, c. 1691, Nazaré, com Maria de Siqueira de Almeida, f. de Manoel da Cunha Gago e Antonia de Siqueira, com 5 filhos em SL.8.259, entre os quais: (FS).

     6 - 1. Francisco Ribeiro da Silva, c. 1739, Curitiba, com Theresa de Jesus, f. do Cap. Manoel de Lima Pereira e Luzia Martins das Neves, com 4 filhos em SL.8.260, entre os quais: (FS).

     7 - 1. Escholastica de Almeida, c. 1768, NS da Luz da Catedral, Curitiba, com Antonio de Faria (ou Francisco de Faria), n. e b. 1749, na mesma igreja, f. de Salvador de Faria e Ângela Nunes de Siqueira, cc. Salvador de Faria (em Betim). (FS e SL.8.260).

     7 - 2. Maria de Almeida, c. 1768, NS da Luz da Catedral, Curitiba, com Ângelo da Silva Xavier, f. de Francisco da Silva Xavier e Luzia Fernandes de Siqueira, np. de João da Silva Redondo e Clara Marinho, nm. de Miguel Fernandes de Siqueira e Maria Luiz Tigre. (FS e SL.8.261).

     7 - 3. Domingos Ribeiro de Lima, c. 1768, NS da Luz da Catedral, Curitiba, com Marcela da Costa Rosa, f. de Domingos Martins Fraga e Izabel da Costa Rosa, np. de Domingos Martins Fraga e Maria Francisca, nm. de Diogo da Costa Rosa e Paula Fernandes de Oliveira, naturais de Paranaguá. (FS e SL.8.261)

     5 - 2. Pe. Francisco Ribeiro Baião, clérigo.

     5 - 3. Maria Ribeiro da Silva, f. 1696, cc. André Mendes Ribeiro, s.ger.

     5 - 4. João Maciel. (SL.2.349, 7.83 e 8.261).

     5 - 5. Estêvão Ribeiro Baião, morador Atibaia, 1º marido de Maria Bueno, f. de Baltazar de Lemos e Moraes e Maria Bueno de Camargo, c.ger. em Lemos.

     5 - 6. Domingos Ribeiro da Silva. Um do mesmo nome cc. Maria Paes Soares, com pelo menos: Antonio da Silva, b. 1725, Thome da Silva, b. 1728, Maria da Silva, n. e b. 1731, Luzia da Silva, n. e b. 1731, gêmea da anterior, todos em NS da Luz da Catedral, Curitiba. (3.44, FS e SL.8.261).

     5 - 7. Manoel Ribeiro. Um Manoel Ribeiro Baião, cc. Joana Leite da Silva, com pelo menos: (FS).

     6 - 1. Maria Ribeiro do Espírito Santo, c. 1792, NS da Luz da Catedral, Curitiba, com Miguel Rodrigues Pereira, f. de José Rodrigues Pereira e Francisca Ribeiro Cardoso. (FS).

     5 - 8. Maria Ribeiro, cc. Antonio Bueno (do Amaral, b. 1647, f. com testamento em 1680? Vide Canhamares), s.ger.

     5 - 9. Joana Ribeiro, cc. João Lopes Bicudo.

     5 -10. Izabel de Góes, cc. Inácio de Melo.

     5 -11. Francisca Ribeiro.

     5 -12. Ana Ribeiro.

     5 -13. Antonio Ribeiro Leme, f. com testamento em 1735, Curitiba, solteiro.

     4 - 3. Domingos Leme da Silva, cc. Inês Pedroso Navarro (ou Inês Pedroso de Moraes ou, ainda, Inês Navarro Dantas), f. 1712, Itu, f. de Pedro de Moraes Madureira e Ana de Moraes Pedroso (em Antas Moraes), com 12 filhos em SL.7.9 (Tít. Moraes), entre os quais: (DB.271 e SL.2.349).

     5 - 1. Salvador de Moraes, c. 1698, Santo Amaro, com Maria Guedes, f. de Manoel da Rosa Guedes e Maria Rodrigues de Arzam (em Canhamares). (SL.7.9 e 317).

     5 - 2. Antonio de Moraes, de São Paulo, c. 1693, Itu, com Florência Correa, f. do Juiz Ordinário, José da Costa Homem e Maria José, cuja geração SL não relaciona, tiveram pelo menos: (FS. SL.5.419 e 7.9).

     6 - 1. Ricardo de Moraes, n. Itu, c. 1719, NS da Penha, Araçariguama, SP, com Anna de Almeida, f. de Bartholomeu da Rocha Gralho e Francisca de Almeida. (FS).

     5 - 3. Christina Maria de Moraes, cc. Antonio de Souza Dias, f. 1702, com grande geração em SL.7.10, entre os quais: (FS).

     6 - 1. Maria de Souza Dias, npv.1685, São Paulo, SP, onde faleceu, c. 1700, Ilha da Madeira, Portugal, com Thomé Cabral de Ornelas, n. por volta de 1680, c.ger. em SL.7.10. (FS).

     6 - 2. Pedro de Moraes (no batismo, Pedro Dias), truncado em SL, b. 1702, Guarulhos, SP. (FS).

     3 - 4. Ana de Góes, n. por volta de 1603, c. após 1625, com Antonio de Siqueira Caldeira, n. por volta de 1597, morador em Mogi das Cruzes, onde foi Juiz de Órfãos em 1677, f. de Manoel de Siqueira, f. 1614, e Mecia Nunes Bicudo, f. 1647, c.ger. em SL.7.509 (Tít. Siqueiras Mendonças), entre eles, os que estão no título Pretos. (3.151, AS.1.157, 166 e PP.96).

     3 - 5. Maria de Góes, n. por volta de 1605, f. com testamento em 1675, São Paulo, já c. 1625, 1ª vez, com seu tio Francisco de Mendonça (2ª esposa), n. São Vicente, f. São Paulo, 1630, c.ger. no Par. 1º, retro, e, 2ª, com Amador Lourenço da Cunha, f. 1658, Mogi das Cruzes, f. de Amador Lourenço e Maria da Cunha, com 7 filhos: Ana da Cunha, Maria, Izabel, Catarina da Cunha, e ainda: (1.81, 3.40, AS.1.160, 166, PP.96, SL.5.200, 209 e ajuda da amiga, genealogista, Eneida Rangel Celeti, de São Paulo).

     4 - 1. Domingos Lourenço, f. solteiro, no sertão, em 1670.

     4 - 2. João Lourenço da Cunha, cc. Apolônia de Freitas ou Maria de Góes, com pelo menos: (FS e SL.5.201, nota).

     5 - 1. Bartolomeu da Cunha Gago, c. 1ª vez com Maria de Matos Maciel, viúva de Bento de Faria, filha de João Nunes de Siqueira e Maria de Matos e, 2ª, 1736, NS da Ponte, Sorocaba, com Catarina Ribeiro Machado, f. de Domingos Luiz do Passo e Izabel de Lima, c.ger. em SL.5.201.

     4 - 3. Antonio Lourenço da Cunha, cc. Vitória Nunes, com:

     5 - 1. João Lourenço da Cunha (ou João Lourenço Maciel), c. 1727, Sorocaba, com Antonia Leme, f. de Felipe Colaço de Oliveira e Catarina Ribeira (em Gonçalves Lopes), cuja geração SL não relaciona, teve pelo menos: (FS e SL).

     6 - 1. Rita Leme (também aparece como Rita Lima, o que pode ser engano), c. 1ª vez, 1755, NS da Ponte, Sorocaba, com Aleixo Leme da Veiga, f. de João Bicudo de Miranda e Luzia Leme de Anaia (em Bicudos Castanhos) e, 2ª, 1768, na mesma igreja, com Antonio Correa da Silva, f. de Amaro Domingues de Oliveira e Luzia Correa da Silva (em Ponces Torales). (FS).

      6 - 2. Francisca Leme, c. 1759, NS da Ponte, Sorocaba, com Francisco Antonio "C.", f. de Simão Alves "C." e Maria Leme da Silva. (FS).
- Obs.: Tive a impressão de que, onde está "C." poderia ser Colaço.

      6 - 3. José Lourenço da Cunha, c. 1759, NS da Ponte, Sorocaba, com Maria Gonçalves, f. de Pedro Gonçalves e Josefa de "Sunica" (ou Zunega). (FS).

     6 - 4. Felipe Colaço da Cunha, c. 1759, NS da Ponte, Sorocaba, com Maria do Rosário da Silva, f. de João Cubas de Almeida e Gertrudes de Lima, nm. de Simão Alves C. e Maria Leme da Silva. (FS).

     6 - 5. Antonio Álvares Rodrigues (ou Antonio Alves Rodrigues), c. 1746, NS da Ponte, Sorocaba, com Catarina Ribeiro, f. de Antonio Valente e Antonia Rodrigues, com pelo menos: (FS).
- Obs.: O nome dos pais podem estar trocados na cópia do registro de casamento.

     7 - 1. Maria Rodrigues, c. 1766, NS da Ponte, Sorocaba, com Lourenço Leme da Silva, f. de João Leme da Silva e Joana do Prado, c.ger. em Leites Mirandas. (FS).

     7 - 2. José Alves, c. 1768, NS da Ponte, Sorocaba, com Gertrudes Paes de Farias, f. de Valentim Pedroso de Farias e Leonor de Lima, np. de José Nunes de Farias e Maria das Candeias, nm. de Antonio Ribeiro de Andrade e Maria de Lima. (FS).

     7 - 3. Manoel Antonio Rodrigues, n. Sorocaba, onde c. 1783, NS da Ponte, com Anacleta Sardinha, n. da mesma cidade, f. de Domingos Nunes de Faria e Blanca Maria Salvago, np. de José Nunes de Farias e Maria das Candeias. (FS).

     5 - 2. Micaela da Cunha (cuja geração SL não relaciona), cc. Salvador Rodrigues de Moraes, f. de Francisco Saraiva de Moraes e Luzia Monteiro, teve pelo menos: (FS e SL.5.209).

     6 - 1. Inácia Rodrigues, c. 1743, NS da Ponte, Sorocaba, com Manoel da Silva Ferreira, f. de outro do mesmo nome e Maria Domingues Ribeiro (em Gonçalves Lopes). (FS e SL.8.135).

     6 - 2. Luzia Monteira, c. 1744, NS da Ponte, Sorocaba, com João de Oliveira, f. de Francisco da Costa de Siqueira e Vitória de Oliveira, c.ger. em Ponces Torales. (FS).

    6 - 3. Antonia de Moraes, c. 1769, NS da Ponte, Sorocaba, com Braz Esteves da Silva, f. de Manoel da Silva Ferreira e Maria Domingues Ribeiro (em Gonçalves Lopes). (FS e SL.8.135).

     3 - 6. Suzana de Góes, n. por volta de 1610, c. 1636, São Paulo, com Belchior da Cunha Abreu, b. 1599, Santo André de Telões, Amarante, que veio na armada à Bahia, f. de Gaspar da Cunha e Ana Teixeira, c.ger em Cunhas Abreus. (2.102, AS.1.167/8, 3.190, PP.96 e SL.6.238, nota).

     3 - 7. Catarina Nunes, n. por volta de 1614, cc. Francisco Dias Peres. (AS.1.167).

     4 - 1. Francisco Dias Peres (hipótese), c. 1682, com sua prima Izabel de Góes, abaixo.

     3 - 8. Antonia Nunes, n. por volta de 1617, cc. Gaspar de Fontes.

     3 - 9. Duarte Furtado, n. 1625, testamenteiro do pai em 1661.

     4 - 1. Cap. Manoel de Góes, filho ou sobrinho, também testamenteiro do avô em 1661. (AS.1.160 e 3.190).

     3 -10. Margarida, já f. 1672, não está no inventário da mãe em 1625. (AS.1.167).

     3 -11. Manoel, igual à irmã do 3-10.

     3 -12. Domingos de Góes (hipótese), f. 1677, cc. Mariana Maciel, f. 1685, f. de Batista Maciel e Izabel Rodrigues, com 9 filhos: (PP.96 e SL.8.265).

     4 - 1. Izabel de Góes, c. 1682, com Francisco Dias Peres.

     4 - 2. Antonio de Góes Pereira, maior em 1685.

     4 - 3. Batista Maciel, com 18 anos em 1685.

     4 - 4. Domingos de Góes Maciel, com 16 anos em 1685.

     4 - 5. Mariana Maciel, com 20 anos em 1685.

     4 - 6. Ana de Góes, com 17 anos em 1685.

     4 - 7. Maria Pereira, com 14 anos em 1685.

     4 - 8. Antonia de Góes Maciel, com 12 anos em 1685.

     4 - 9. Leonor de Góes Maciel, com 8 anos em 1685. (SL.8.265). 

                                                  Parágrafo 3º 

     2 - 3. Isabel de Góes (hipótese), f. 1629, São Paulo, 2ª esposa de Antonio Raposo, n. Beja, f. 1633, São Paulo (irmão de Estêvão Raposo, f. Santos), que constituem todo o título Raposos Góes, em SL.3.3, onde talvez devessem ser suprimidos alguns Capítulos, que seriam do Título Raposos Bocarros (vide). Observamos ainda: (1.81, 212, 2.23, 3.40, DB.332, PP.134 e 157). 

     3 - 1. Branca Raposo, cc. Diogo Barbosa do Rego, n. Portugal, f. 1661, Guaratinguetá, com 7 filhos em SL.3.10, entre os quais: (GS.109).

     4 - 1. Beatriz Barbosa do Rego, c. 1642, São Paulo, com Matheus Leme do Prado, f. de Pedro Leme e Helena do Prado, com pelo menos os 6 filhos que estão em SL.3.10, entre os quais: (FS).

     5 - 1. Cap. Pedro Leme do Prado (não descoberto por Taques), cc. Francisca de Arruda Cabral (citados em Jorges Velhos), f. de Manoel da Costa Cabral e Anna Ribeiro de Alvarenga, com 10 filhos, em SL.3.10, entre os quais: (FS).

     6 - 1. José Barreto Leme, cc. Anna Cordeiro de Senne e, 2ª vez, 1762, Guaratinguetá, com sua prima, Matha de Miranda, f. de Sebastião Machado Barbosa e Andreza Ferreira de Castilho (em Vieiras Maias). Teve, pelo menos, da 1ª esposa: (FS, SL.3.12 e 43).

     7 - 1. José Leme da Silva, c. cerca de 1778, com sua parenta, Helena Maria de Jesus, f. de Bartholomeu da Cunha Bueno e Maria de Lima, com pelo menos: (SL.3.12).

     8 - 1. Anna Maria da Conceição, c. 1796, Guaratinguetá, com Manoel Rodrigues do Prado, f. de Francisco Borges do Prado e Maria Francisca das Neves. (SL.3.12 e 312).

     6 - 2. Cap. Francisco Barreto Leme do Prado, inventariado em 1782, em Jundiaí, de onde foi um dos fundadores em 1773, n. Taubaté, onde c. 1730, com Rosa Maria de Gusmão, f. de Miguel Garcia da Cunha e Maria de Gusmão, com 11 filhos em SL.3.12, entre os quais:

     7 - 1. Maria Barbosa do Rego, c. 1ª vez, 1749, Jundiaí, com o Alf. Antonio Machado Ribeiro, f. do Sarg. Mor Sebastião Fernandes Machado e Antonia de Moraes e Siqueira e, 2ª, 1763, Jundiaí, com o Ten. Domingos da Costa Machado, n. Portugal (viúvo de Bernarda Correa de Godoy), inventariado em 1808, São Carlos, SP. Teve 3 filhos do 2º marido, entre os quais: (SL.3.13).

     8 - 1. Vicente José Machado, f. 1832, São Carlos, c. 1ª vez, com Hilária da Silva Prado, f. de .... e, 2ª, 1820, São Carlos, com Escholastica Xavier de Arruda, f. de Salvador Martins Castanho e Thomazia da Rocha de Camargo, com 11 filhos da 1ª esposa e 6 da 2ª, em SL.3.13. (SL.1.287).
- Obs.: A 2ª esposa pode ser a do mesmo nome, cc. Vicente Borges de Almeida, com pelo menos: Francisca de Almeida, b. 1833, Joaquim de Almeida, b. 1834, Joaquim de Almeida (outro), b. 1836, todos em NS da Conceição, Campinas, SP. (FS).
               Entre os da 1ª esposa:

     9 - 1. Ten. José Machado da Silva, c. 1816, São Carlos, com sua parenta, Maria Antunes de Campos, f. de Antonio Antunes de Campos e Maria Joaquina de Moraes, com uma filha em SL.3.13, teve mais 6: Joaquim da Silva, b. 1818, José da Silva, b. 1822, Luiz da Silva, b. 1826, Luiz da Silva (outro), b. 1829, Manoel da Silva, b. 1831, todos em NS da Conceição, Campinas, e ainda: (FS).

     10- 1. Maria Clara de Moraes (única relacionada por SL), no batismo, Maria da Silva, b. 1820, NS da Conceição, Campinas, c. 1837, São Carlos, com seu tio, João de Souza Campos, f. de Antonio Antunes de Campos e Maria Joaquina de Moraes, acima. (FS, SL.1.163 e 3.13).

     10- 2. Pedro de Campos (o pai constou como José Machado de Campos), b. 1834, NS da Conceição, Campinas. (FS).

     9 - 2. Anna Engrácia da Silva, f. 1824, São Carlos, onde  c. 1814 ou 15, com Antonio de Godoy Campos (que c. 2ª vez, 1825, com Maria Joana da Silva, irmã da 1ª esposa), f. de Francisco de Godoy Collaço e Anna Emerenciana de Campos, com 2 filhos em SL.4.554, teve pelo menos mais 1: Antonio de Godois Campos, b. 1825, NS da Conceição, Campinas, e ainda: (FS e SL.3.14).

     10- 1. Francisco de Godoy Campos, b. 1817, NS da Conceição, Campinas, c. 1838, São Carlos, com sua prima, Joaquina Angélica, f. do Cap. José Pedro de Moraes e Maria Barbosa Machado (adiante e em Munhós). (FS, SL.4.554 e 7.139).

     10- 2. Anna Eufrosina de Campos (no batismo, Anna de Godoy Campos), b. 1820, NS da Conceição, Campinas, c. 1837, São Carlos, com seu parente, José Soares de Godoy, f. de Pedro José Pompeu e Anna Antonia Soares. (FS, SL.4.236 e 554).

     9 - 3. Maria Barbosa Machado, já f. 1832, c. 1815, São Carlos, SP, com o Cap. José Pedro de Moraes (1ª esposa), b. 1786, NS da Conceição, Campinas, f. do Cap. José Francisco de Moraes e Maria Angélica de Siqueira, c.ger. em Munhós. (FS, SL.3.14,15 e 7.139).

     9 - 4. Emerenciana Machado ou Emerenciana Leme da Silva (truncado em SL), n. 1800, Campinas, f. 1867, Itu, cc. Manoel Joaquim de Toledo, f. do Alf. Joaquim de Almeida Lima e Theodora Francisca de Mattos, c.ger. inédita em Toledos Pizas. (SL.3.14 e descoberta da geneologista Sra. Ana Maria Toledo Rodrigues).

     9 - 5. Joaquim Machado da Silva,  c. 1ª vez, 1824, São Carlos, com Rita da Rocha de Camargo, f. 1839, f. de Salvador Martins Castanho e Thomazia da Rocha de Camargo e, 2ª, 1840, com Firmina da Rocha de Camargo, f. do Cap. Salvador da Rocha de Camargo e Anna Esméria de Arruda Cesar (em Lopes Silvas), com: (SL.1.287, 290 e 3.14).
               Da 1ª esposa teve, pelo menos: Francisca da Silva, b. 1839, Campinas, e ainda: (FS).

     10- 1. Francisco Machado de Camargo, n. Campinas, SP, c. 1859, NS do Parocínio, Monte Mor, SP, com Anna Silvestre do Amaral Gurgel, n. Campinas (ambos solteiros na data do casamento), f. de José Polidorio do Amaral Gurgel e Maria Francisca do Amaral, c.ger. em Campos. (FS).

               Da 2ª esposa teve, pelo menos: Anna da Silva, b. 1850, Luisa da Silva, b. 1855, ambas em NS da Conceição, Campinas, e ainda: (FS).

     10- 2. Francisca Carolina de Camargo, n. Campinas, SP, c. 1895, NS do Amparo, Amparo, com Francisco Antonio Rodrigues, n. Bragança, SP, f. de José Rodrigues Ferraz e Maria Pires de Moraes. (FS).

     9 - 6. Maria Joaquina de Arruda, c. 1834, São Carlos, com seu parente, Antonio Cardoso de Godoy, f. de Bernardo Guedes de Godoy (ou Bernardo Guedes Barreto) e Ana Joaquina de Lara, c.ger. em Almeidas Naves. (FS, SL.3.15, 22 e ajuda da genealogista, Sra. Anna Maria Toledo Rodrigues).

                Entre os da 2ª esposa de Vicente José Machado, 6 filhos em SL.3.15, onde observamos: Francisco Machado, b. 1820 (não relacionado por SL), Francisco Machado (outro), b. 1821, tinha "10 anos em 1832", Maria Machado, b. 1827, todos em NS da Conceição, Campinas, e ainda: (FS).

     9 - 7. Thomazia da Rocha de Camargo, c. 1840, São Carlos, com seu primo, Joaquim da Rocha de Camargo, b. 1814, NS da Conceição, Campinas, f. do Cap. Salvador da Rocha de Camargo e Anna Esméria de Arruda Cesar, c.ger. em Lopes Silvas. (FS, SL.1.297 e 290).

     9 - 8. Theodoro Machado (truncado em SL), b. 1829, NS da Conceição. Parece ser o do mesmo nome, cc. Lucinda de Jesus, com pelo menos: (FS).

     10- 1. Lucinda de Jesus Machado, n. Campinas, c. 1899, NS do Amparo, Amparo, com Benedito Francisco Martins, n. Caçapava, SP, f. de Pedro Martins da Silva e Fortunata Ramos de Oliveira. (FS).

     7 - 2. João Barbosa do Rego, de Jundiaí, n. por volta de 1743, já f. 1782, Soldado de Cavalaria, cc. Isabel de Lara Leite, n. por volta de 1742, moradora Bairro do Mato Grosso, Campinas, 1767, f. de Luiz Pedroso Castanho (que depois passou a chamar-se Luiz Pedroso de Almeida Lara), e Escolástica Leite de Aguiar Lara, c.ger. em Almeidas Naves. (HC.3.47, 110, SL.3.24, 4.553 e ajuda da genealogista, Sra. Ana Maria Toledo Rodrigues).

     6 - 3. Cap. Pedro Leme do Prado, n. Taubaté, morador em Guaratinguetá, onde foi Juiz ordinário e de órfãos, e onde f. 1777, c. 1ª vez, com Maria da Silva, f. de João Cardoso, do Faial, Açores, e Maria da Silva Cardoso e, 2ª, com Isabel de Souza Lara, com 8 filhos da 1ª e 4 da 2ª, em SL.3.25.
              Entre os da 1ª esposa:

     7 - 1. Lucrécia Leme do Prado, c. 1750, Guaratinguetá, com Francisco João dos Passos, f. 1776, f. de Pedro João do Outeiro e Izabel Jorge, naturais de São Martinho do Couto, Braga, com 6 filhos em SL.3.26, entre os quais:

     8 - 1. Carlos Francisco Guimarães, c. 1795, Guaratinguetá, com sua parenta, Helena Vieira Nunes, f. de José Cabral de Sousa (ou José de Sousa Cabral), n. Cunha, e Maria Vieira, cuja geração SL não relaciona, tiveram pelo menos: Manoel, n. 1809, Itajubá, e ainda: (SL.3.26, 57 e pesquisa inédita do amigo, genealogista, Mauricio Prado, paulista, residente em Frederiksberg, Dinamarca).

     9 - 1. José Carlos da Silva, n. Guaratinguetá, c. 1ª vez, 1820, Itajubá, com Anna Joaquina, n. Pouso Alto, f. de José Antonio Rodrigues e Josepha Maria de Jesus e, 2ª, 1829, Itajubá, com Maria Ignez Gonçalves, n. Pouso Alto, f. de Ignez Maria.

     9 - 2. Joaquim Vieira dos Santos, n. Vila de São José, c. 1831, Itajubá, com Anna Pereira de Jesus, n. Guaratinguetá, f. de Joaquim Pereira dos Santos e Joaquina Maria.

     7 - 2. Francisco Pinto do Rego, requereu sua emancipação em 1759 em Jundiaí, e c. 1ª vez, com Maria Dias Cardoso, de Taubaté, f. de João Dias Braga, n. Lisboa, e Catharina Dias Cardoso, de Taubaté e, 2ª, 1808, São Carlos, SP, com Maria Gertrudes de Oliveira, n. Atibaia, f. de Francisco Pinto do Amaral e Mariana Rodrigues, com 3 filhos, da 1ª esposa em SL.3.17:

     8 - 1. Francisca Barbosa do Rego, n. Jundiaí, c. 1783 ou 1788, NS da Conceição, Campinas, com Octavio José das Neves, n. São Paulo, SP, f. de Bento de Toledo Piza e Maria Pires de Camargo, naturais de Taubaté, c.ger. em Toledos Pizas. (FS, SL.3.17 e 5.494).

     8 - 2. Theresa Francisca de Jesus, n. Jundiaí, f. 1843, já viúva, c. 1791, NS da Conceição, Campinas, com Bento Ortiz do Amaral, n. São João de Atibaia, f. de João das Neves Garcia e Joana Cordeiro do Amaral, c.ger. em Betim. (FS e SL.2.150 e 3.17/18).

     8 - 3. José do Rego Barbosa, c. 1ª vez, 1791, Itu, com Custódia Leite de Oliveira, f. de João Leite da Silva Leme e Maria de Oliveira Leme e, 2ª, 1822, São Carlos, com Maria Joaquina, f. de Francisco Barbosa de Godoy e Gertrudes do Prado Leme, com 6 filhos da 1ª esposa em SL.3.18, onde observamos: Diolina Barbosa do Rego (não relacionada por SL), b. 1812, NS da Conceição, Campinas, e ainda: (FS).

     9 - 1. Manoel Barbosa de Oliveira, c. 1815, São Carlos, com Maria Antonia de Oliveira, f. do Ten. Pedro Antonio de Oliveira e Anna Joaquina de Sousa, cuja geração SL não relaciona, tiveram pelo menos: Anna de Oliveira, b. 1817, Joaquim de Oliveira, b. 1824, ambos em NS da Conceição, Campinas. (FS e SL.3.19).

     9 - 2. Joaquim Barbosa de Oliveira, c. 1826, São Carlos, com sua prima, Galdina Barbosa, f. de Francisco Barbosa de Godoy e Gertrudes do Prado Leme (em Almeidas Naves), cuja geração SL não relaciona, tiveram pelo menos: José de Oliveira, b. 1828, NS da Conceição, Campinas. (FS, SL.3.19 e 25).

     4 - 2. Maria Raposo do Rego Barbosa, cc. o Alcaide Mor Braz Esteves Leme (que em 1683 c. 2ª vez com Maria da Luz Correa), n. São Paulo, f. 1700, inventariado no Juízo da Provedoria de Taubaté, residente em Pindamonhangaba, f. de outro do mesmo nome e Margarida Bicudo, com 10 filhos em SL.6.327,  entre os quais: (SL.3.87).

     5 - 1. Maria Raposo Barbosa, cc. Manoel Moniz Pereira, n. Portugal, f. 1696, Taubaté, com 6 filhos em SL.6.328, entre os quais:

     6 - 1. Maria Moniz do Rosário, f. 1759, Pindamonhangaba, cc. o Cel. Antonio de Sousa de Carvalho (que c. 2ª vez com Catharina Correa da Silva), f. 1778, na mesma cidade, com 7 filhos em SL.6.330, entre eles:

     7 - 1. Francisca Maria de Sousa (truncado em SL), f. São Luiz do Paraitinga, SP, com testamento em 1804, aos 65 anos, que em 1778 já estava casada com Pedro Collaço da Silva, n. por volta de 1700, f. 1807, na mesma cidade, com testamento, f. de Antonio Prado da Costa e Margarida Bicudo Correa, cuja geração SL não relaciona, tiveram 4 filhos: (SL.6.330 e informações gentilmente enviadas pela Sra. Rosa Maria de Andrade Nery, autora do livro "São Luiz do Paraitinga, Reduto de gente Bandeirante", incluindo a geração do casal, constante do livro).

     8 - 1. Josefa, n. 1782.

     8 - 2. Anna Clara da Silva, c. 1794, São Luiz do Paraitinga, com Bento Soares de Carvalho, f. de Antonio Rodrigues de Carvalho (provavelmente de Parnaíba, filho de Manoel Marques de Carvalho e Isabel Rodrigues de Miranda) e Anna Soares da Mota (em Portes de El-Rei), com pelo menos:

     9 - 1. Gertrudes Faustino de Sousa, b. São Luiz do Paraitinga, cc. Luiz Cordeiro da Silva, n. 1780, na mesma cidade, onde f. 1828, f. de Antonio Rodrigues da Silva e Francisca Maria de Jesus, c.ger. em Dias Teveriçás.

     8 - 3. Rita Dina de Jesus, cc. Salvador Alves de Moura, f. de Reginaldo Alves de Moura e Francisca da Paz Menezes.

     8 - 4. Maria Luiza de Souza, n. 1776.

     4 - 3. Cap. Antonio Raposo Barreto (ou Antonio Raposo Bocarro), f. 1684, inventariado em Taubaté, cc. Maria de Brito Leme, f. de Braz Esteves Leme e Margarida Bicudo, com 8 filhos em SL.3.88, entre os quais: (GS.145).

     5 - 1. Branca Raposo de Brito, cc. o Cap. Serafino Barreto Correa ou Serafim Barreto Correia (que c. 2ª vez com Isabel de Anhaya), n. Guimarães, Portugal, com grande geração em Moreiras Castilhos. (GS.145 e SL.3.88).

                                                  CAPÍTULO 2º 

     1 – 2. Francisco de Mendonça, que Taques diz ser filho do Título, n. Ilha da Madeira, de onde veio com os seus pais em 1545, pode ser o mesmo do Cap. 1º, Par. 1º. (1.81, 213 e 3.40).

                                                 OBSERVAÇÃO

     Não confundir, 3 irmãos Góes vieram com Martim Affonso e Souza, e são anteriores ao Domingos de Góes, acima, e parece que não seriam partes do título de Taques: (Genealogia Sebastianense, de João Gabriel de Santana, fls. 224 e 225).

     1 - Pedro de Góes (ou Pero Góes), veio com Martim, voltou a Portugal, e veio depois, como Capitão Mor da Armada que esteve em Santos em 1553, falecido em São Paulo, Fidalgo da Casa de Sua Alteza, recebeu uma sesmaria fronteira ao Enguaguaçu, onde fez um engenho dágua de nome Madre de Deus (que voltando para Portugal, passou ao seu irmão Luiz), e uma capela da Senhora, com a mesma invocação (Capela de Nossa Senhora das Neves).

     2 - Gabriel de Góes.

     3 - Luiz de Góes (também chamado Luiz de Góes da Silveira), que veio com Martim, mudou-se para Portugal em 1553, com a esposa Catarina de Andrade Aguillar, deixando o engenho para a filha, com pelo menos: (GS.223 e 234).

     3-1) Scipião de Góes (primogênito), ainda permaneceu algum tempo em Santos após a volta dos pais, mas depois fugiu para o Paraguai ("em companhia de certos castelhanos"), não se sabe porque.

     3-2) Cecília de Góes e Aguillar (ou Cecília de Góes Andrade), já veio de Portugal cc. Domingos Leitão (irmão de Jerônimo Leitão, Baltazar Leitão e Genebra Leitão de Vasconcelos, esta cc. Antonio de Oliveira), com pelo menos: (GS.223 e 234).

     4-1) João Gomes de Andrade Leitão.

     3-3) Pero de Góes?, que comunicou a El-Rei, em carta de 1548, a necessidade de defender as costas do Brasil contra os franceses. (GS.223).

 

Ir para: Página Principal,    Índice Geral,     Região Serrana,    Imigração árabe,     Tiradentes,     Batch Numbers,     Bibliografia e códigos